Staten Island

Página 10 de 13 Anterior  1, 2, 3 ... 9, 10, 11, 12, 13  Seguinte

Ir em baixo

Re: Staten Island

Mensagem por Antony Salon em Sab Maio 14, 2011 7:48 pm

O guardião agora tinha sua transformação completa e já seguia ao encontro dos operarios quando avistou um carro parando proximos aos operarios.Merda,mais que porra!!!Pensava o guardião ao avistar um jovem aparentando seus 25 anos Parar o carro aproximo do local aonde os homens estavam.E parece que o banquete vai ser maior a final!
Pensava o guardião já imaginando o banho de sangue que estava por vir.

Sem nem mesmo sair das sombras que o escondiam, o guardião manipulava as sombras como um artista plástico manipula sua argila, moldando as sombras para que ela engula sua vitimas, e com um corte suave na palma das mãos o guardião despendia sus vitae ao chão, que se esqueirava rapidamente tornando-se braços de trevas sólidas que nasciam das sombras proporcionadas pelo homem dentro do carro, ao mesmo instante braços de trevas também surgiam ao lado dos operarios deitados. Vamos ver como eles se saiem com meus filhos!



Sistema das ações:
Mortalha das trevas sobre os 5 homens agora ali presentes.
Braços do abismo com prioridade no homem dentro do carro (no minimo 2 no carro os demais iram aparecer ao lado dos homem deitados ok.)
E fico nas sombras para observar a reação de ambos para ver oque eles iram fazer com a mortalha e os braços sobre eles ok.

Ações dos tentaculos:

Os dois do carro irão agarrar o homem o puxando para o lado do banco do carona neutralizando uma possivel tentativa de fuga e o esmagando ok.

Os outro esmagaram os homens deitados mais proximos.


(lembrando que humanos não conseguem respirar dentro da mortalha ate mesmo os carniçais não conseguem ter ar para respirar.


Última edição por Guidim em Seg Maio 16, 2011 8:53 am, editado 2 vez(es) (Razão : Vinculado as postagem [Guidim])
avatar
Antony Salon

Data de inscrição : 17/04/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Staten Island

Mensagem por painkiller em Dom Maio 15, 2011 2:12 am

Lobo coça a cabeça, e apara a queda do ogarotinho dos jornais "esse cara é doido, mas foi engraçado o modo como ele reagiu à minha presença, talvez seja bom manter ele por perto durante mais alguns segundos, mas também não posso deixar esse jornaleiro viado fugir".

Lobo põe a mão no ombro do pequeno jornaleiro, com um pouco de força, como quem diz "fica quieto, calado e se sair daqui eu te mato", sem no entanto deixar de tratá-lo de forma respeitosa, sabendo que a polícia encontra-se rondando por ali dá uma baforada do seu charuto, e diz para o cara que estava na sua frente;

-- Que tipo de movimentos temos aqui, Sr. qual o seu nome mesmo Chapa? (presença 1) Lobo estende a mão para o homem à sua frente com uma expressão séria, de repente ele poderia lhe ser útil e no mundo das sombras contatos nunca são de menos.
avatar
painkiller

Data de inscrição : 23/03/2010
Idade : 29

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Staten Island

Mensagem por Mathsaez em Dom Maio 15, 2011 8:04 pm

-Que isso senhor eu vim aqui com o pensamento de que poderia jogar- Vick tira $150 da carteira e continua- me disseram que voces sao verdadeiros jogadores e que suas mulheres sao muito bonitas, resolvi dar uma passada e quem sabe jogar um pouco!

Vick pega uma cadeira qualquer que esteja sobrando e se senta nela colocando o dinheiro emcima da mesa


Vamos lá senhores, apostem !
avatar
Mathsaez

Data de inscrição : 03/02/2011
Idade : 20
Localização : Itabira - MG

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Staten Island

Mensagem por Samuel em Seg Maio 16, 2011 12:55 pm

Pestilence olhava para a garota ao lado que estava estragando seus negócios... Maldita pirralha... Seus olhos cruzavam com o dela... Ele levantava-se e ia em direção menina...

Pestilence: - Onde estão seus pais? O que você esta fazendo aqui?! - Pegava ela pelo braço. Observava que ela fumava um cachimbo de crack improvisado - Ou você sai daqui agora, ou te entrego para a policia! Você esta atrapalhando minhas vendas. - falava fazendo um gesto com a cabeça em direção ao carro patrulha que vinha vindo.

Manipulação + Intimidação...

Se a garota sair... Pestilence volta a sentar na sua venda e volta a anunciar novamente suas maçãs..

Carisma + Labia...

_________________

I have shemed too long to be suplanted be dead gods. If i cannot have this world, no one can. - Eternal Pestilence
Sou bom até quando sou mau. Quando sou mau, passo a ideia de estar defendendo o ideal de todos - Leon Heizen N'Diaye
avatar
Samuel
Administrador
Administrador

Data de inscrição : 19/03/2010
Idade : 28

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Staten Island

Mensagem por Zachary em Qui Maio 19, 2011 8:04 pm


Agora motorizado, nossa travessia pelo bairro era muito mais rapida e suave. não podia analisar meu reflexo, para ver minha forma de homem da lei, mas certamente achava a situação no minimo cômica, um belo deboche. Conforme nos aproximavamos a praça e viamos alguns homens agindo de maneira suspeita olhava para o meu "Parceiro". --Então, Sacerdote não é? o que acha de mandarmos um sinal?. questionava o forçando um sorriso sacana. Tão logo o Radio policial nos interrompia e eu então prontamente o respondia. --Central! Viatura Sierra 19 na escuta. Minha voz soava com um tom de urgencia e temor, emendava parecendo desesperado. --Um suspeito foi capturado, temos um 10-75 e possivelmente um 10-77 no Yankee Stadium! Envie todas as viaturas imediatamente!. Eu Repito um 10-75 e 10-77 Possivel ameaça terrorista no Yankee Stadium!.(FV)

Meu sorriso era diabólico, e esperava no minimo a mesma expressão facial do nosferatu.Revirava o carro por dentro, procurando quaisquer objetos que me fosse util, como que poderiam ser utilizados em "EXPLOSOES", Sinalizadores,armas etc.. Saia da viatura e acendia um cigarro. Conforme um individuo se aproximava da viatura, dizendo-se desarmado, o rechaçava --Eu pareço com um jornaleiro pra voce!? fique aonde posso ve-lo. Aproveitava o cigarro enquanto examinava o homem de cima a baixo. Ansioso para ver do que o velho "Padre" era capaz.


off:Vou usar minha manipulação para enviar as viaturas policiais pra longe do Staten e pra outro cenario. Bém longe do Staten What a Face. Lembrando que tenho voz encatadora e panz, também usarei força de vontade pra forçar 1 sucesso.

10-75 e 10-77 são os códigos de ameaça de Bomba e ameaça quimica by the way Laughing


Última edição por Zachary em Qui Maio 19, 2011 10:04 pm, editado 2 vez(es) (Razão : Correção simples²)
avatar
Zachary

Data de inscrição : 08/05/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Staten Island

Mensagem por Convidad em Qui Maio 19, 2011 10:26 pm

O lasombra terminava de anunciar o falso pedido de ajuda no rádio policial. A escolha de faze-lo tornava tudo mais fácil, já que iria afastar qualquer resistência que o bando pudesse encontrar. Jericho confia na lábia do vampiro, e devolve o sorriso canastrão sem demorar. A sua camuflagem de ofuscação imitaria as vozes e até mesmo os maneirismos que os policiais tinham enquanto vivos, oque deveria facilitar ainda mais o golpe.

O nosferatu dirigiu por alguns minutos nas ruas mal iluminadas de staten island, prcurand uma praça para poder começar o show. Durante a viajem, em silêncio, mentalizou as ações que deveriam ser feitas. Era bem provavel que aquele lugar estivesse repleto de cainitas. Era afastado da cidade movimentada, tinha um fluxo inesgotável de dinheiro vindo através de atividades ilegais e era provavelmente o melhor lugar da cidade para esconder cadáveres. O nosferatu não ficaria surpreso se outros vampiros esbarrassem no carro ao chegar na praça.

Uma vez no coração da bandidagem, Jericho ia parando o carro lentamente enquanto dava a volta pela praça. Todos os que estavam presentes estariam olhando para a viatura fazendo a ronda. Não demorou até que um sujeito de aparência suja e mal-encarada se aproximasse da viatura e indagasse a respeito dos acontecimentos que haviam passado a algumas horas atras. O lasombra tratou de afastar o sujeito, que era obviamente alguem de fora. Certamente as pessoas que vivem no local não teriam motivos nenhum para aproximar-se da policia em um lugar destes, ainda mais à esta hora da noite,

-Não encosta na viatura, vagabundo! Se tentar qualquer gracinha eu vou meter o cacetete tão fundo no teu rabo que tu vai precisar de uma muleta pra andar! [Jericho ria com a sua cara de gado] Soldado Cody, tenha a bondade de verificar se o meliante está armado e ligar o giroflex dessa caranga.. com a sua licença.. [Jericho pegava o mega-fone e metia a cabeça para fora do carro, saindo logo em seguida] Vamos fazer essa merda, então..

Jericho metia o pé pra fora do carro e saia da viatura com o megafone em mãos. O sorriso do nosferatu rapidamente ia transformando-se de bonachão e rosado para uma caricatura horrenda e cheia de dentes. Voluntariamente o vampiro suspendeu a sua ilusão e revelou a sua carne mortificada e aparencia lupina. Ian tambem perdeu o disfarçe, provavelmente causando certa confusão e fazendo o lasombra conferir oque o rato estava fazendo. Jericho só gargalhava. Seus dentes numerosos e afiados como agulhas escorriam saliva, havia algumas palavras trancafiadas em seus pulmões que precisavam ser ditas. Antes de começar, no entanto, Jericho deveria preparar o tom apropriado para o espetáculo. O rato de esgot vai até a traseira do veículo e abre o porta-malas, arrastando os cadáveres dos policiais para fora do carro e empilhando-os na frente do mesmo. A idéia seria formar um pequeno montinho com os corpos, para servir de palanque ao sacerdote. Ainda na traseira do carro, Jericho saca a sua shotgun poderosa e dá um ou dois disparos na lataria do tanque de gasolina, o suficiente para abrir um rombo para que a gasolina pudesse escorrer e preencher todo o espaço sob o carro. O som do disparo alertaria a vizinhança e afastaria os humanos, mas felizmente os reforços estariam longe do parque. Depois, com um movimento rápido e certeiro, o nosferatu tira o cigarro da boca de Luther, comentando qualquer coisa sobre os riscos de fumar com um sorriso no rosto e o jogava, iniciando um incêndio. Quando as chamas começassem a crescer, o nosferatu iria brandir a shotgun sobre os cadáveres e falaria no megafone enquanto o carro em chamas na sua traseira alimentava o pequeno incendio e projetava a sua sombra longe naquela noite fria.

-Saiam da escuridão, criaturas horrendas, pois a hora de se esconder já passou! [Jericho disparava a shotgun para o alto e gargalhava no megafone] Não tenham medo, aproximem-se da luz, enquanto eu estiver aqui o fogo não irá ferir a vossa carne fria e morta! [As chamas agora deveria estar começando a englobar o carro, o suficiente para gerar certo calor] Esta noite faremos um chamado à guerra e estamos procurando legionários! Venham, apareçam, filhos de caim!

Convidad
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Staten Island

Mensagem por Rion em Qui Maio 19, 2011 10:33 pm



STATEN ISLAND - NOVA YORK


As ruas estavam escuras... Nada que eu já não tivesse visto antes. Rezava para Cain para encontrar algum saco de sangue perdido, desolado, nessas ruas tão solitárias. Gosto de passar o tempo assim, mas hoje havia um motivo diferente para caminhar pelas ruas. Aqui em Staten Island, disse um puto, tem um comércio de armas muito interessante, e eu preciso de um brinquedinho desse tipo. Os putos da Gaymarilla vivem no meu pé, e preciso de armas decentes pra queimar esses escrotos...

Minha máscara de gás intesificava a luz da lua nos meus olhos, e ela estava bem mais forte essa noite. E agora preciso saber onde acho os brinquedinhos... E não tenho nem idéia de como. Eu andei um pouco e cheguei até uma praça, meus olhos brilharam, na expectativa de encontrar algum saco por lá, E encontrei um carrapato, fumando crack. Mas algo mais intenso me chamou atenção... O fogo.

(OFF: O ritual descrito no post de cima)
avatar
Rion

Data de inscrição : 27/03/2010
Idade : 29
Localização : Jungle City Manaus

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Staten Island

Mensagem por Crowley em Seg Maio 30, 2011 3:11 pm

Crowley procurava por um lugar onde pudesse aumentar seus armamentos e tinha ouvido comentários de Lucita sobre Staten Island, ela dizia que lá poderia encontrar alguns menbros do saba quem sabe ate contato poderia ser feito nesso local.
Mesmo nao tendo muita grana poderia negociar com alguns pertences como sua espada de lamina medieval talvez conseguia algo em troca sobre a mesmo entao ele a guarda com todo cuidado em uma caixa de violão para desfaça e nao chamar atenção em seguida fala com lucita sobre o estava prestes a fazer ele disse que no centro da cidade havia uma praça onde talvez eu conseguia algo porem ela me manda tomar cuidado disse que aquela are é muito perigosa.
A pois algumas hora ele chega muito atento olhando para os lados onde pudesse identificar uma possivel fonte de troca pela sua espada.

Hum.. sera que consigo algo em troca disso?
tenho que conseguir uma Kukri(Facão de lamina curvada) ou quem sabe um facão mesmo e algumas munições aiai veremos no que dar.

Crowley preocura um lugar onde ele pudeser iniciar esse tal processo de troca, Crowley vestia roupas pesadas de inverno um sobretudo preto com suas magnos .50 e alguns notas em sua carteira que agora se encontrava dentro das calças na parte da frente.
avatar
Crowley

Data de inscrição : 02/12/2010
Idade : 27
Localização : Rio de janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Staten Island

Mensagem por Guidim em Qui Jun 09, 2011 3:02 pm

Nanaly Rachell
A pequena Samedi não estava satsifeita com as informações que tinha recebido do tal Dereck, queria mais... Usando de seu dom se esgueirava pela sombras da mata e punha-se a seguir o LaSombra.

Spoiler:
Nanaly rolou 7 dados de 10 lados com dificuldade 5 para furtividade + destreza que resultou 2, 7, 3, 1, 2, 2, 3 - Total: 0 Sucessos

Spoiler:
Dereck rolou 3 dados de 10 lados com dificuldade 6 para percepção + prontidão que resultou 10, 4, 4 - Total: 1 Sucessos


Nanaly começava a seguir o LaSombra bem falado, ele se encaminhava para dentro daquela pequena mata cada vez mais, a Samedi que o seguia começava a encontrar dificuldades pelo caminho, folhas secas e poças d'agua eram desviadas, mas um galho seco mesmo com seu peso minúsculo era quebrado, instantaneamente o LaSombra astuto se virava e averiguava o que tinha acontecido, olhava na direção de Nanaly.

Spoiler:
Dereck rolou 5 dados de 10 lados com dificuldade 7 para reciocinio + prontidão que resultou 5, 9, 3, 6, 3 - Total: 1 Sucessos


Fixa seus olhos nos de Nanaly e comenta:
Dereck: - Então era assim que pretendia se manter?? me seguiria e depois iria fazer o que?não sei se devo considerar sua atitude como hostil á minha pessoa... deixe-me pensar...

Status:ok
PS:11/11
FV:7/7





Marcus Young - Luthier
Young chegava até o cais e ao notar os estivadores que se levantavam para trabalhar faz um sinal para chamar a atençãos dos homens, estes homens pouca atenção dava á Young que permanecia dentro do carro.

Enquanto Young buscava uma maneira de encontrar informações, Luthier, agora um monstro composto por sombras buscava seu alimento da noite, ao notar um carro que chegava ao cais rapidamente trocava de alvo , o homem do carro agora seria seu prato principal.

Em um local que valorizava sua ocultação naquela forma medonha Luthier tentava invocar seus poderes do abismo, tentava concentrar seus esforços e trazer para o mundo a mortalha tão conhecida pelo seu clã.
Spoiler:
Luthier rolou 2 dados de 10 lados com dificuldade 6 para mortalha que resultou 4, 4 - Total: 0 Sucessos


Luthier caminhava para cima de seu alvo enquanto tentava invocar, porém sem sucesso sua mortalha das trevas, alguns estivadores que olhavam para direção de Young instintivamente saiam correndo em berros totalmente estregues ao pavor do Rõtschreck ao ver o monstro composto por sombras.

Young que chamava os estivadores para uma possível conversa quando fora surpreendido por um ataque surpresa notava uma besta que vinha de suas costas compostas por sombras e espectrais tentáculos em sua barriga.

Ter ficado oculto enquanto Young chegou em seu carro deu a Luthier a possibilidade de um ataque furtivo, o que da +1 de bônus de ataque ao Lasombra caso Young não o perceba, apesar da invocação da mortalha ter falhado, talvez pelo fato de fazer sem concentração enquanto caminhava, o Lasombra abria a investida contra Young, Luthier ainda tinha a ação de seus tentáculos.

Spoiler:
Luthier rolou 6 dados de 10 lados com dificuldade 6 para destreza + furtividade que resultou 1, 7, 10, 8, 3, 7 - Total: 3 Sucessos

Spoiler:
Marcus young rolou 2 dados de 10 lados com dificuldade 6 para percepção + prontidão que resultou 8, 7 - Total: 2 Sucessos


Young só reparava que alguém estava á lhe atacar quando ja era tarde demais.

Spoiler:
Luthier rolou 5 dados de 10 lados com dificuldade 6 para briga + destreza do tentáculo que resultou 8, 4, 6, 5, 9 - Total: 3 Sucessos
Luthier rolou 2 dados de 10 lados com dificuldade 6 para dados que faltaram no teste acima que resultou 9, 3 - Total: 1 Sucessos Total = 4 sucessos

(acumulado 3 dados de bônus para o teste no próximo turno)

Luthier saberia que poderia agora tinha uma vantagem para sua próxima cartada, sua presa estava presa em seus tentáculos, e em sua próxima ação poderia manipulá-la como bem entendesse.

Agora estavam ali os dois cainitas, Luthier com a incerteza de quem atacava, não sabia se era um cainita ou um humano ou até mesmo um Lupino, por sua vez Young sabia com certeza com quem estava lidando, e com certeza tinha isso á sua vantagem mesmo estando machucado e preso ao tentáculo do LaSombra.

Iniciativa próximo turno: do Young
Luthier = 11
Young = 14

Resumo das rolagens:
Luthier - Mortalha = 8 dados -6 = 2 ( 6 dados a menos devido á caminhada. pag.209)

Luthier
Status: escoriado [agravado 5PS]
PS: 7/10
FV:6/7

Marcus
Satus: ok
PS: 12/13
FV: 9/9

Senhores visto qu estão em combate, peço que postem ações com calma se adiantar a postagem, isso vai gerar um duelo demorado porém completamente facil de se entender e interpretar.




Charlotte
Charlotte escolhia como ramo de cultivação a política, para ela seria ótima ter contatos nos governantes da cidade e saber das falcatruas que acontecer nos bastidores políticos.

Apeans com um "Ta bom senhorita, seu pedido é uma ordem" Jhon encerrava a ligação.

Charlotte terminava a contagem das notas e a segurança e o aconchego de seu refúgio a acolhia. Ela esperava por Ralf que poderia demorar algumas horas para voltar, ela não estava em total disposição para se aventurar pela noite, mas para um Guardião o céu nunca é o limite.

Enquanto curtia a paz de seu refúgio recebia uma e-mail de seu agente do banco.

-Prezada Srta. Charlotte informamos que ao longo de sua estadia em nossa agência e pelos monstantes movidos oferecemos a chance de ingressar ao plano de investimentos estaduais, há muito tempo vinhamos analisando um parceiro ideal para nossa banco nessa jornada de investimentos e graças aos suas movimentaçãos atuais acabamos de elegê-la a prioritária nesse cargo, aguardo respostas.

Atenciosamente

Allan Firk, Gerente comercial

As finanças de Charlotte corriam tão bem que possíveis negócios começavam a bater em sua porta, decisões corretas poderiam levar á maiores lucros e decisos erradas á uma falência súbita.

abaixo do rodapé do e-mail vinha o extrato do último saldo da LaSombra.

Renda mensal : $60.000
Liquidação total de bens : $10.000.000

Parece que alguém nessa cidade acabara de adquirir um novo patamar acima do "podre de rico", Charlotte fora a primeira a alcançar esse posto graças á seus esforços, e poderia nomear sua nova posição no mundo econômico como bem entendesse.

Recompensas:
Recurso : 6


Status: Machucada -1 [Agravado] (10 PS para curar) não poderá mais curar agravado essa noite
PS: 10/15
FV: 3/9
Aparência 4-1=3







Vicktor

O Ravnos entrava sem ser anunciado na sala da gerência, após lhe solicitado explicações com sua malícia ja tentava se acoplar ao grupo de jogadores de forma amistosa, como quem não quer nada-com-nada.

Os homens ainda na mesa continuavam a encarar, apenas um homem alto, porte físico0 atlético e com óculos escuros levanta de seu assento fazendo com que a cadeira voe ao chão quando levanta repentinamente.

???: - Qualé cara qual o seu problema você é retardado, ou quer que eu enfie na sua cabeça as palavras "Não Pertube" e "Caia Fora".?

Don Córneo: - Calminha Richard... calminha não é assim que deve-se tratar um possível membro de mesa.. vamo senhor se apresente, quem sabe....

Nesse momento Don Córneo era interrompido por uma explosão que vinha do lado de fora e uma claridão que dominava aquela saleta, todos invlusive Viktor não hesitaram á se lançar ao chão com o susto que tomaram.

Don Córneo se encaminhou até a janela e comentou:

Don Córneo: -Novamete, estão causando problemas na nossa área rapazes.... chame Adam e Juan.... ta na hora de acabar com a putaria, depois eu rapelo todos vocês vamos ver que porra esta acontecendo la fora.

Status: ok
PS: 13/14
FV:8/8





Enquanto isso na Praça Central....

Crazy Nick - Ian - Jericho - Luke - Lobo - Matt - Sonja - Samuel - Crowley


Os dois "policiais" se aproximavam da praça central e Ian usava de um artifício para tentar mandar para longe toda e qualquer inconveniência policial que pudesse intervir na noite.
Spoiler:
Ian luther rolou 6 dados de 10 lados com dificuldade 4 para manipulação + lábia que resultou 4, 8, 5, 7, 9, 1 - Total: 4 Sucessos


"-Entendido oficial, movendo todas as unidades para o local para averiguação, estado de alerta nivel 5."

Ian conseguia com maestria usar sua fala mansa e sua manipulação para despachar para bem longe todas as viaturas.

Logo Matt se aproximava da viatura e era abordado pelos dois policiais.

Lobo via o homem dar-lhe as costas e permanecia segurando o garoto. O garoto ainda estava assustado e Lobo numa mistura de agressão e fascínio mantinha o garoto perto de si.
Garoto: - Por favor senhor não me machuque, só quero ir embora.

Samuel Abordava a pequena garota viciada ao seu lado, tentava intimidá-la mas a leseira da garota era tamanha que pouca importância ela dava ao Gangrel, ela estava em outra dimensão, apenas repetia a frase várias vezes
Garotinha: - ta nevandoooo, ta nevandooo., - e sucumbia á uma crise de riso seguido por uma depressão.

Sonja procurava pelos animais irracionais, humanos não existiam mesmo por ali, mas ratos, cachorros moribundos e gatos da noite era o que mais tinha por ali. A Tzimisce abordava um desses gatos, a garota começava a conversar com o animal quando instintivamente o animal disparava em corrida ao ouvir o barulho de um série de disparos de shotgun.

Crazy Nick próximo á garota vê o vendedor de maçãs que numa crise de fúria agarrava a garota pelo braço e á ameaçava, a cena seria sinistra, se não fosse cômica aos olhos do filho de Malkav.

Crowley chegava até a praça que agora possuia uma certo movimento, de longe tinha ouvido alguns disparos e quando chegava até a praça ja se deparava com a seguinte cena:

Todos os presentes naquela praça começam a notar o estranho movimentos que a viatura policial começava a fazer, Luke Cage que mais ao longe observava a ação de todos naquela praça também avistava a seguinte cena:

Jericho metia o pé pra fora do carro e saia da viatura com o megafone em mãos. O sorriso do nosferatu rapidamente ia transformando-se de bonachão e rosado para uma caricatura horrenda e cheia de dentes. Voluntariamente o vampiro suspendeu a sua ilusão e revelou a sua carne mortificada e aparencia lupina. Ian tambem perdeu o disfarçe, provavelmente causando certa confusão e fazendo o lasombra conferir oque o rato estava fazendo. Jericho só gargalhava. Seus dentes numerosos e afiados como agulhas escorriam saliva, havia algumas palavras trancafiadas em seus pulmões que precisavam ser ditas. Antes de começar, no entanto, Jericho deveria preparar o tom apropriado para o espetáculo. O rato de esgot vai até a traseira do veículo e abre o porta-malas, arrastando os cadáveres dos policiais para fora do carro e empilhando-os na frente do mesmo. A idéia seria formar um pequeno montinho com os corpos, para servir de palanque ao sacerdote. Ainda na traseira do carro, Jericho saca a sua shotgun poderosa e dá um ou dois disparos na lataria do tanque de gasolina, o suficiente para abrir um rombo para que a gasolina pudesse escorrer e preencher todo o espaço sob o carro. O som do disparo alertaria a vizinhança e afastaria os humanos, mas felizmente os reforços estariam longe do parque. Depois, com um movimento rápido e certeiro, o nosferatu tira o cigarro da boca de Luther, comentando qualquer coisa sobre os riscos de fumar com um sorriso no rosto e o jogava, iniciando um incêndio. Quando as chamas começassem a crescer, o nosferatu iria brandir a shotgun sobre os cadáveres e falaria no megafone enquanto o carro em chamas na sua traseira alimentava o pequeno incendio e projetava a sua sombra longe naquela noite fria.

-Saiam da escuridão, criaturas horrendas, pois a hora de se esconder já passou! [Jericho disparava a shotgun para o alto e gargalhava no megafone] Não tenham medo, aproximem-se da luz, enquanto eu estiver aqui o fogo não irá ferir a vossa carne fria e morta! [As chamas agora deveria estar começando a englobar o carro, o suficiente para gerar certo calor] Esta noite faremos um chamado à guerra e estamos procurando legionários! Venham, apareçam, filhos de caim!

Depois do dircurso, e de chamado a atenção de todos os presentes no local, Uma explosão digna de um filme de Hollywood acabava com a viatura alvejada e os corpos dilacerados.

uma explosão dessa magnitude ativava o medo vermelho de todos os cainitas presentes, todos tentavam controlar seu medo ou então a explosão os iriam acovardar pelo medo da maldição.


Crazy Nick
Status:ok
PS:14/15
FV:7/7

Crazy nick rolou 3 dados de 10 lados com dificuldade 7 para coragem que resultou 9, 6, 1 - Total: 0 Sucessos = RÓTSCHRHCK

Jericho
Status:ok
PS:10/12
FV:4/4

Jericho rolou 4 dados de 10 lados com dificuldade 7 para coragem que resultou 1, 4, 7, 9 - Total: 1 Sucessos

Ian Luther
Status:ok
PS:15/15
FV:7/7

Ian luther rolou 4 dados de 10 lados com dificuldade 7 para coragem que resultou 1, 4, 4, 9 - Total: 0 Sucessos = RÓTSCHRHCK

Luke Cage
Status:ok
PS:14/15
FV:5/5

Luke rolou 5 dados de 10 lados com dificuldade 7 para coragem que resultou 5, 3, 1, 5, 3 - Total: -1 Sucessos = RÓTSCHRHCK

Matt
Status:ok
PS:13/14
FV:6/6

Matt rolou 4 dados de 10 lados com dificuldade 7 para coragem que resultou 2, 5, 5, 6 - Total: 0 Sucessos = RÓTSCHRHCK

Lobo
Status:ok
PS:14/15
FV:8/8

Lobo rolou 5 dados de 10 lados com dificuldade 7 para coragem que resultou 8, 6, 4, 8, 2 - Total: 2 Sucessos

Sonja
Status:ok
PS:9/10
FV:2/2

Sonja rolou 2 dados de 10 lados com dificuldade 7 para coragem que resultou 2, 5 - Total: 0 Sucessos = RÓTSCHRHCK

Samuel Dante
Status:ok
PS:14/15
FV:8/8

Samuel rolou 4 dados de 10 lados com dificuldade 7 para coragem que resultou 4, 5, 9, 8 - Total: 2 Sucessos

Crowley
Status:ok
PS:14/15
FV:5/5
Crowley rolou 5 dados de 10 lados com dificuldade 7 para coragem que resultou 9, 7, 4, 9, 1 - Total: 2 Sucessos


Última edição por Guidim em Seg Jun 13, 2011 2:05 pm, editado 2 vez(es)

_________________
FalasPensamentos[Offs/Testes]

"-A verdade está aí dentro...
avatar
Guidim

Data de inscrição : 31/08/2010
Idade : 28
Localização : Diadema

http://www.twitter.com/fe_orlando

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Staten Island

Mensagem por painkiller em Qui Jun 09, 2011 5:09 pm

Lobo permanecia segurando o moleque enquanto assistia toda aquela cena, os gritos, o feioso do megafone, tudo, Lobo encontrava-se extremamente excitado com toda aquela confusão e possível carnificina, ao ver a explosão a sua besta não temeu, muito pelo contrário, urrou por mais sangue e como animal que era, Lobo que estaa segurando o garoto e com um gancho coçando em sua mão, "Interessante, parece que o Sabá finalmente resolveu dar as caras em Nova Iorque, mas puta merda, tinham que mandar um cara tão feio para vir fazer o chamado, pelo menos um cara feio e que tem estilo, graças a ele eu pude descobrir quem são os que tem realmente culhões por aqui, e quem não aguentou não cair ao medo do fogo."
Lobo observava o homem agora correndo, com o charuto na boca ainda iria esperar para ver o que aqueles caras estavam para fazer, enquanto imaginava o que fazer com o pirralho, Lobo sussurrava em seu ouvido:
-- Seu bastardinho, vou perguntar pela última vez, onde está o maldito traficante de armas, prometo que vou te ajudar a sair daqui com vida, ou quem sabe lhe dar algo mais -- disse sorrindo. Enquanto caminhava segurando o garoto para mais próximo daquela coisa horrenda que ali estava, com um megafone na mão, lobo empunha seu gancho esperando uma atitude daquele sujeito, ou quem sabe qualquer situação de perigo, enquanto traçava uma possível rota de fuga. "é melhor deixar o lanche por perto.
Lobo gritara para o feioso:
-- Ei chapa, que é que tá pegando? (presença 1)


Última edição por painkiller em Qui Jun 09, 2011 10:34 pm, editado 1 vez(es)
avatar
painkiller

Data de inscrição : 23/03/2010
Idade : 29

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Staten Island

Mensagem por Joselito em Sex Jun 10, 2011 12:12 am

Jhon ouvia atentamente e ordem...

"Ta bom senhorita, seu pedido é uma ordem"

Hoje a noite era para o luxo, não tinha planos, como jamais sairia nas condições atuais, colocaria minha atenção em detalhes, Jhon era bom e minha prematuridade financeira me impedia de tomar a frente "diretamente" dos negocios , mais não era completamente leiga....meu refugio era agradavel sentava em uma poltrona que praticamente me abraçava, mal me acomodo e recebo um e-mail...

"-Prezada Srta. Charlotte informamos que ao longo de sua estadia em nossa agência e pelos monstantes movidos oferecemos a chance de ingressar ao plano de investimentos estaduais, há muito tempo vinhamos analisando um parceiro ideal para nossa banco nessa jornada de investimentos e graças aos suas movimentaçãos atuais acabamos de elegê-la a prioritária nesse cargo, aguardo respostas.

Atenciosamente

Allan Firk, Gerente comercial

Renda mensal : $60.000
Liquidação total de bens : $10.000.000"

10 milhões, era uma marca incrivel, essa não seria a ultima proposta e vir para meu e-mail, mais decisões de tal porte conserteza teria de envolver Jhon e sua equipe montada a dedo por ele mesmo, sabia que Jhon também era rico, pois permitia que ele abrice sua empresa de investimentos, e como principal "cliente" era eu...mando por SMS a proposta feita pelo Sr. Allan Firk, com o seguinte adendo...

"Jhon você e sua equipe estão de parabéns seu excelente trabalho não será esquecido, mais como sabe uma vitoria leva a novos objetivos, entramos em uma nova etapa e conto com você para analisar essa e as demais propostas que receberemos, temos qualificação para tais acordos?, esteja de prontidão, quero uma video conferencia com você e sua equipe assim que ja tiverem uma posição consolidada sobre o assunto."

Teriamos um tempo para responder esse tipo de e-mail e Jhon sabia, esse elogio iria espanta-lo, ele sabia o quanto era dificil arrancar algo muito "menor" que esse pequeno momento de " deslise", porem tinha um claro objetivo...motiva-lo...e colocar na cabeça dele, que depois do que disse...falhar era algo que ele sabia que me frustaria mais que o normal...e também não iria gostar disso...fecho o celular e olhando para cima com quem fala sozinha digo...

-Algum fantasminha aqui?...

Tinha esse dom desde mortal e me ainda não tinha me acostumada a falar com os espiritos, apesar de serem meio temperamentais, poderiam ser muito uteis...

-Caros se alguem tiver interessado, gostaria de saber mais sobre este Allan Firk...ou em segundo plano State...


Não tinha controle nenhum sobre eles, dependia completamente da boa vontade ou de algum interesse deles para obter qualquer informação, mais arriscar não custava nada, na verdade me perguto o porque não tinha feito isso antes...outro assunto que me preocupava muito, era essa algazarra que estava acontecendo por aqui, a camarilla deve estar rindo ao ver esse bando de carniceiros se matando...bom cada um com seus problemas...desde que não interfiram nos meus planos...
avatar
Joselito

Data de inscrição : 06/03/2010
Idade : 104
Localização : São Paulo

http://www.orkut.com.br/Main#Profile?uid=18048523221351322447

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Staten Island

Mensagem por Marcus Young em Sex Jun 10, 2011 7:06 pm

Numa rádio de música latina começa a tocar uma música:



Pensamento do Personagem:

Existe dois tipos de homens nesse mundo aqueles que atacam pelas costas esse é o caso de Jeremias e do Lasombra, que pelo visto deve ser quem andou provocando a confusão da noite passada.

Mas também existem caras como João de Santo Cristo e Eu, que comemos todas as meninhas da cidade e não atacamos pelas costas, olho para o Lasombra e digo: - Olha para cá filho da p..., que vou acabar contigo e vou tirar seu sorriso da cara.
Minhas ações:
Utilizo meu sangue e ativo Rapidez, mas desde já informo que também estou usando minha Potência e Fortitude.

Com Potência 4 creio que consiga libertar-me dos tentaculos e saco meus gladios.

Com minha ação extra eu ataco o lasombra dando duas espadas com muita vontade (OFF: Gasto ponto de Força de Vontade na execução dos ataques [Destreza+ Arma Branca+ FV])e pretendo dar aqueles danos que realmente fazem a vida valer apena e transformam meninos em homens. (OFF: não se esqueça da potência na hora de dar o dano).

Narração:
Dois lutam, mas só eu restarei de pé!

Digo: - Vamos ver do que você é feito!
avatar
Marcus Young

Data de inscrição : 07/02/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Staten Island

Mensagem por Antony Salon em Sex Jun 10, 2011 9:41 pm

O homem a quem o sombrio avia escolhido para se alimentar no final das contas não era uma pessoa comum, poderia ser varias coisas , mais na aquele instante apenas uma coisa passava pela mente do guardião destruir seu alvo o mais rápido possivel e dali para frente ele não poderia mais cometer erros com o da mortalha falha.
Desta vez não irei falhar,ele so sai daqui vivo sobre a presença de uma milagre.
Pensava o guardião.

Manipulando novamente toda a escuridão que habitava luthier ele tentava trazer a tona seu manto das trevas para cegar seu inimigo e neutralizar uma possivel ajuda vinda de fora.
Quase que ao mesmo instante os tentaculos acoprados ao tronco de luthier esmagavam o homem em quanto o arrastava para fora do carro pela janela do veiculo mesmo.



Sistemas das ações;

Minha ação sera invocar a mortalha das trevas agora com parada de dados full.(isso é muito bom por sinal.)

A ação adicional concedida pela metamorfose sobria esmagarei o giovanni.(lembrando dos +3 dados concedido pelo acerto quando o agarrei, dados acrecentados ao teste de força+potencia)


Obs:Para ele sacar as espadas dele ele primeiro precisar se soltar de meus tentaculos em um teste resistido de força,podendo perder o turno dele para fazer isso.


Obs2;Caso bombar sangue não seja conciderado uma multipla-ação, bombo 1 em destreza.
avatar
Antony Salon

Data de inscrição : 17/04/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Staten Island

Mensagem por Red em Sab Jun 11, 2011 1:25 pm

Mas era muito azar mesmo, como ela não havia visto aquele galho ali? Tinha tomado todo o cuidado, mas na única vez que se distraiu, acabou fazendo barulho.. E Dereck não era surdo e nem cego, e descobriu-a rapidamente.. Apareceu em seguida, desfazendo sua miragem e com uma cara brava ia em direção até o lasombra..

- Nah.. to cansada de ter que correr atrás das coisas essa semana.. me aceitaria com você por algum tempo?

Enquanto ela fala, utiliza de seus poderes para se transformar em uma mulher adulta e bonita..

- Posso servir de companhia pra você, aparentarmos ser um casal.. Dessa forma fica menos óbvio e suspeito algumas ações..

Seus dedos tocavam o peito do homem de forma suave.. Seus olhos, esses que nunca mudavam, transpareciam umedecidos e brilhosos pela luz da lua..

- Não serei um estorvo pra você..

avatar
Red

Data de inscrição : 12/03/2010
Idade : 17

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Staten Island

Mensagem por Rodrigo Casque em Sab Jun 11, 2011 6:17 pm

Matt via aquela explosão e um medo repentino tomava conta de suas ações, pensamentos e de toda sua ação, andava alguns passos para trás assustado com toda aquela explosão. Recuava alguns passos, olhava para os demais, se controlava, fazia seu corpo permanecer naquele lugar, sabia de seus perigos e medos mas tentava ignorar todas aquelas ações (1 ponto de força de vontade).

Olhava para os demais, todos vampiros, todos com medo do fogo. Se mostrava forte e ignorava o efeito que o fogo tinha sobre ele, se mantinha afastado, sua postura mudava um pouco, não tinha noção do que poderia acontecer novamente, se aquele louco que explodia tudo tinha mais alguma coisa para mostrar. Virava para ele e falava:

- Está doido? Chamará toda a atenção para nós... Quem é você?
avatar
Rodrigo Casque

Data de inscrição : 09/03/2010
Idade : 28
Localização : Rio de Janeiro - RJ

http://www.facebook.com/profile.php?id=100002327623882

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Staten Island

Mensagem por Crowley em Sab Jun 11, 2011 11:33 pm

O Sombrio chega praça estava bastante movimenta no momento achou meio estranho tanta gente no local onde é considerado perigosos, porem só pros humanos sabia que muitos ali presente eram filhos de cain e mau chega no local onde pensava que nao teria dificuldades e tentaria fazer sua troca de armas se depara com a imagem de uma viatura se aproximando ele pensou em ate voltar pra evitar situações desagradáveis porem ao observa e via o policial metia o pé pra fora do carro e saia da viatura com o megafone em mãos. Sorriso e rapidamente ia transformando-se de bonachão e rosado para uma caricatura horrenda e cheia de dentes. Voluntariamente a criatura suspendeu a sua ilusão e revelou a sua carne mortificada e aparencia lupina.O Maldito só gargalhava. Seus dentes numerosos e afiados como agulhas escorriam saliva, parecia haver algumas palavras trancafiadas em seus pulmões que precisavam ser ditas. Antes de começar, no entanto, ser desconhecido ate agora vai até a traseira do veículo e abre o porta-malas, arrastando os cadáveres dos policiais para fora do carro e empilhando-os na frente do mesmo e saca a sua shotgun poderosa e dá um ou dois disparos na lataria do tanque de gasolina, o suficiente para abrir um rombo para que a gasolina pudesse escorrer e preencher todo o espaço sob o carro. O som do disparo alertaria a vizinhança e afastaria os humanos, mas felizmente os reforços estariam longe do parque. Depois, com um movimento rápido e certeiro o mesmo tira o cigarro da boca de outro membro presente, comentando qualquer coisa sobre os riscos de fumar com um sorriso no rosto e o jogava, iniciando um incêndio. A criatura nao parava de sorri parecia um louco ou agora parecido ou estava gostando demais do que estava fazendo e em seguida ele jogava a shotgun sobre os cadáveres e falaria no megafone enquanto o carro em chamas na sua traseira alimentava o pequeno incendio e projetava a sua sombra longe naquela noite fria.

-Saiam da escuridão, criaturas horrendas, pois a hora de se esconder já passou! Não tenham medo, aproximem-se da luz, enquanto eu estiver aqui o fogo não irá ferir a vossa carne fria e morta! [As chamas agora deveria estar começando a englobar o carro, o suficiente para gerar certo calor] Esta noite faremos um chamado à guerra e estamos procurando legionários! Venham, apareçam, filhos de caim!

O Sombria ja havia passado por algo parecido de um carro pegando fogo e ele nao teve medo da coisa mais mortífera de sua nao-vida, e essa situação se repetia rapidamente ele lembra do que fez para suporta seu medo do seu algoz e se concentra rapidamente lembrado de seus esforços ate o exato momento e nem fogo iria afugentar a sua presença da quele lugar e ele supera mais uma vez esse medo e presta atenção no que a criatura falava e agora sua que era um cainita e parecia ser membro do saba pela tal atitude e o mesmo fazia um convite pra os demais que ficaram no local pois muitos partiram em desespero fugindo do local, ele ouve a criatura convocando legionários ele então vai em direção do mesmo superando o medo do fogo e para bem em frente do cainita uns 20 metros do mesmo com sua maleta contendo sua terrível e maléfica espada medieval, com um sorriso sarcástico em seu rosto e diz para o mesmo sorrindo:
HAAA!!
Amigo acho que assim vc vai espantar os recrutas para sua legião, ficado assim somente aqueles que superam seus medos e acho que nós ja os superamos não é rsrsr?
Então, poderia me dizer do que se trata essa convocação?

O sombrio com sua maleta destrancada para qualquer movimento hostil ficando pronto pra qualquer ação falava com o outro cainita em sua frente e olhava para os lados pra ver se mais alguém se aproximava.
avatar
Crowley

Data de inscrição : 02/12/2010
Idade : 27
Localização : Rio de janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Staten Island

Mensagem por Architect em Dom Jun 12, 2011 10:19 pm

Olha... fogo! - Não...
Ah qualé, vamos lá ver... - Tá louco?
Diz o cara que tá falando com.. consigo mesmo? hahaha - Valeu a tentativa, mas não... nada disso.

Julius parecia determinado a evitar problemas, e principalmente, um grande problema explosivo. Só quero ver mais de perto, deve ser algum bando de adolescentes fazendo alguma fogueira, ou alguns mendigos se aquecendo, vc gosta de mendigos, até se veste como um... - Ah sim, por que raios eu iria querer chegar perto de mendigos, pra você resolver dilascerar eles, ou xinga-los e eu ter que me virar? E eu me visto como um mendigo por que cada roupa que eu uso acaba manchada de sangue por sua causa!

Julius parava, olhando para o grande fogo, ora distante. Não estava com fome, mas ficar andando por ai sem nada para fazer era mais tedioso do que parecia. Fora que tinha que ouvir cada piada sem graça de Lucius, que insistia em cutucar cada vez mais a sua paciência. E além do mais, um pouco de curiosidade não iria estragar a noite - Tá, mas acho bom que não me abandone, como costuma fazer... Hey... HEY! - To aqui... to aqui..

Julius colocava as mãos nos bolsos da calça, logo alcançando com a mão direita o canivete que ali repousava. Encurvava-se e ia andando sorrateiramente em direção ao clarão...
avatar
Architect

Data de inscrição : 07/03/2010
Idade : 33
Localização : Sorocaba-SP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Staten Island

Mensagem por Bishop em Seg Jun 13, 2011 6:22 am

Post Rapidão: Gasto um ponto de força de vontade se possível para sair do RÓTSCHRHCK. Permaneço no mesmo local em que estava mas fico de olho, atento na movimentação dos que fizeram a explosão.
avatar
Bishop

Data de inscrição : 06/03/2010
Idade : 30
Localização : Rio de Janeiro

http://www.dafont.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Staten Island

Mensagem por [Amanda Victorine] Sonja em Seg Jun 13, 2011 1:27 pm

{OFF: Gente que tenso isso, assim vcs não se divertem}.

Vinha buscando algum animal vadio, fonte limitada pela pouca inteligência mais ainda assim mais honesta que qualquer humano. Esperava então conseguir algumas respostas e não foi difícil me aproximar de um gato de beco, contudo antes que obtivesse qualquer coisa útil o bichano é afugentado por um tiro de Escopeta. Merda. Começo a me irritar, frustrada pela fuga do felino Bom ao menos tive minha resposta. mas logo deixo de me aborrecer com isso Se estou ouvindo tiros, as coisas lá na praça não estão mais como estavam antes. Provavelmente não precisaria mais do gato mesmo.

Me levanto começando a deixar o beco objetivando a praça. Mas assim que chego à mesma sou surpreendida pela cena.


Jericho metia o pé pra fora do carro e saia da viatura com o megafone em mãos. O sorriso do nosferatu rapidamente ia transformando-se de bonachão e rosado para uma caricatura horrenda e cheia de dentes. Voluntariamente o vampiro suspendeu a sua ilusão e revelou a sua carne mortificada e aparência lupina. Ian também perdeu o disfarce, provavelmente causando certa confusão e fazendo o lasombra conferir oque o rato estava fazendo. Jericho só gargalhava. Seus dentes numerosos e afiados como agulhas escorriam saliva, havia algumas palavras trancafiadas em seus pulmões que precisavam ser ditas. Antes de começar, no entanto, Jericho deveria preparar o tom apropriado para o espetáculo. O rato de esgot vai até a traseira do veículo e abre o porta-malas, arrastando os cadáveres dos policiais para fora do carro e empilhando-os na frente do mesmo. A idéia seria formar um pequeno montinho com os corpos, para servir de palanque ao sacerdote. Ainda na traseira do carro, Jericho saca a sua shotgun poderosa e dá um ou dois disparos na lataria do tanque de gasolina, o suficiente para abrir um rombo para que a gasolina pudesse escorrer e preencher todo o espaço sob o carro. O som do disparo alertaria a vizinhança e afastaria os humanos, mas felizmente os reforços estariam longe do parque. Depois, com um movimento rápido e certeiro, o nosferatu tira o cigarro da boca de Luther, comentando qualquer coisa sobre os riscos de fumar com um sorriso no rosto e o jogava, iniciando um incêndio. Quando as chamas começassem a crescer, o nosferatu iria brandir a shotgun sobre os cadáveres e falaria no megafone enquanto o carro em chamas na sua traseira alimentava o pequeno incendio e projetava a sua sombra longe naquela noite fria.

-Saiam da escuridão, criaturas horrendas, pois a hora de se esconder já passou! [Jericho disparava a shotgun para o alto e gargalhava no megafone] Não tenham medo, aproximem-se da luz, enquanto eu estiver aqui o fogo não irá ferir a vossa carne fria e morta! [As chamas agora deveria estar começando a englobar o carro, o suficiente para gerar certo calor] Esta noite faremos um chamado à guerra e estamos procurando legionários! Venham, apareçam, filhos de caim!

Admito ter sido pega de surpresa, não esperava um chamado tão escandaloso embora a sutileza nunca tenha sido o forte do Sabá. Apropriado {Rindo}. Não que não estivesse gostando, na verdade graças a cena estava ficando de bom humor o que é bem raro em mim.

Se o Nosferatu nos convocava desta forma, não deixaria de responder. Afinal meu orgulho não permitiria uma omissão.

Começo então a me aproximar quando ...


Depois do dircurso, e de chamado a atenção de todos os presentes no local, Uma explosão digna de um filme de Hollywood acabava com a viatura alvejada e os corpos dilacerados

Estava me aproximando quando o fogo irrompe em uma farta torrente. Vejo as chamas engolindo terreno e se expandindo em uma explosão imensa que abala todo corpo e desperta a Besta em descontrole.

Tudo começa a acontecer em câmera lenta, as chamas se refletem em meus olhos e dilatam minhas pupilas enquanto estas orbes agora só refletem um medo primitivo, absoluto. Urro como um animal e no momento não sou nada alem disso. Estava imersa em um pânico não menor que supremo, tão palpável que fugia a lógica e antes que me de conta já estou em fuga em desespero tentando a todo custo me afastar da explosão e do que restou do carro. Alguns que tentam enfeitar intitulam este estado como Rõtschreck, o Medo Vermelho. Mas a verdade é mais simples. Isso é MEDO, puro e absoluto MEDO. Irracional e irrefreável.

Não. Droga. Pouco tinha restado de minha consciência e sentia-a cada vez mais longe, mais fraca enquanto a Besta ia-me tomando ... DROGA!! Mais ainda restava algo de mim e sei que não podia ceder assim em meio a tantos expectadores. Como uma seguidora da trilha do poder e da voz interior não podia demonstrar tamanha fraqueza. Falhar de forma tão miserável e mostrar a quem quisessem ver um de meus aspectos mais baixos.
{Estou Gastando 1 Ponto de Força de Vontade para resistir ao Medo Vermelho. E seja o que Cain quiser. Razz } NÃO CORRE!! PARA!! Não sei bem onde estou agora, possivelmente já teria corrido bastante antes de conseguir parar, mas ter conseguido parar já era um começo. SE CONTROLA!! SE CONTROLA!! {Urrando como um Animal!!} Merda!! Me segurava como podia enquanto também me forçava a manter a consciência contra as tentativas da Besta de reaver o controle. NÃO A PERIGO, NÃO A PERIGO. FICA CALMA PORRA!! Era uma dura batalha, a Besta era imensa e não sei se realmente conseguiria reflea-la, mais não deixaria de tentar, nem de lutar.

[Amanda Victorine] Sonja

Data de inscrição : 15/04/2011
Idade : 30
Localização : Nova York

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Staten Island

Mensagem por Convidad em Seg Jun 13, 2011 2:42 pm

A bola de fogo imensa cresce no céu e por um segundo intenso, todo o bairro fica mergulhado em uma assustadora luz alaranjada. O calor gerado pela explosão e o som estrondoso transpassa o corpo morto-vivo de jericho como uma lança, e as labaredas lambiam os arredores como uma besta faminta, mas Jerichão não se moveu um passo. Tudo a sua volta parecia acontecer fora do previsto, mas esse golpe de azar poderia mover o encontro para uma direção interessante. Todos aqueles cainitas experimentando o medo vermelho, não estavam acostumados com a proximidade do fogo. Começavam a parecer com ovelhas assustadas, desgarradas do grupo, e era o dever de Jericho reunir aqueles malditos cadáveres e faze-los abraçar o fogo.
HAAA!! Amigo acho que assim vc vai espantar os recrutas para sua legião, ficado assim somente aqueles que superam seus medos e acho que nós ja os superamos não é? Então, poderia me dizer do que se trata essa convocação?
Jericho vira o seu rosto lentamente para o homem obscuro que se aproximava do fogo. Parecia estar achando aquilo tudo muito engraçado, pois exibia um sorriso forjado no rosto, e ignorava a torre flamejante nas costas do nosferatu como se já tivesse pulado fogueiras maiores. A determinação do vampiro chamou a sua atenção, mas algo na sua aura transpirava tensão e receio. Obviamente, aqueles que lá estavam pertenciam ao sabá, mas ainda bastava testar o valor individual de cada um. Todos estavam convidados à participar da batalha, mas somente os melhores dentre os mais amaldiçoados teriam a honra e a glória de se juntar ao esquadrão de extermínio liderado por Ian Luther e santificado por Jericho, a legião. O sujeito sombrio permaneceu a cerca de vinte metros de Jericho, oque poderia significar um sujeito cauteloso, ou repleto de medo.

-Um vampiro que não teme o fogo não é necessariamente um vampiro mais corajoso, "amigo", muitas vezes é aquele que já sofreu muitas queimaduras, que falhou diversas vezes e tornou-se um ignorante perante o poder destrutivo do fogo.. [Jericho aproximava-se do sujeito com as mãos expostas, mostrando que ele não tinha nada a temer] Aqueles que realmente o conhecem nunca deixam de teme-lo, mas passam a respeitar.. Chamo-me Jericho, sou um mero sacerdote das velhas tradições que são ignoradas pelos mais novos. Estamos aqui procurando, sim, legionários para uma gloriosa empreitada contra a Camarilla, visto que os poderosos parecem estar acomodados demais para move-se..
- Está doido? Chamará toda a atenção para nós... Quem é você?

O homem que havia pedido informações à viatura retorna, revelando-se um cainita. Parecia lutar para controlar o próprio medo, tremia como um animal acuado, e falava com jericho a uma distancia segura ainda maior que a do primeiro sujeito. Jericho sabia que ele estava interessado, caso contrario teria dado oo fora. O nosferatu afastava-se do primeiro sujeito e retornava para perto do fogo, direcionando seu discurso para aquene novo interlocutor.

-Não, não estou doido, e muito menos sou estúpido, vampiro. Tomamos todas as precauções para manter qualquer agente complicador afastado deste local. Ninguem, a não ser nós mesmos, poderá causar o nosso fim nesta noite. [Jericho ficava sério e pegava o megafone, urrando para todos] Controlem-se, acalmem as bestas inumanas que tomam conta de vocês, pois a menssagem que trago é importante demais para ficar sem ser ouvida! Ninguem tentará ataca-los a não ser vocês mesmos, malditos! Somos todos aliados, controlem-se e provem que são dígnos de suportar a presença do fogo ou vão embora com o rabo entre as pernas!

Convidad
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Staten Island

Mensagem por Mathsaez em Seg Jun 13, 2011 10:12 pm

-Mas que porra é essa? - diz Vick ao se abaixar - quem sao esse malditos? O que eles querem? - Ele pergunta já se levantando e dando uma espiada pela porta para ver alguma coisa.Vick poe a mao em sua arma se preparando para qualquer coisa que possa acontecer.
avatar
Mathsaez

Data de inscrição : 03/02/2011
Idade : 20
Localização : Itabira - MG

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Staten Island

Mensagem por Guidim em Ter Jun 21, 2011 11:17 am

Nanaly Rachell
Descoberta pelo LaSombra Nanaly resolvia mudar a tática. na forma de uma mulher ja formada nanaly continuava seu diálogo.

Dereck: - Sua audácia me instiga garota, vejo que não tens nada de importante para fazer, muito menos algum objetivo concreto nessa sua cabeça infantil, venha, me siga, tem um encontro marcado, talvez muitas das respostas que busca posa ser sanada com seus próprios olhos e ouvidos.

O desgarrado LaSombra continuava caminhar, por algum tempo caminhado pelo meio do mato caminhava sem olhar para trás, até enfim que chegava á costa do mar.

A visão da ponte daquela localização era incrível, Nanaly jamais havia notado como era imensa aquela ponte, Dereck ficava olhando para o mar como se de lá viesse alguma coisa, mas não era de la que se ouvia algo, e sim pelas costas de Nanaly e Dereck, a voz vinha da mata e não revelava em certo seu posicionamento, Nanaly apenas notava em semelhança os olhos dos ninjas algozes que quase findaram com sua existência noite passada.

??? : - E então Dereck, qual será o próximo passo....

A voz vinha fria e sem emoção, ao mesmo tempo em que ouvia-se de longe uma imensão explosão e um flash característico de uma explosão grande, o flashes fazia com que refletia nas aguas do mar, e revelava com clareza os ninjas mascarados da noite passada, naquele instante de claridão via-se no mínimo 5 espalhados pelas árvores, eles eram realmente silenciosos demais, e se não fosse aquela explosão que vinha de longe Nanaly jamais notaria os demais presentes.

Status:ok
PS:11/11
FV:7/7





Marcus Young - Luthier
Com a música rolando no som do carro, o Giovanni era surpreendido pela investida do LaSombra.

Preso nos tentáculos do LaSombra restava ao Giovanni se libertar e enfim continuar com sua ação, caso contrário, se ele não se libertasse daria ao Lasombra uma grande vantagem nesse combate aberto.

Spoiler:
Marcus young rolou 2 dados de 10 lados com dificuldade 6 para força que resultou 8, 7 - Total: 2 Sucessos + 4 potência = 6 Sucessos
Spoiler:
Luthier rolou 3 dados de 10 lados com dificuldade 6 para força que resultou 2, 5, 7 - Total: 1 Sucessos + 3 potência = 4 sucessos

Young conseguia se libertar dos tentáculos que o segurava, seu sangue ardente começava a percorrer pelo seu corpo e no próximo turno teria sua rapidez como aliada nesse combate.

Para desferir um ataque Young precisaria sacar suas espadas rapidamente, essa ação poderia lhe prejudicar um pouco na agilidade em atacar, mais não havia outra saída.

sacar + espadada (destreza 4 + armas brancas 3) = ação multipla
Spoiler:
Marcus young rolou 5 dados de 10 lados com dificuldade 4 para sacar espadas que resultou 8, 10, 4, 5, 8 - Total: 5 Sucessos
Spoiler:
Marcus young rolou 4 dados de 10 lados com dificuldade 6 para destreza + armas brancas que resultou 5, 8, 6, 9 - Total: 3 Sucessos +1 FV = 4 sucessos

Young sacava suas espadas e com maestria desferia um golpe certeiro no peito do homem que lhe atacava,
Spoiler:
Marcus young rolou 5 dados de 10 lados com dificuldade 6 para força que resultou 1, 6, 9, 1, 5 - Total: 0 Sucessos +4 potência = 4 sucessos
Spoiler:
Luthier rolou 3 dados de 10 lados com dificuldade 6 para vigor que resultou 6, 4, 6 - Total: 2 Sucessos
Total de dano = 2 letal

O ataque de Young poderia ter sido melhor colocado, mas sua força sobrenatural fazia com que a Lâmina afiada entrasse no couro de seu oponente.

Luthier que tomava a espadada no peitoral, movia seu sangue para aumentar sua capacidade de velocidade, fazia isso enquanto tentava invocar sua mortalha e seus tentáculos agora soltos não poderiam mais apertar seu alvo perdendo assim o bônus que teria ao apertar o homem caso ele não se soltasse.

Spoiler:
Luthier rolou 7 dados de 10 lados com dificuldade 6 para mortalha que resultou 9, 6, 1, 9, 8, 2, 6 - Total: 4 Sucessos


Mesmo com uma espada cravada no peito Luthier conseguia invocar seus poderes das trevas, e uma imensão mortalha tomava conta daquela cena de combate.

Iniciativa do Luthier.
Luthier des.5 + rac.2 + 8 = 15
Marcus Young des.4 + rac.1 + 9 =14

Luthier
Status: ferido -1 [1 dano agravado 5PS, 2 dano letal 2PDS]
PS: 6/10
FV:6/7

destreza +1

Marcus
Satus: ok
PS: 11/13
FV: 8/9

rapidez ativa próximo turno.




Charlotte
A garota mais uma vez imcubia a Jhon uma tarefa, a mensagem era recebida pelo carniçal e logo respondida.

-Senhorita, creio que seja inconveniente uma conferência agora, não por sua parte mas sim pelos tantos mortais que regem meus negócios, amanhã no primeiro horário que acordar á chamarei para conferência.

Charlotte mantinha-se agora em seu refúgio quando decide tentar interagir com os inquietos que a muito tempo não se manifestam, talvez por desatento da garota, ou pelo simples fato de não estar por perto.

As palavras da garota voavama o vento como se quisesse invocar alguém para conversar, nenhuma resposta era obtido, talvez seu refúgio não fosse um bom reduto para esse tipo de interações.

Status: Machucada -1 [Agravado] (10 PS para curar) não poderá mais curar agravado essa noite
PS: 10/15
FV: 3/9
Aparência 4-1=3







Vicktor
Viktor olhava pela janela da sala da gerência da boate e (avistava toda a cena do pessoal abaixo).
-Mas que porra é essa?

Don Córneo: - Ei sei tanto quanto voce cara. - Falava o cafetão ainda acuado embaixo da janela.

Don Córneo: - Ei Adam, Juan, puta que pariu que merda é essa, de novo estão causando na nossa área, a gente precisa dar um jeito nisso, e rápido.

O cafetão se referia para os outros homens que jogavam junto com ele, ainda restava mais alguns, provavelmente convidados da jogatina.

Adam: - E você maldito, esta junto com esses filhas da puta ai fora, o que sabe deles.

Falava o tal de Adam sacando sua arma e vindo para cima de Vick com uma hostilidade imensa no olhar.


Status: ok
PS: 13/14
FV:8/8






Enquanto isso na Praça Central....
Crazy Nick - Ian - Jericho - Luke - Lobo - Matt - Sonja - Samuel - Crowley - Julius
Lobo que segurava o garoto em suas mãos tirava onda de toda aquela cena bizarra, tinha plena conciência e mais uma vez interrogava o garoto.

Garoto: - aquele menina viciada, ela quem sabe para onde foram os comerciantes...
falava o garoto temendo o pior pela mãos do homem ameaçador que o segurava.

Lobo se aproximava do Bicho com megafone e a abordagem era feita de modo mais amigável que o comum.
Spoiler:
Lobo rolou 6 dados de 10 lados com dificuldade 7 para fascínio que resultou 3, 5, 4, 8, 8, 8 - Total: 3 Sucessos


Lobo abordava os homens, estes homens (Jericho e Matt) que sentem uma belo fascínio ao conversar com aquele homem com o garoto nas mãos, Matt ja havia sentido isso por parte daquele homem com charutos, como era bom estar na presença dele.

Matt fascinado por lobo apenas respondia o Bicho com megafone e vencia a luta contra o medo vermlho.

Para cima dos 3 homens vinha correndo com as presas expostas uma cainita horrivel, extremamente feia (Sonja), que logo após a explosão corria para cima do grupo e conseguia conter seu medo. A garota corria uivando como um animal escroto, e quando se deparava acalmada, sentia o fascínio sobrenatural que emanava de um homem com charuto na boca e um garoto em suas mãos.
A garota transparecia tão letárgica, sua vontade estava muito baixa, e o fascinio que exalava do homem com charuto faziam com o que as plavras que o homem dissesse a dobraria facilmente.

Junto no grupo também estava o homem de aparência caucasiana com uma maleta nas mãos (Crowley), este LaSombra também sentia uma extrema vontade de puxar conversa com o cara de charuto... ele simplesmente era... interessante.

O Bicho respondia as pessoas que se aproximavam da cena, de Longe Bishop contendo seu medo observava a muvuca que começava a se formar próximo ao bicho.

Julius o louco que acabava de chegar ao local conversando consigo mesmo, também avistava uma viatura policial que era tomada com um pouco de chamas, certamente a explosão e o motivo do clarão que avistou foi aquela viatura explodindo.

Ian, Crazy Nick e Samuel, mantinhan-se parados, intactos, talvez o medo os atingira profundamente.

Crazy Nick
Status:ok
PS:14/15
FV:7/7
Crazy nick rolou 3 dados de 10 lados com dificuldade 7 para coragem que resultou 9, 6, 1 - Total: 0 Sucessos = RÓTSCHRHCK

Jericho
Status:ok
PS:10/12
FV:4/4

Ian Luther
Status:ok
PS:15/15
FV:7/7
Ian luther rolou 4 dados de 10 lados com dificuldade 7 para coragem que resultou 1, 4, 4, 9 - Total: 0 Sucessos = RÓTSCHRHCK

Luke Cage
Status:ok
PS:14/15
FV:4/5

Matt
Status:ok
PS:13/14
FV:5/6

Lobo
Status:ok
PS:14/15
FV:8/8

Sonja
Status:ok
PS:9/10
FV:1/2

Samuel Dante
Status:ok
PS:14/15
FV:8/8

Crowley
Status:ok
PS:14/15
FV:5/5


Julius
Status:ok
PS:14/15
FV:5/5



Última edição por Guidim em Qua Jun 22, 2011 11:17 am, editado 1 vez(es) (Razão : estava escrito "Preça" ao invés de "Praça")

_________________
FalasPensamentos[Offs/Testes]

"-A verdade está aí dentro...
avatar
Guidim

Data de inscrição : 31/08/2010
Idade : 28
Localização : Diadema

http://www.twitter.com/fe_orlando

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Staten Island

Mensagem por Marcus Young em Ter Jun 21, 2011 2:58 pm

Minha ação:

Três espadadas

Será duas ações multiplas + a ação extra da rapidez.

Estou gastando ponto de força de vontade para acertar as espadas, para desencargo de consciência, informo que continuarei gastando sangue para poder utilizar rapidez na próxima rodada, estou utilizando-me de potência e fortitude que deveram ser utilizados em eventuais cálculos.
avatar
Marcus Young

Data de inscrição : 07/02/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Staten Island

Mensagem por Mathsaez em Ter Jun 21, 2011 3:33 pm

Vick desvia da arma dizendo :

-Eu nao sei de nada

-só vom aqui pra jogar ( labia )

avatar
Mathsaez

Data de inscrição : 03/02/2011
Idade : 20
Localização : Itabira - MG

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Staten Island

Mensagem por Zachary em Ter Jun 21, 2011 5:55 pm

Meu sorriso era largo. Começavamos ali a fincar o Estandarte Negro, Sob a area residencial mais afastada de New York nosso plano sangrento se iniciava e por sorte ou brincadeira do Destino. Muitos irmãos estavam naquela praça.
O Discurso do Bicho era incendiário a ponto de explodir a viatura. Uma potente bola de fogo surgia na praça de Staten. Belo porém destrutivo, sentia a Besta dentro de mim. Com medo, medo do fogo. Ordenava-lhe que parasse de se esperniar e ela não obedecia, agachava-me olhando para o chão enquanto tentava impor meus comandos sobre ela.

Jorrava sangue da minha boca, Meu sangue invocava a escuridão. Era eu não a besta, trazia a escuridão para perto para mostrar que ainda estava no controle. Rangendo os dentes socava o chão e me erguia. A Besta temia o escuro e ja havia sido posta em seu lugar. A Mortalha se desfazia e eu encarava os seres próximos.

Após as palavras de Jericho, Gritava para os seres próximos.

Off:Força de vontade pra controlar o frenesi e pá


--Deixem que este fogo seja o fogo da libertação, Libertem-se de seus medos para que se libertem de seus inimigos!
avatar
Zachary

Data de inscrição : 08/05/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Staten Island

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 10 de 13 Anterior  1, 2, 3 ... 9, 10, 11, 12, 13  Seguinte

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum