Central Park

Página 2 de 8 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8  Seguinte

Ir em baixo

Re: Central Park

Mensagem por No One em Qui Fev 17, 2011 12:52 am

Gam & Zanzael

Enquanto interagia com Gam, Zanzael usava um de seus poderes que seria útil para descobrir se esse homem era ou não interessante para ele.

Spoiler:
Zanzael rolou 7 dados dif 8 para sentir o pecado: (5, 8, 1, 9, 2, 6, 9) 3 sucessos + 1 FV

Zanzael agora sabia que esse vampiro já matou um civil devido ao frenesi de sua sede e ainda hoje sente-se culpado por isso. Sabia também que uma de suas fraquezas era sua compulsão por roubar carros e que ele presta serviços tanto a Camarilla quanto ao Sabá. Podia sentir também sua humanidade, que estava apenas um pouco abaixo da humanidade normal dos humanos.

Os dois já estavam sentados na mesma mesa e podiam interagir como quisessem.


Aradia

O çéu realmente estava lindo. A lua estava cheia acompanhada por incontáveis estrelas.

Spoiler:
Aradia rolou 2 dados dif 6: (6, 1) 0 sucessos

Ao entrar na floresta, Aradia não encontrava nada de interessante em seu caminho. Talvez precisasse procurar um pouco mais, já que suas habilidades em investigação não eram tão boas. Enquanto caminhava, ela podia sentir a noite ficar cada vez mais sombria.


Yun

O homem parece um pouco surpreso ao ver os olhos vermelhos do Gangrel. Mas diferente do que a maioria dos humanos fariam, o homem não demonstra medo.

???: -Eu sou o mesmo que você, criança tola. Conhece uma coisa chamada Máscara?

Apesar de frequentemente chama-lo de criança, o homem não era velho, tinha aparência de uns 25 anos. Talvez sua idade fosse grande o suficiente para poder referir-se aos outros como criança, ou talvez ele fosse apenas um vampiro metido a besta por ter alguns poucos anos de experiência.


Yuki

Spoiler:
Yuki rolou 5 dados dif 5: (5, 5, 9, 7, 7) 5 sucessos

Enxergando perfeitamente bem com seus olhos vermelhos, Yuki percebia que se tratava de seu amigo Paul, saindo de trás de uma árvore.

Paul: -O que está fazendo por aqui? Mesmo os membros do clã da besta correm risco de virar comida de lobo, sabia?

Paul apenas cochixava, mas Yuki podia ouvir perfeitamente com sua audição aguçada. E caso algum outro lobisomen visse esses dois juntos, com certeza teriam sérios problemas.
avatar
No One

Data de inscrição : 18/03/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Central Park

Mensagem por Aradia em Qui Fev 17, 2011 7:53 pm

Nada foi encontrado ali..Aradia então decidi voltar para o carro, encosta nele e volta a olhar pro céu..

-James, vc deve estar se perguntando o que faço aqui nessa cidade olhando para uma floresta, você tem sido meu funcionário a algum tempo, e sempre se cala sob situações estranhas, ainda sobre minha aparência..e continua sem saber nada sobre mim..mas hoje, nesta bela noite eu vou lhe contar..

Aradia abre a porta do motorista e sinaliza que eledeve se sentar, então ela dá a volta e entra no carona, e trava as portas..

-Você tem sido um dos meus servos mais confiaveis, hoje James..lhe darei uma dádiva.. (presença 3 : Transe)

(Aradia vai transformar o motorista)

-Sua classe me deixa horrorizada, devia ser um homem da sociedade..e não um mero motorista.. Aradia olha profundamente nos olhos de James (olhar sedutor), A intensão era faze-lo arrepiar com suas palavras..

-Você deve ser meu James..Se entregue..sinta. Aradia pega as mãos de James e as leva ao seu peito oco..E então se aproxima do ouvido dele e diz..


-é este prazer que eu quero te dar! Ela passa a lingua na orelha do serviçal e beija, ao se afastar sorri convidativa, Ela queria dar-lhe um "beijo"

_________________
"A tortura quebra a matéria e atingi o aspecto imaterial do ser.
É a única forma de tocar o que ainda não compreendo."
avatar
Aradia

Data de inscrição : 27/04/2010
Idade : 27
Localização : Uberlândia - MG

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Central Park

Mensagem por Fox em Sex Fev 18, 2011 12:19 am

Yuki tem uma bela surpresa quando seu amigo entra em sua visão.

- Então era você?! - diz enquanto observa o local, certificando-se que ninguém mais estava a os observar.

- O que está fazendo por aqui? Mesmo os membros do clã da besta correm risco de virar comida de lobo, sabia?

O Gangrel se aproxima um pouco, dá uma segunda olhada nos arredores e fala em tom baixo.

- É... você me conhece. Não consigo ficar parado. Muito menos numa cidade em decadência como essa. Mas como me encontrou?
- Supus que você estava por aqui, mas não sabia que iria ser tão fácil te encontrar.
avatar
Fox

Data de inscrição : 10/03/2010
Idade : 24
Localização : Natal - RN

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Central Park

Mensagem por No One em Sex Fev 18, 2011 3:05 am

Aradia

Spoiler:
Aradia rolou 8 dados dif 5 para transe: (10(1), 7, 10(10,5), 9, 1, 8, 10, Cool 7 sucessos

O transe surtia total efeito no motorista, fazendo com que ele ficasse boqui-aberto diante da vampira. (sob o efeito de transe por 3 anos)

James: -Serei seu, minha senhora. Faça de mim o que quiser.

Aradia romanticamente cravava suas presas no motorista, dando-lhe um prazer imenso.

Spoiler:
James rolou 3 dados dif 8 para auto-controle: (5, 6, 1) Falha crítica

James: -Oooooh! Isso! Isso! Sou completamente seu agora! Por favor, não pare!

O homem falava tão alto que quase gritava. Estava completamente possuido pelo beijo. Aradia sugava o seu sangue com facilidade e ele se contorcia de prazer.

[OFF: Caso deseje continuar, eu posso acelerar o processo. Peço que me fale um pouco sobre ele, para que eu possa fazer a ficha futuramente.]


Fox

Paul sorria discretamente.

Paul: -Não é tão difícil quando se está familiarizado com o cheiro.

Ainda falava baixo, mas não chegava a cochichar.

Paul: -E então? O que você veio fazer aqui?
avatar
No One

Data de inscrição : 18/03/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Central Park

Mensagem por Aradia em Sex Fev 18, 2011 8:44 am

Off:James não é muito alto..1,78, 64kg, é moreno
imagem:
http://champagnedascinco.files.wordpress.com/2010/07/armani2.jpg
(preguiça de hospedar Razz)
Ele é calado, sério, sensato, exclente motrista, ele é cléssico e é europeu, Italiano, Não se sabe muito sobre ele , mas o que se sabe é que ele não tem familia, ficou orfão muito cedo..Sempre pareceu estar muito triste..por conta de ser fechado ele é mais intelectual que social..

Se precisar saber mais alguma coisa só dizer..

Simm..pretendo continuar Razz

_________________
"A tortura quebra a matéria e atingi o aspecto imaterial do ser.
É a única forma de tocar o que ainda não compreendo."
avatar
Aradia

Data de inscrição : 27/04/2010
Idade : 27
Localização : Uberlândia - MG

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Central Park

Mensagem por Azambuja em Sex Fev 18, 2011 3:09 pm

???: -Eu sou o mesmo que você, criança tola. Conhece uma coisa chamada Máscara?

- Mascara? hum... mas me diga quem seria você? e oque você faz aqui... membro...

Yun Atisava ainda mais aquele Homen, sem nem ao menos saber quem ele era, nesse exato momento yun estava crente de sua habilidades de luta e muito mais com suas habilidades de fuga...
avatar
Azambuja

Data de inscrição : 12/10/2010
Idade : 27
Localização : Rio Grande - RS

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Central Park

Mensagem por Nego Milton em Sex Fev 18, 2011 3:38 pm

com as descobertas recentes zanzael passa a se intereçar ainda mais em raposao, ele sabe que ainda possui planos a serem completados esta noite,
enquanto fala com raposao e olha pela vidraça do cafe, admirando o central park e a noite que o envolve, sem falar na presensa que emana do park, pesada, sinstra, tao magnifica e obscura, mantendo seu toque de suspense e instigando há duvida seus observadores, e esta duviada mais do que tudo atrai zanzael de uma forma monstruosa, tralvez ela ate traga a sua ruina, mas em seus planos isso nao acontecera hoje, ja que por horra ele contenta-se apenas em observar(continua teste de ocultismo - no central park), aquela presensa sinistra deve ser devidamente estudada e compreendida como um igual, pois ela concertesa abrirar portas para um poder futuro que zanzael almeja, a presensa sinistra ali o ajudara a obriterar o bem da face da terra, hoje ela se concentra naquele park e amanha esta ainda maior se em maos do cainita...



por acreditar em suas capacidades de percepiçao e estudo de assuntos ocultos dos olhos comum ele ainda observando o central park continua sua converça com o pecador a sua frente...


em um sussuro baixo:


- o senhor deveria se precaver mais... nao sabemos quem é que nos observa( ele da uma leve inclinada com a cabeça com o intuito de indicar a jovem cainita sentada na messa proxima e com um chapel na cabeça), ela tambem é da noite assim como nós, e eu ainda nao sei o porque ela esta aqui...


- mas se o senhor quizer posso falar uma ou duas coisinhas a seu respeito, que digamos muito poucos sabem, mas nao acho que devo fazer pois isso poderia revelar uma outra face do senhor que acredito queira deichar coberta de muito, e eu o querro como amigo, e nao outra coisa...


ele ainda nao sabe quais sao os dons de gam e atraves desta jogada ele tentara saber:


coloca um mao dentro de seu terno e retira um pequeno bloco de anotaçoes e um lapiz, o coloca sobre a mesa e escreve:

poderia fazer algo para que ela saia daqui?

ele aguarda as açoes de gam
avatar
Nego Milton

Data de inscrição : 10/03/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Central Park

Mensagem por Fox em Sex Fev 18, 2011 3:52 pm

A conversa continuava entre os dois amigos. Sempre atentos a olhares ou ouvidos curiosos, certamente quem se aproximasse iria ter um infeliz fim.

- Vim esfriar um pouco a cabeça. Sabe que eu nunca me acostumei totalmente com essa coisa de cidade grande.
- E você tem feito algo de interessante por aqui?
- um pequeno sorriso acompanha a pergunta.
avatar
Fox

Data de inscrição : 10/03/2010
Idade : 24
Localização : Natal - RN

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Central Park

Mensagem por Gam em Sex Fev 18, 2011 4:23 pm

Gam dá um risinho debochado. Que pedido mais fácil...
Ele se levanta e caminha até a mesa da outra tal cainita. Aquele cara quer ver seus talentos, é? Que tipo de teste ele tá querendo fazer? A mando de quem?
Bom, ele vai mostrar do que é capaz, sim. Mas se o Zanzael pensa que ele vai usar alguma disciplina, está muito enganado.

- Com licença, minha dama. Vejo que ainda não fez o seu pedido. - Gam está sendo extremamente cortês, como quem vai pedir algo desagradável. - Sinto, pela sua aura, que a senhora é, como nós, uma criança da noite. Veja, hoje demarcamos este local como ponto de encontro do nosso clã. Assim como meu caríssimo colega ali, ainda virão vários outros membros se reunir e... Bom, como posso dizer... eles não tem muito bons modos. - A esse ponto, ele analisa a expressão dela, para ver se ela está caindo. - Meu colega estava sugerindo que nos livrassemos da senhorita, mas eu acredito que certas coisas não precisam ser resolvitas com violência. Por isso vim até aqui pedir gentilmente que a senhora se retire. Eu sei que estou sendo rude, mas isso sem dúvida tornará a sua e a nossa noite bem mais agradável, se é que me entende.
(Manipulação+Lábia)

_________________
... só pode ser os nóia!
avatar
Gam

Data de inscrição : 08/03/2010
Idade : 25
Localização : Rio de Janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Central Park

Mensagem por No One em Sex Fev 18, 2011 8:46 pm

Aradia

Aradia continuava sugando o sangue do homem, que continuava gemendo alto de tanto prazer. Aos poucos, o sangue do homem ia acabando, até que Aradia sugava a última gota.

(OFF:Pode ficar a vontade para transforma-lo agora)


Yun

???: -Meu nome é Brock. Sou um Gangrel assim como você. Acho que a diferença é que você deve ser do Sabá, por quebrar a Máscara tão discaradamente.

O homem parecia assumir uma posição de defesa, preparado pra qualquer ataque.

Brock: -Não dou muita importância a Camarilla. Mas se quiser defender a sua seita, fique a vontade.


Fox

O lobisomen acompanhava o sorriso de Yuki com o seu próprio.

Paul: -Nada demais, apenas respirando um pouco de ar fresco. Pelo menos eu ainda respiro...

Paul sorria com o que acabava de falar. Foi então que eles escutavam um uivo, não muito longe dali.

Paul: -Precisamos sair daqui, não é seguro. Podemos conversar mais tranquilamente perto da entrada.


Zanzael & Gam

Spoiler:
Zanzael rolou 10 dados dif 7: (8, 2, 7, 1, 9, 5, 7, 9,6, Cool 6 sucessos

O La Sombra sabia que maior parte daquela presença era derivada pela quantidade de criaturas sobrenaturais ali presente. O Central Park também possuia uma energia própria que fazia dele tão sombrio, e agora ele entendia como essa energia funcionava. Zanzael podia sentir várias outras presenças também. Diversas vindo de dentro da mata e duas outras se aproximando do café. (OFF: interprete o entendimento da maneira que quiser, mas seja plausível)

Após fazer seu pedido discreto para que Gam se livrasse da garota, o agente duplo aproxima-se dela e tenta convencê-la com sua labia. Pouco antes de falar, ele percebe que ela está com um olhar assustador e seus olhos, aparentemente verdes, brilham muito. O corpo dela também era forte demais para que ela fosse uma mulher indefesa.

Spoiler:
Gam rolou 10 dados dif 6 para mentira: (8, 5, 6, 4, 5, 9, 3, 3, 6, 6) 5 sucessos

Mulher rolou 5 dados dif 5 para perceber mentira: (2, 4, 4, 9, 9) 2 sucessos

A mulher estava convencida de que Gam falava a verdade, mas por mais cortês que ele tivesse sido, despertara um olhar ainda mais assustador e raivoso do que antes na mulher.

Spoiler:
Mulher rolou 7 dados dif 5 para intimidar: (5, 1, 7, 5, 1, 5, Cool 3 sucessos

Mulher: -Que coincidência. Então vamos ter um duelo interessante.

A voz da mulher arrepiava o corpo morto de Gam, fazendo-o tremer involuntariamente. Ela continuava olhando fixamente para ele, alguns segundos se passaram, e a porta do café é aberta novamente.

Dois homens entram. Um deles tem cerca de 2 metros de altura, cabelos pretos, pele branca, presença intimidadora e olhar mal-encarado. O outro tem cerca de 1.80, cabelos compridos e castanhos, pele branca e olhos verdes.

Os dois aproximam-se da mesa onde a mulher está sentada, olham para Gam com cara de poucos amigos e sentam-se sem pedir licença. O grandalhão fala com uma voz extremamente grossa.

???: -Quem é esse??

A mulher responde, ainda olhando para Gam.

Mulher: -Você, como se chama?

Antes que Gam respondesse, a mulher virava seu olhar para o outro e respondia.

Mulher: -Isso não importa. Parece que o rapaz aqui reservou o lugar para reunir o seu clã. Pediu que eu me retirasse, porque não queria resolver isso com violência.

A mulher sorria falando essas palavras.

???: -HAHAHAHAHAHAHAHAH

Os três começaram a rir repentinamente. Mas depois seus rostos ficavam sérios.

???: -Ótimo. Vamos esperar que nos tirem, então.

Spoiler:
Zanzael rolou 7 dados para noção de perigo: (9, 4, 6, 8, 7, 8, 7) 6 sucessos

Na outra mesa, Zanzael podia sentir que eles corriam um certo perigo. O perigo vinha dos três vampiros da outra mesa, mas ainda não era nada concreto, Zanzael sabia que eles não pretendiam atacar ainda.
avatar
No One

Data de inscrição : 18/03/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Central Park

Mensagem por Gam em Sab Fev 19, 2011 12:52 am

- Putz. - Gam dá um tapa na testa, enquanto se afasta dois passos do grupo.

Quais eram as chances de essa mulher estar fazendo exatamente a mesma coisa que ele disse que estaria? Mas que diabos.

- Meu nome é... - Ele pensa em falar seu nome verdadeiro, mas se isso terminar em sangue ele não quer que possíveis testemunhas falem sobre ele depois. - Mike. Michael Nickelson. - Ele já usou esse nome falso hoje, não custa nada usar de novo.

Ele imagina que, com a ajuda daquele cara da outra mesa, não seria muito difícil dar cabo desses três. Mas definitivamente confusão não é o que ele quer agora.

- Zanzi, querido. - Ele finge já ter intimidade com o tal da outra mesa. - Eles querem arranjar briga. Você tá afim de se meter numa briga hoje? Porque eu não tô.

-2 pds em Destreza

_________________
... só pode ser os nóia!
avatar
Gam

Data de inscrição : 08/03/2010
Idade : 25
Localização : Rio de Janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Central Park

Mensagem por Nego Milton em Sab Fev 19, 2011 5:17 am

parte dos objetivos de zanzael para a noite estavam se revelando de uma maneira surpreendente, a quantidade de informaçao que ele avia adquirido estava acima do que o cainita esperava para sua primeira incursao ao central park, e ainda mais imprecionante era a quantidade de contra-tempo que se materializava a sua frente, um lançe perigoso atraz de outro, vinha sendo feita e ate agora ele obteve sucesso em esquivar-se das investidas contra ele, mas ate quando issso continuaria? ele nao podia perder o controle, ele nao se deixaria levar, perder estava fora de questao...
(- Errar é apenas para aqueles que se conformaram com a possibilidade do erro, eles sao fracos, e por isso sucumbem ao erro) essas palavras, trazem mais lucidez a sua mente ...
ele repassa todos os acontecimentos da noite e os divide de acordo com suas prioridades :
(-tenho que conceguir estudar a natureza destas forças mais profundamente, mas com a possibilidade de ser atacado com estes seres a minhas costas, nao estou no melhor lugar, talvez tenha sido um tanto quanto precipitado da minha parte ter feito o que fiz com Gam ou nao...um combate seria realmente uma boa mas neste lugar...nao deve chamar a atençao para mim... como devo agir ?)
zanzael estudava as possibilidade quando Gam volta e se dirije a ele;
(- ele foi habil em nao revelar seu verdadeiro nome para eles, ele ainda esconde muitas coisas...)
em um tom de voz calmo, e frio ele direciona a palavra a gam
- fique calmo e sente-se, sim? -ele indica a cadeira para que o mesmo se sente- é bem provavel que as coisas ainda ão de se complicar mais, nao acho que eles estejam a sós...
-mas...
- primeiramente acho que deveriamos nos conhecer melhor !!!
zanzael escreve no bloquinho
- qual seu clãn ?
-quando nos conhecemos cooperamos melhor!!! talvez nao devese ter ido ate la insultar aquela dama como voce acabou fazendo. e quanto a brigar... isso nao deve ser feito olhe ao seu redor devemos nos manter a margem da sociedade humana e nao chamar uma atençao indesejavel !
(- CONSEGUI!!! ja temos como sair daqui.)
zanzael pega o telefone
ainda com toda esta distraçao ele tenta prosiguir com o que estava fazendo ele nao deve ser desviado por completo de seu objetivo para esta noite, o estudo deve continuar independente do potencial perigo, ele conceguiu identificar quatro tipos de presensa dentro do central park, e desta apenas uma nao chama sua atença (vampiros) e uma em especifico é de maior valia a curto prazo, ele se concentra mais em uma presensa e mantem o teste focando nela...
(- faça o que tem que ser feito!!!)
avatar
Nego Milton

Data de inscrição : 10/03/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Central Park

Mensagem por Sercas Natan em Sab Fev 19, 2011 11:17 pm

Sercas Natan estava disposto a passear hoje, caminhava e cantarolava alegremente, pelos arredores do parque...

Um, dois,
Fivele meu sapato;
Três, quatro,
Bata na porta;
Cinco, seis,
Pegue palitos;
Sete, oito,
Coloque-os em linha reta;
Nove, dez,
Uma galinha, bem gordinha;
Onze, doze,
Cavar e cavar;
Treze, catorze anos,
Criadas namorando;
Quinze, dezesseis,
Criadas na cozinha;
Dezessete, dezoito,
Empregadas esperando;
Dezenove, vinte,
Meu prato está vazio.


Canta baixinho... quando chega à frente de algo que lhe chama atenção. Um café na 5th Ave.

Olha Ruth! - ele diz para sua mentora incorporea - Café! Parece que tem
bastante gente lá dentro... será que querem se divertir? Vamos entrar
devagarinho...


Sercas adentra o recinto cantarolando, o volume da voz na altura de uma fala comum, olha para todos no local, se alguma reciproca for negativa, para imediatamente.

Dirige-se para uma mesa mais proxima de outros dois homens, um deles veste-se de terno, atrai a atenção de Sercas.

Será que vao achar ruim se eu cantar mais um pouquinho Ruth? - independente da resposta... ele senta-se e fica quieto um tempo, e depois sem resistir começa a batucar com os dedos na mesa e cantar baixinho, como que um sussurro. Entao de súbito reconhece um dos rostos dos dois homens - OLHA RUTH!!! É AQUELE CARA... O BARMAN!- disse a ultima frase bem alto, quase gritando, e em seguida tapando a boca com as maos. Recompoe-se e caminha lentamente até a mesa dos dois.

Hram hram - pigarreia - Olá senhores, perdoem-me, gostaria apeNas de expressar minha admiração... - tenta falar com polidez e extende a mao direita para cumprimenta-los, apos isso usa o tom trivial, de admiração - é... sabe... eu sempre quiz ser barman... como você consegue?... Eu poderia... er... sentar... ah... deixa pra lá... - nisso faz menção de virar-se para se dirigir a outra mesa. E no que seria uma ultima olhada, ele concentra-se e testa Olhos do Caos no barman.. para ver se talvez descobriria algo em comum entre eles.
avatar
Sercas Natan

Data de inscrição : 10/05/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Central Park

Mensagem por Azambuja em Dom Fev 20, 2011 1:25 am

???: -Meu nome é Brock. Sou um Gangrel assim como você. Acho que a diferença é que você deve ser do Sabá, por quebrar a Máscara tão discaradamente.


- Então vocês da camarilla são assim né: tudo para vocês é essa mascara, mas para que proteger tanto os humanos de nós se são eles na verdade que são os monstros?

Brock: -Não dou muita importância a Camarilla. Mas se quiser defender a sua seita, fique a vontade.

Yun Esticava o braço em direção ao Gangrel e Balaçanva o Dedo indicador negativamente...

- Calma Cara, vejo que tu tais afim de lutar... mas n estou aqui para lutar com outro membro muito menos um de meu clã, Não tenho nenhuma intenção de defender minha seita, afinal ela não faz nada por min...

Nisso Yun Abaixava o braço e também ficava numa posição defensiva com as pernas levenmente curvadas e abertas e com os braços para o lado com as mãos abertas...

- Mas se lutar é oque você quer não vejo nenhum problema em nos divertimos um pouco...

Então o Gangrel AT olhava atentamente para o Homen em sua frente seus olhos vermelhos não deixavam passar nada seus ouvidos altamente treinados escutavam tudo oque acontecia se o Homen Puxasse uma arma ou a enguatilha-se o AT irá escutar, qualquer ataca fisico realizado contra yun seria desviado e contrar atacado com um chute giratório, e qualquer disparo yun se atiraria para o lado mais rapido que o homen pude-se puxar sua arma... e sairia corrente para dentro da selva...

" Vamos Ver no Que vai dar..."
avatar
Azambuja

Data de inscrição : 12/10/2010
Idade : 27
Localização : Rio Grande - RS

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Central Park

Mensagem por Fox em Dom Fev 20, 2011 1:43 pm

- Tem razão. Vamos!

Yuki e seu amigo se dirigem, então, cuidadosamente em direção a entrada. Com o poder da Metamorfose ainda ativo, o Gangrel enxerga o caminho facilmente até encontrar um local apropriado. Não muito aberto, é claro, não queriam chamar atenção.

- Acho que aqui está bom.
- Então Paul. A quanto tempo está perambulando pela floresta?
avatar
Fox

Data de inscrição : 10/03/2010
Idade : 24
Localização : Natal - RN

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Central Park

Mensagem por Aradia em Qua Fev 23, 2011 1:18 pm

Aradia adorava os gemidos de prazer do rapaz, e quando sentiu a última gota, passar por sua garganta ela fez um corte no sei pulso e deu para que James tomasse, de sua própria vitae, fazendo dele um filho, um filho que Aradia queria pelo luxo do prazer a qualquer hora

-Tome tudinho meu bem, logo sentirá os poderes que correm em minha veia..

Aradia sorria com prazer..e o seu olhar fatal era macabro..

_________________
"A tortura quebra a matéria e atingi o aspecto imaterial do ser.
É a única forma de tocar o que ainda não compreendo."
avatar
Aradia

Data de inscrição : 27/04/2010
Idade : 27
Localização : Uberlândia - MG

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Central Park

Mensagem por No One em Qui Fev 24, 2011 12:32 am

Gam & Zanzael

[OFF: Sercas, não achei sua ficha, por favor me mande ela por MP para que eu possa postar sua parte.]

O grandalhão dava uma gargalhada com o que Gam falava para seu companheiro.

???: -HAHAHAHAHAHAH! Agora entendi, eles são um casal e não queriam ser incomodados pela sua presença, Kim. Por isso ameaçaram soltar a franga.

O homem falava alto o suficiente para que todos no café ouvissem. E continuava dando gargalhadas. Os outros dois apenas riam discretamente. Enquanto isso, Zanzael focava-se na presença que mais chamava sua atenção.

Spoiler:
Zanzael rolou 8 dados de 10 lados com dificuldade 8 para ocultismo que resultou 10, 2, 9, 9, 5, 4, 10, 6 - Total: 4 Sucessos

A presença que mais chamava sua atenção era a presença que estava em grande massa naquela floresta. Eram muitas criaturas que possuiam essa mesma presença e a grande maioria encontrava-se dentro da mata, em movimento. Eram perigosas, ele podia sentir isso.


Yun

O Gangrel AT esperava por um ataque, mas nada acontecia. O homem calmamente retirava um cigarro de uma carteira em seu bolso, colocava-o na boca e o acendia com um isqueiro. tragava fechando os olhos tranquilamente enquanto a fumaça saia de sua boca.

Brock: -Relaxa, cara. Pouco me importa esse negócio de seita, pra mim somos todos farinha do mesmo saco.

O homem voltava a se encostar na árvore e retirava sua carteira de cigarros do bolso apontando para Yun.

Brock: -Quer um cigarro? Se quiser tem maconha também.


Yuki

Ao encontrar um lugar discreto e "seguro" o Gangrel volta a conversar com seu amigo.

Paul: -Acho que faz umas 2 horas... É muito bom relembrar um pouco minha antiga moradia, a floresta. E você? Chegou aqui faz tempo?

O lobisomen olhava para os lados, muito atento enquanto conversavam. Mesmo o lugar sendo aparentemente seguro, ele não podia relaxar.


Aradia

[OFF: Aradia, sua personagem compareceu ao Elysium e pediu autorização para transformar o motorista?]

Aradia completava a transformação satisfatoriamente. James estava muito pálido, ele bebia com vigor o sangue de sua senhora antes de despertar.

Spoiler:
James rolou 1 dado para sede inicial: (10)

Por fim o motorista acordava. Ele estava magnificamente lindo. Sua beleza era do mesmo nível que a beleza de Aradia.

James: -O que houve? Me sinto estranho...

Ele colocava sua mão na cabeça, confuso. Era a hora da explicação.
avatar
No One

Data de inscrição : 18/03/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Central Park

Mensagem por Azambuja em Qui Fev 24, 2011 10:22 am

Brock: -Relaxa, cara. Pouco me importa esse negócio de seita, pra mim somos todos farinha do mesmo saco.


- Entendo...

Yun falava num tom de Voz meu sem vontade... Vontando a Sua postura normal com as mãos nos bolsos do casaco e face para o chão...



Brock: -Quer um cigarro? Se quiser tem maconha também.


" Droga Apenas outro traficante Inutil... "

- Não não... to de Partida... Sayonara...

Yun Fazia um Asceno com a Mão enquanto Olhava para Brock... e se virava e começa a Caminhar em direção a Saida de Central park... Quando Chega-se em frente a rua...

- Me enganei Em quanto a Pàrte que eu entrei deve ser por outro Lado...

Yun Atravessava a rua e ia em direção a um beco escuro aonde pudessesubir em um predio...

OFF - Saindo do cenário Malz aew kyle... mas preciso ir para outro lugar...
avatar
Azambuja

Data de inscrição : 12/10/2010
Idade : 27
Localização : Rio Grande - RS

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Central Park

Mensagem por Gam em Qui Fev 24, 2011 1:44 pm

Ei, esse jumento até que deu uma boa ideia. Se Gam fizer um papel bem ridículo, talvez eles não os considerem dignos de uma luta. Não custa tentar.

- Aaai Zanzi! Eles estão sendo rudes comigo, vamo embora daqui. Vamo no cinema, ou sei lá, na casa da minha mamis... - Gam fala como uma baita moçoila fresca e covarde, enquanto puxa Zanzael pelo braço.

Ele vai tentar puxá-lo para levantar-se e sair do café, dando a volta pelos encrenqueiros.

-2 pds em Destreza

_________________
... só pode ser os nóia!
avatar
Gam

Data de inscrição : 08/03/2010
Idade : 25
Localização : Rio de Janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Central Park

Mensagem por Fox em Qui Fev 24, 2011 11:33 pm

- Não. Não. Você foi a primeira "coisa" com que me deparei.

Yuki olha para as entranhas da floresta com uma ar de aventura, como uma criança olha para aquele desejado doce.

- Mas e aí? Você está ocupado ou tá a fim de se aventurar floresta adentro?
avatar
Fox

Data de inscrição : 10/03/2010
Idade : 24
Localização : Natal - RN

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Central Park

Mensagem por Nego Milton em Dom Fev 27, 2011 3:41 pm

ele sabia que avia conseguido muito e progredido de maneira exponencial, para uma noite de folga, agora ele tinha outra preocupaçao, sua segurança estava ameaçada, aquele ambiente estava cada vez mais pesado e perigoso....
- Aaai Zanzi! Eles estão sendo rudes comigo, vamo embora daqui. Vamo no cinema, ou sei lá, na casa da minha mamis... - Gam fala como uma baita moçoila fresca e covarde, enquanto puxa Zanzael pelo braço.

(- bem de acordo com o dito a seu respeito senhor Gam,vamos ver se surtira efeito, vamos fazer o seu jogo por enquanto)

zanzael com um sorriso cativante no rosto toca suavimente a face de raposao, e com a voz o mais doce que ele pode fazer, na tentativa de acalmar a femia que exeste em raposao...

- sim meu docinho!!! mas como foi voce que quis vir ate aqui - ele faz uma pausa dramatica, para dar mais pesar em sua fala - e agora esta indo embora, entao a conta fica por sua conta.

enquanto espera gam tomar a dianteira da envestida, zanzael faz uso de um de seus dons ( sentir o pecado no grandao que acabol de fazar a observaçao)
avatar
Nego Milton

Data de inscrição : 10/03/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Central Park

Mensagem por Eros Crispar em Dom Fev 27, 2011 7:24 pm

Astaroth chegava no café do central park, comprou um café e foi discretamente ao banheiro.
Ai tudo pela beleza, ter de vir até aqui só pra retocar a maquiagem.
Astaroth retocava a maquiagem e jogava fora o café.
Ao sair Astaroth ouviu um comentário que não foi muito agradavel.
-HAHAHAHAHAHAH! Agora entendi, eles são um casal e não queriam ser incomodados pela sua presença, Kim. Por isso ameaçaram soltar a franga.
em resposta ele ouviu.
- Aaai Zanzi! Eles estão sendo rudes comigo, vamo embora daqui. Vamo no cinema, ou sei lá, na casa da minha mamis...

Ast então decide atrapalhar a discussão da melhor maneira... evitando os idiotas preconceituosos.Ele fala para o casal.
--- Algum problema por aqui Ladies? eu estava indo a uma boate aqui perto... o que axam de ir junto? --- Ast falava dando uma pequena piscadela no fim.

Spoiler:
Roupa...


Maquiagem...



Arma...


Fone de ouvido...


Musik tocando alto o suficiente p todo mundo escutar...


OBS: O modelo da roupa não é Ast, porém o da maquiagem sim, para ter uma noção base de como é o Ast é só procurar por Adam Lambert


[[Zanz , Gam aproveitem o desfecho e saiam dali comigo, podem fingir ser amigos dele.hehe... Gam não se preocupe o Ast não vai dar em cima de vc "DE NOVO"...HEHE^^]]


Última edição por Thanatoth em Seg Fev 28, 2011 11:50 am, editado 1 vez(es)
avatar
Eros Crispar

Data de inscrição : 10/01/2011
Idade : 24

http://silentscreamout.blogspot.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Central Park

Mensagem por Guidim em Seg Fev 28, 2011 10:43 am

[off] Saída da Boate[off]

Assim que solicitado, o Amigo táxista de Guidim [ele foi vítima de presença 1] apareceu para mais uma corrida pela noite de NY.

-Vamos até o Central Park, um pouco de ar fresco nessa noite quente fará bem para Ellen


Guidim agora sabia o nome daquele gado, Ellen era o nome dela, e analisando as feridas na barriga da mulher, seus cabelos desgranhentos e sua feição de apavorada, o táxista poderia achar meio estranho, Guidim apenas dava uma pequena explicação.

-Houve um incidente na Boate, e ela foi a vítima, sorte a dela de eu te-la encontrado não é mesmo Ellen?

Guidim abraçava a garota ao seu peito e demonstrava todo o acolhimento de Set em seu braços, Guidim fazia o possível para cativar seus fiéis da melhor forma, uma vez susctíveis a fé de Set, poderiam ser muito úteis.

A garota ja estava conectada ao Setita pela sua fraqueza emocional, e pelo tudo o que o Setita cuidadosamente havia reservado para ela aquela noite, a particularidade do Park somente seria mais um de seus plano para aquela noite...

Assim que deixados em frente ao Park, o Setita abraçado com Ellen Seguia Park adentro, passava pelo café na periferia do Park, e parecia ser um ótimo lugar para dar o de comer á Ellen, mas se não fosse o movimento intenso, Guidim até entraria, mas não é o que ele faz, a particularidade do Park naquelas horas da noite parecia mais propícia ás intenções do Setita.

-Sente-se Ellen, precisamos conversar sobre o que te falei , sua salvação... Imagino que esteja confusa contudo que aconteceu essa noite certo?
Guidim chegava e fazia Ellen se sentar em uma das mesas dispostas naquele Park.

-Muitas coisas voce entenderá ao longo do tempo, e por hora eu só posso te provar que realmente meu Deus é milagrosamente poderoso, se eu não for convincente o suficiente , não precisará mais acreditar em mim.

A tranquilidade, propiciava a Guidim uma boa canhce de manipular ainda mais aquele gado, Guidim era dissimulado o suficiente, e usava disso para atrair seus súditos e adoradores de seu Deus.

-Feche os Olhos Ellen, e sinta o gosto da comunhão de Set em seu corpo.

Guidim olhava ao seu redor e certo de que estava a sós com ela, tampava os ohos da garota e levantava sua Cabeça para alto, fazia isso para que a mesma não visse suas ações daqui pra frente.

Agora o Setita com suas presas dilacerava o outro pulso, e gotejava na boca da garota algumas gotas de Vitae...

-Apenas beba, não questione, eu juro que mais tarde terá suas respostas...

Guidim passava sua lingua em seu pulso , e tampava os orifícios feitos por sua presa.

-Beba, vamos beba, assim como prometido, voce esta recebendo a primeira comunhão de sua salvação...

Guidim apenas tiraria as mãos dos olhos da garota após ela ter ingerido toda aquele vitae, ficando assim impossivel dela saber o que ingeriu e de onde veio o liquido ingerido

[off] Minha intenção é que ela ingira meu vitae e possa se recuperar dos danos que ele se auto-infligiu quando estava pertubada pelo meu poder de presença 2 na boate, quem sabe uma "cura milagrosa" não deixe Esse gado um pouco impressionado xD[off]

_________________
FalasPensamentos[Offs/Testes]

"-A verdade está aí dentro...
avatar
Guidim

Data de inscrição : 31/08/2010
Idade : 28
Localização : Diadema

http://www.twitter.com/fe_orlando

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Central Park

Mensagem por No One em Ter Mar 01, 2011 11:41 am

Yuki

[OFF: Preciso de informações sobre esse lobisomen. Qual é a tribo, raça, etc?]

Paul dá um sorriso.

Paul: -Você ta procurando confusão mesmo, ein? Eu prefiro evitar combates contra qualquer outro lobisomen, não quero que me caçem depois... Mas se acharmos um sanguesuga ou um humano qualquer, podemos nos divertir um pouco.

Ele se posiciona como se estivesse prestes a correr em disparada.

Paul: -Como é que vai ser?


Gam, Zanzael, Sercas & Astarosh

Ast entrava no "teatrinho" criado pelos vampiros para tentar safa-los de um possível combate. Isso funcionaria ou apenas o encrencaria junto deles?

???: -HAUHAUAHUAHAUHAUHAUAHUAH

O grandalhão caia na risada, novamente seus colegas riam junto. Será que ele havia levado aquilo numa boa? Não era isso que parecia quando seu semblante mudava completamente de risonho para sério e intimidador.

???: -Então mocinhas, ninguém insulta o nosso trio e sai ileso. Principalmente quando a insultada é a nossa mestre.

A vampira abria um sorriso malicioso em sua face. Parecia que esses três cainitas tinham entrado numa grande encrenca.

Zanzael usa um de seus dons para descobrir algo que possam usar contra o gigante.

Spoiler:
Zanzael rolou 7 dados de 10 lados com dificuldade 7 para sentir o pecado que resultou 4, 4, 2, 4, 4, 8, 8 - Total: 2 Sucessos

Zanzael sabia que aquele homem já havia se descontrolado várias vezes devido a sua sede e matou muitas pessoas. A única que ele se arrepende foi a sua primeira vítima, uma garota de cerca de uns 14 anos.

Nesse momento, Sercas aproxima-se de Gam e tenta um primeiro contato. E aproveitava também para descobrir se eles tinham algo em comum.

[OFF: Gam, veja o post dele para melhor interagirem.]

Spoiler:
Sercas rolou 5 dados de 10 lados com dificuldade 9 para olhos do caos que resultou 10, 6, 7, 7, 5 - Total: 1 Sucessos

Ele sabia que a natureza de Gam era de um verdadeira caçador de emoções. Isso mostrava que eles tinham um pouco em comum.

Ruth: -Epa! Parece que vai rolar uma briga! BRIGA! BRIGA! BRIGA! Você vai ajudar o Barman, não vai? Não me irrite... eu sei que vai. - Falava Ruth mentalmente na cabeça de Sercas.

Foi ai então que mais alguém entrou no Café. Era um homem lindo, quase tão bonito quanto Ast. Ele tinha cabelos loiros, olhos verdes e pele pálida. Ele sentou-se em uma mesa distante da confusão que se passava. A garçonete preparava alguma coisa no momento em que ele chegou. Ainda com uma faca nas mãos, ela andava até a saída do balcão para atendê-lo.

Garçonete: -Já estou indo atendê-lo, senhor.

De repente, a garçonete tropeça e um desastre acontece. A faca que antes estava em sua mão voa pelos ares e antes que ela pudesse prever, já havia perfurado seu crânio. Todos podiam ver o cadáver, já que ela caiu logo após sair do balcão. Para alguns, isso significava apenas uma coisa: sangue fresco!

O homem loiro sorria discretamente, o acidente não parecia incomoda-lo. Um senhor de idade que estava no balcão estava em choque. E o grandalhão, apesar de não parecer se importar, parecia surpreso.

???: -E ai Kim? Agora não temos motivos pra adiar essa briga. Podemos acabar com eles aqui mesmo.

Kim: -Você adora mesmo uma confusão, né? Mas quem toma as decisões aqui sou eu. Não gosto de forasteiros no meu território, e ainda por cima aqueles que acham que tem direito de ME mandar sair. Porém vou deixa-los irem embora, a menos que queiram nos confrontar.

As coisas pareciam estar correndo bem para os cainitas, até que ouvem um barulho de alguma coisa caindo no chão e em seguida várias explosões acontecem do lado de fora do café. O lugar fica completamente rodeado por um fogo intenso, que além de impedir as suas saídas, lhes causava um medo intenso.

Spoiler:
Kimberly rolou 5 dados de 10 lados com dificuldade 6 para coragem que resultou 1, 9, 2, 5, 9 - Total: 1 Sucessos

Grandalhão rolou 5 dados de 10 lados com dificuldade 6 para coragem que resultou 4, 2, 1, 9, 4 - Total: 0 Sucessos

??? rolou 4 dados de 10 lados com dificuldade 6 para coragem que resultou 3, 9, 10, 5 - Total: 2 Sucessos

Sercas rolou 5 dados de 10 lados com dificuldade 6 para coragem que resultou 3, 5, 5, 8, 10 - Total: 2 Sucessos

Zanzael rolou 5 dados de 10 lados com dificuldade 6 para coragem que resultou 5, 1(0), 5, 6, 8 - Total: 2 Sucessos

Gam rolou 3 dados de 10 lados com dificuldade 6 para coragem que resultou 7, 8, 4 - Total: 2 Sucessos

Astaroth rolou 4 dados de 10 lados com dificuldade 6 para coragem que resultou 9, 2, 10, 2 - Total: 2 Sucessos

Todos conseguiam se controlar, com excessão do grandalhão, que entrava em Rotshreck. Ele saia correndo desesperado pelo café de um lado pro outro.

???: -SOCORRO! SOCORRO! SOCORRO!

Sair de lá seria um grande problema agora. E parecia que alguém lá fora queria a morte-final dos ali presentes.


Guidim

Enquanto a garota bebia de seu sangue, eles ouviam várias explosões vindo do lugar onde estava o café. A garota tremia e mordia o pulso do setita. Após perceber que todo sangue havia sido ingerido, o setita retira seu braço com uma certa dificuldade, por causa da mordida da garota. Ele então liberava a visão dela.

Garota: -O que... o que você me deu? Eu senti algo estranho descer pela minha garganta... e ainda mordi uma pele super fria... era você... você me deu seu... sangue? Por que?

Qualquer retardada poderia deduzir isso, por mais estranho que parecesse. Ela continuava machucada, talvez o sangue ainda não tivesse feito efeito... ou talvez não tivesse o efeito esperado. Ela ainda estava muito abalada e tremia sem parar.
avatar
No One

Data de inscrição : 18/03/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Central Park

Mensagem por Eros Crispar em Ter Mar 01, 2011 12:15 pm

Pensa! pensa!
o grandalhão correndo e gritando de um lado pra outro só fazia atrapalhar...
Vamos primeiro parar esse idiota!
[[Mepolminee- madrigal -1fv sucesso automático]]
Ast canta a todos pulmões disciminanto a calma...
♪♫♪... Put all your angels on the edge
Keep all the roses, I'm not dead
I left a thorn under your bed

I'm never gone

Go tell the world I'm still around
I didn't fly, I'm coming down
you are the wind, the only sound

Whisper to my heart
when hope is torn apart
and no one can save you

I walk alone
Every step I take
I walk alone

My winter storm
Holding me awake
It's never gone
When I walk alone

... ♫♪♫
Spoiler:

[[valeu roi por me apresentar essa cantora ^^]]


Esperava agora que o grandão pudesse estar calmo para que todos ali dentro pensassam juntos em uma solução...
avatar
Eros Crispar

Data de inscrição : 10/01/2011
Idade : 24

http://silentscreamout.blogspot.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Central Park

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 2 de 8 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8  Seguinte

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum