la isla de la muerte ´´A ilha da morte`` (Crônica Livre)

Página 1 de 4 1, 2, 3, 4  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

la isla de la muerte ´´A ilha da morte`` (Crônica Livre)

Mensagem por Antony Salon em Sab Jul 03, 2010 9:58 pm

Bom pessoal to afim de fazer um teste de narrativa em forum e optei por uma crônica livre ao inves de uma arena de combate pq quero colocar um pouco de aventura em meio aos combates.

Seram 6 vagas para não ficar muito puxado a narrativa.
Destas 6 gostaria que fossem 3 sabá e 3 camarillas ou anarch e independentes que apoiacem umas destas seitas blz.
Mais posso abrir exeções no caso dos 6 primeiros não corresponderem o limite de 3 para cada lado(seita).
Interessados mandar MP com sua intenção

As postagens seguiram nos fins de semanas possivelmente aos sábados e as quartas feiras, totalizando 2 postes por semanas.
Quase sempre na parte da noite ao qual terei tempo para os postes.

As rolagens dos dados serão rolados por mim mesmo para não haver complicações:Site das rolagens.

http://www.milenio.com.br/master/cobra/rpg/dicerollerST.asp

Pesso que todos postem dentro do prazo para não atrapalhar a aventura.
E que utilizem de uma boa interpretação para melhor desenvolvimento da crônica.



[b]OBS: Por gentileza não postem conversas aleatorias ou pedidos de vagas no topico para não haver poluição do mesmo.
Pois não terei como limpa-lo para um bom intendimento da crônica.
caso queirão comunicar algo utilizem a MP para o mesmo.
avatar
Antony Salon

Data de inscrição : 17/04/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: la isla de la muerte ´´A ilha da morte`` (Crônica Livre)

Mensagem por Antony Salon em Sab Jul 03, 2010 11:24 pm

A ilha da morte.

Descrição do inicio da crônica:



O sol sumira mais uma vez como no final de cada dia, a lua cheia estampava os ceus novamente.
A noite era uma como tantas outras já passadas para seis cainitas desta lista, mais começaria hoje o maior realiteshow jamais assistido antes por uma selecionada crientela vcs nossos patrocinadores.

Senhores como podem ver , vocês foram selecionados e divididos em seis grupos e cada grupo podera escolher um membro desta lista no telão para ser levado para a ilha , estes cainitas serão suas apostas no jogo, ou seja as apostas seram feitas em grupos senhores e o grupos vencedor levar o premio.
A ilha contem varios obstaculos naturais e criados por nós para nossa maior diversão criaturas selvagens e outras geneticamente modificadas.
Nossos escolhidos teram armas de diversos calibres e variedades que foram distribuidas e escondidas pela ilhas, mais deixaremos algumas armas com eles também né pessoal não queremos ver ninguém morto antes da hora.
E aquele ou aqueles que conseguirem sobreviver a ilha e chegarem ao continente seram os vencedores, ou seja o grupos que apostaram nestes cainitas seram os vencedores.


Narrativa para os jogadores

Vocês acordam em uma cabana de caça juntamente com mais duas pessoas desconhecidas tanto você quanto os outros estão com os pés amarrados, mais com as mãos livres em seu peito a um ferimento, ao olhar as outras pessoas que estão na cabana também você consegue identificar um padrão nos ferimente e logo você percebe que foram feitos por uma estaca que foi cravada ao seu peito.
O susto do momento era tão grande que só depois de minutos consegue perceber uma frase escrita em sangue nas paredes da cabana.
(Que sobreviva o mais forte!!!
Huahuahua.......

A unica coisa que consegue se lembrar de antes de acordar na cabana e uma dor muito forte na cabeça possivelmente por uma pancada.
O som vindo de fora e som de uma floresta densa, mais ao canto da cabana era possivel ver 3 mochilas .

OBS:Conteudo das mochilas indenticas em tudo :
1 bússola
1 Faca de combate Força+1 dificuldade=6
1Colt M1911A1 Dano=5dados , dificuldade=6, alcance=25m, cadencia de tiros=3, pente=9 munições+1 na agulha , ocultabilidade=Jaqueta, calibre=.45
1Lanterna
1Caixa de munição=50 unidades (calibre.45)


Imagem da ilha:
Spoiler:

Imagem da cabana:
Spoiler:

Off: Agora é com vocês galera postem suas ações daqui para frente blz.
E por favor postens o link de suas fichas em seu primeiro post para facilitar minha vida com as rolagens ok.
ou se preferirem pode ser por MP as fichas, acho ate melhor evita metajogo em caso de combates entre vcs mesmo ok.
avatar
Antony Salon

Data de inscrição : 17/04/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: la isla de la muerte ´´A ilha da morte`` (Crônica Livre)

Mensagem por Real em Dom Jul 04, 2010 2:52 pm

Matthew acorda dentro de uma cabana de madeira, e fica surpreso com isso.

Que m...Aonde eu estou?

A primeira coisa que ele vê é um ferimento em seu peito, e só consegue se perguntar sobre como alguém conseguiu pegar ele. Ele costuma ser muito atento a tudo que ocorre por perto dele.

[ pergunta: vitalidade incapacitado ou vitalidade normal? se for normal, segue o post: ]

Vê mais duas pessoas, entrando em consciencia ainda. Elas tem o mesmo ferimento que ele, o que é curioso. Apesar de estar extremamente preocupado, se mantia calmo [ temperamento calmo, 3pt qualidade ], e analisava cada coisa ao seu redor. Até que viu a mensagem na parede.

Que sobreviva o mais forte!!!
Huahuahua.......

Deve ser um novo jogo doentio dos anciões. Eles não tem mais com o que passar suas existências, e se divertem colocando a dos outros em risco. Acho que não vão conseguir o que querem, tentarei fazer com que todos saiamos vivos desse maldito jogo...

Olha uma das bolsas, e vê que quase nada é útil para ele. Não é muito bom atirador, e não sente necessidade de usar as facas, levando em conta que possui as próprias garras. No entanto, talvez tenha que usar a pistola para alguma coisa, retira apenas a faca, e pega uma mochila para si. Vai até a janela e imagina o perigo que o aguarda. Resolve soltar logo suas garras, e mantê-las assim. Qualquer coisa, estará prevenido. [ gasta 1 pt sangue para liberar as garras das mãos (metamorfose 2). ]

Analisa um pouco o interno da cabana, nos mínimos detalhes, para saber se havia algo que pudesse levar consigo. Depois senta, e olha para os seus companheiros, ou para os outros azarados que foram pegos nesse joguinho.

Como vocês estão se sentindo? Meu nome é Matthew Carte, e se algum de vocês tiver alguma informação sobre o que estamos fazendo aqui conte, por favor...
avatar
Real

Data de inscrição : 30/04/2010
Idade : 25

http://vf-depositfiles.blogspot.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: la isla de la muerte ´´A ilha da morte`` (Crônica Livre)

Mensagem por Bispo Altobello em Dom Jul 04, 2010 5:45 pm

Acordo numa espécie de barraca, no meio do mato, com uma dor incômoda no peito. Curo o ferimento, e ao tentar me levantar percebo que meus pés estão amarrados. Em minha volta tinha algumas mochilas, e mais dois outros na mesma condição que eu. Desato nó com as mãos, sem prejudicar a corda, e me levanto. Aquela corda poderia ser útil mais tarde. E então percebo a existência uma mensagem.

Que sobreviva o mais forte!!!
Huahuahua.......

Aquilo não era obra de um sequestrador comum. Julgando os ferimentos no peito, éramos todos vampiros. Havia algo por trás disso, algo grande. Abro uma das mochilas, e vejo que se trata de armamentos, retiro a faca, e a pistola. Verifico se está carregada, se não estiver, carrego. Vejo se a lanterna funciona, e se a faca tem bainha. Se tiver, amarro a bainha na cintura. Coloco a corda dentro da mochila e fecho. Acordo os demais.

- Bem vindos ao meio do nada! Se quiserem sair daqui, venham comigo. Podem me chamar de Colt. Antes que perguntem, não sei aonde estamos, nem porque estamos, só sei que não quero estar. Se armem e me acompanhem. - Falo sério, assumindo a liderança, enquanto miro a luz da lanterna nos rostos dos demais. A Colt está empunhada nas minhas mãos, pronta pra ser usada. Eu não sei se os demais são confiáveis ou não, então preferi não arriscar.

_________________
"Subirei aos céus, erguerei meu trono acima das estrelas de Deus
E lá, mais alto que as nuvens, serei como o Altíssimo." 
avatar
Bispo Altobello
Arcebispo La Sombra de New York - Sabá

Data de inscrição : 08/03/2010
Idade : 23
Localização : Brasília - DF

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: la isla de la muerte ´´A ilha da morte`` (Crônica Livre)

Mensagem por Algis em Dom Jul 04, 2010 5:51 pm

Conceito: Artista
Idade: 81 anos
Idade Aparente: 20 anos
Aparência: 1,73m olhos castanhos claros, caucasiano, cabelo cortado, veste desde ternos sofisticados a roupas básicas, sempre está com sua moeda da sorte


Luis acorda antes que pudesse abrir os olhos ele falava consigo mesmo

Que dor de cabeça...

Em seguida ele ouve uma voz:

Que m...Aonde eu estou?
Luis abre os olhos e percebe que está numa cabana cenário muito diferente da casa de show de onde ele havia saido a única coisa que se lembrava é via um vulto e que levava uma pancada na cabeça depois...

Luis olha para o ferimento em seu peito:
Que é isso? Luis olha para as outras duas pessoas que estavam na cabana e ele percebe que eles tambem tinham o mesmo ferimento

Luis está confuso, mas apesar de tudo ele respira fundo coisas que poucos cainitas podem fazer ** Rosto de bebê e Concentração ** e olha ao redor e vê a frase escrita na parede

Que sobreviva o mais forte!!!
Huahuahua.......

Só me basta essa já não tenho problema o suficiente, aí me vem um louco que quer me testar... ai... fala com sua mão na cabeça e olha para os pés amarrados, depois olha para a ferida


Luis gasta 1 pds para se curar


Luis desamarra a corda, olha ao redor, e então ele vai em direção as mochilas

Nunca fui um sobrevivente, mas pelo menos tenho prática com armas Luis olha pela janela e percebe que está na floresta, pega a faca, a arma, enfim Luis pega a mochila toda, pois a mochila poderia ser útil

Luis usa Auspícios nível 1 para ver se não há nenhuma hostilidade, se não tiver nada de mais Luis conversará com o rapaz que puxou assunto

Como vocês estão se sentindo? Meu nome é Matthew Carte, e se algum de vocês tiver alguma informação sobre o que estamos fazendo aqui conte, por favor...

meu nome é Luis de Abreu, a não ser por esta dor de cabeça estou ótimo, estou na mesma situação que você, eu sei de nada põe sua mão direita na cabeça, entretanto ele sente falta da sua moeda e procura pela roupa até que a acha no bolso:

Ah, você está aqui... começa girá-la entre os dedos

Luis tenta acordar os outros 2 rapazes que estavam desacordados, prevenido é claro, depois fala

Bom, temos que sair daqui... fala olhando nos olhos do rapaz que tunha acabado de se apresentar, Luis pega a arma, carrega se ela não estiver carregada, pega a lanterna e coloca a mochila nas costas e vai até a janela
Ao se apoiar na janela luis fala para Matthew:

vou usar Auspícios pra ver se consigo detectar alguma coisa

Luis usa Auspícios nível 1


Última edição por Algis em Dom Jul 04, 2010 11:27 pm, editado 6 vez(es)
avatar
Algis

Data de inscrição : 09/03/2010
Idade : 25
Localização : Rio de Janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: la isla de la muerte ´´A ilha da morte`` (Crônica Livre)

Mensagem por Chris Yates em Dom Jul 04, 2010 6:08 pm

Eu acordei numa cabana e vi que havia sido estaqueado. Não liguei muito, haviam outras duas pessoas na mesma cabana que eu e também estaqueadas. Então nós estavamos meio confusos e eu me apresentei.
-Olá, meu nome é Daniel. Quem são vocês?
Fiquei olhando os outros dois de cima abaixo e então li a mensagem na parede.
Algum idiota andou vendo muito Jogos Mortais e Lost...
-Ei Colt! o que você pretende fazer?
Aquele cara se auto proclamou lider? Isso não vai acabar bem... Eu não digo nada porquê não sou carismático, mas desse jeito ele não dura muito.
avatar
Chris Yates

Data de inscrição : 05/04/2010
Idade : 47
Localização : Onde você quiser

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: la isla de la muerte ´´A ilha da morte`` (Crônica Livre)

Mensagem por Bad em Dom Jul 04, 2010 7:45 pm

Badboy Acorda Sem saber aonde estar, Ao ver seu peito com sangramento ele pensa logo em seu curar.
Apos isso se desamarra cuidadosamente, Pega uma mochila e examinando seu conteudo fala aos outros dois,
-Okay colt. por que você é o lider ?.
Ao ver seu conteudo badboy, persebe que tem coisas inuteis ali. tira as pilhas da lanterna e a deixa de lado, Guardo a corda na mochila, E a pistola na sintura.
- Eu pretendo sair daque. Você vão tomar que tipo de atitude?
Badboy se levanta e caminha até a porta. Abre-a E ao ver tudo escuro ativa metamorfose nivel 1 olhos da besta. Enchegando tudo normalmente.
avatar
Bad

Data de inscrição : 22/03/2010
Idade : 25
Localização : Brasilia - DF

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: la isla de la muerte ´´A ilha da morte`` (Crônica Livre)

Mensagem por Antony Salon em Dom Jul 04, 2010 9:59 pm

galera so pra deixar oficial quem estara com quem:
1ª grupo
Mark Colt (Roiran)-anarch
Daniel Campbell- sabá
Gabriel- sabá
Badboy- creio que independente(certo badboy?)

2º grupo
Algis camarilla
Camuel- camarilla
Real- creio que independente(certo real?)
Dylan Blankhard-camarilla

Bom o camuel avia garantido presença mais ainda não postou, então aguardarei a postagens dele e tb permitirei a entrada do Dylan Blankhard para equilibrio da crônica,isso dasse devido a postagem de varios personagens sem minha confirmação de vaga ainda então para não atrapalhar a crônica e não acabar com a diversão de ninguém seram oito (8 ) jogadores ao invez de seis ( 6 )blz.
Nunca se sabe oque pode acontecer no futuro desta crônica em caso de se enfrentarem seria justo estarem em numeros iguais.

Então vocês considerem que estão com mais 3 cainitas ao invez de 2 dentro da cabana de caça ok.



Aguardando os demais jogadores postarem


VAGAS ENCERRADAS

Queria a opnião de vcs sobre as rolagens .
Vcs preferem que eu role os dados com o site ao qual eu mencionei?
Ou vcs mesmos rolarem na area do proprio site reservada para isso?
Vencera a maioria podem dar suas opniões em seus proximos postes blz.


So pra deixar oficial vcs estão apenas Machucados devido a pancada forte na cabeça blz.

Algis devido vc não estar na mesma cabana que o Colt considerarei que vc falou sobre o auspicio com outro ok
avatar
Antony Salon

Data de inscrição : 17/04/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: la isla de la muerte ´´A ilha da morte`` (Crônica Livre)

Mensagem por Dylan Dog em Seg Jul 05, 2010 12:08 pm

OFF: bom... eu sou mais quando o mestre faz a rolagem de dados... vai que sai um critico over ai e depois reclamam falando que eu modifiquei.... anyway... fica a critério do mestre.

ON: - Ai! *passa a mão de leve no ferimento*
-mais que diabos é isso? o que está acontecendo???

*lê o que está escrito na parede (em sangue)*

- olha só... estou no filme "jogos mortais", o píor é que nem ganho cachê!

*olha para os demais na cabana*

quem são vcs??

*se sertifica quanto a bengala (propriedade do personagem que está descrita no preludio, ela vira uma espada ou seja tem uma lâmina oculta)*
avatar
Dylan Dog

Data de inscrição : 08/05/2010
Idade : 24
Localização : São Paulo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: la isla de la muerte ´´A ilha da morte`` (Crônica Livre)

Mensagem por Bispo Altobello em Seg Jul 05, 2010 2:05 pm

[Prefiro que use um rolador, e claro, poste as rolagens também.]

-Ei Colt! o que você pretende fazer?

[Presença 1] - Acho que é meio óbvio. Tudo que quero é sair daqui, e ficar parado não vai resolver. Se tiverem uma ideia melhor... - Respondo ao vampiro que acorda, e espero que todos se preparem.

-Okay colt. por que você é o lider ?.

- Hahahaha! Líder? - Diz em tom sarcástico. - Não tô obrigando ninguém a nada. Vocês vêm comigo se quiserem. Mas acho que juntos, seremos mais fortes. Enfim, já estão todos prontos? - Pergunto esperando uma resposta positiva. Para poder passar para o próximo passo. - Bom, antes de entrar no meio do mato, é melhor conhecermos as habilidades uns dos outros. - Não queria saber isso para estar em vantagem sobre eles. Mas visava o melhor para o grupo. [Lider Nato] - Eu posso começar. - Disse para quebrar a desconfiança. - Como qualquer Brujah, tenho muita força, muita velocidade, e alguma resistência. E vocês? [/Presença 1]

_________________
"Subirei aos céus, erguerei meu trono acima das estrelas de Deus
E lá, mais alto que as nuvens, serei como o Altíssimo." 
avatar
Bispo Altobello
Arcebispo La Sombra de New York - Sabá

Data de inscrição : 08/03/2010
Idade : 23
Localização : Brasília - DF

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: la isla de la muerte ´´A ilha da morte`` (Crônica Livre)

Mensagem por Bad em Seg Jul 05, 2010 2:29 pm

Mark Colt (Roiran) escreveu:- Bom, antes de entrar no meio do mato, é melhor conhecermos as habilidades uns dos outros. Eu posso começar. Como qualquer Brujah, tenho muita força, muita velocidade, e alguma resistência. E vocês?[/color]
Badboy não liga muito pra quem manda e quem ta junto, o importante é a sobrevivência e matar quem os colocou ali.
-Hum Okay colt, você demonstro capacidade de se lider. vou começar Tenho olhos da besta, que me permite enchergar no escuro, so rapido , e um pouco resistente.
Badboy continua na porta aguardando o grupo e faz uma pequena observação.
So peço que no final não me atrapalhem a matar quem nos colocou nesse maldito lugar.
avatar
Bad

Data de inscrição : 22/03/2010
Idade : 25
Localização : Brasilia - DF

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: la isla de la muerte ´´A ilha da morte`` (Crônica Livre)

Mensagem por Real em Seg Jul 05, 2010 2:32 pm

Matthew olha para Luis e vê que não era apenas ele que estava perdido naquela situação.

Bom, temos que sair daqui... Vou usar Auspícios pra ver se consigo detectar alguma coisa.

Ótima idéia, Luis. Me dê uns 2 minutos, adoraria respirar um pouco de ar puro. Não demorarei, e vou aproveitar para dar uma olhada ao redor.
ativa Olhos da Besta

Enquanto se dirige até a porta, outro companheiro acorda.

Quem são vocês??

Somos os outros caras que tiveram a falta de sorte de serem pegos nesse jogo, meu amigo. Eu sou Matthew Carte, e aquele ali na janela é Luis de Abreu. Ali naquela parede tem uma mochila para você, e uma para o seu amigo. Vou dar uma olhada no lado de fora da cabana, e volto em alguns instantes, enquanto isso você poderia aproveitar e organizar o que você quer e o que não quer da mochila.

Se vira para Luis, que entre os dois acordados parecia ser o que estava mais calmo.

Depois de verificar o local com auspicios, se importa em acordar aquele último e explicar o pouco que sabemos para ele? Quero ver se existe alguma coisa importante do lado de fora da cabana.

Abre a porta da cabana e sai, lentamente. Anda ao redor da cabana olhando cada detalhe ao seu redor.

Apesar de tudo isso ser doentio, acho que vou conhecer muitas coisas que eu ainda não conheço sobre o mundo da noite nesta aventura.
Abre um sorriso.
avatar
Real

Data de inscrição : 30/04/2010
Idade : 25

http://vf-depositfiles.blogspot.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: la isla de la muerte ´´A ilha da morte`` (Crônica Livre)

Mensagem por Chris Yates em Seg Jul 05, 2010 2:33 pm

-Bom, eu sou Tzimisce, tenho vicissitude e sentidos apurados, A propósito. Se nós sairmos, o que acontece quando o sol raiar?
-Não sei se alguém já havia pensado nessa hipótese, mas eu suponho que essa cabana seja o único lugar livre dos raios de sol.

É melhor deixar aquele Brujah no comando, em todas as sociedades é assim. Sempre tem um idiota carismático no poder e um anônimo manipulando as cordas... E o outro cara?
avatar
Chris Yates

Data de inscrição : 05/04/2010
Idade : 47
Localização : Onde você quiser

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: la isla de la muerte ´´A ilha da morte`` (Crônica Livre)

Mensagem por Carmesin em Seg Jul 05, 2010 9:58 pm

off: como nao sabia quem era o grupo, eu estou refazendo meu post para estar interagindo com os outros jogadores. Peço ao narrador que exclua o meu post anterior.

On:

Gabriel desperta com uma forte dor em seu peito. Sua cabeça doía, sua camisa regata branca estava completamente ensaguentada, ele queria desmembrar o degraçado que tivera a coragem de estaca-lo. Sua visao ainda meio embaçada tentava enxergar o lugar que estava, ele percebia rapidamente que nao estava sozinho, havia mais tres homens no local, ambos com as roupas manchadas de sangue como a sua, o mesmo ferimento, cainitas com certeza.

-- Mas que merda é essa? Quem são voces? - Ele percebia que todos pareciam surpresos e confuso como ele, rapidamente desatava o nó que prendia a corda e a jogava de lado. Já de pé olhava melhor o local onde estava, não acreditava, era uma maldita cabana, quem foi o filha da puta que o levou ate ali. Seus olhos entao paravam em uma frase gravada em sangue na parede "Que sobreviva o mais forte!!!
Huahuahua......."


-- Filha da puta, acha que pode brincar assim comigo?! Vou arrancar a cabeça desse desgraçado. - O brujah entao se virava para os outros presentes na cabana, nao reconhecia nenhum como um "irmao" de seita. O brujah usava o poder de seu sangue para aliviar os ferimentos (1ps).

-- Alguem sabe o que esta acontecendo aqui?
avatar
Carmesin

Data de inscrição : 25/04/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: la isla de la muerte ´´A ilha da morte`` (Crônica Livre)

Mensagem por Shirou em Ter Jul 06, 2010 3:38 pm

Camuel acordava na cabana sem entender nada a sua ultima lembrança era de está adentrando a uma biblioteca e logo sentia uma dor como de uma pancada em sua cabeça e após isso ele já se deparava com aquela cena onde seu peito estava ferido ele não tinha a menor noção do tempo que passou desacordado e nem tão pouco onde estava a não ser pelo barulho que o remetia a uma floresta talves densa ele não tinha seus pensamentos totalmente em ordem mais logo ele percebia que estava preso por uma corrente em seu pé e só então se dava conta que além dele haviam mais três ali talves fosse um jogo onde ele deveria se unir a eles para alcançar a saida daquele "inferno" e logo ele via uma inscrição no chão feita de sangue

Que sobreviva o mais forte!!!
Huahuahua.......

Ele olhava e percebia que todos pareciam ter sido estacados o que já se mostrava bem estranho, ele então percebia que lhes foi dado uma mochila onde haviam certos itens, ele logo procurava saber o que tinha a mão
"Humm é bem interessante, já nos foi dado armas e uma bússula, isso fica mais interessante a cada momento acho que o melhor a fazer é tentar me mostrar amigavel"

Ele olhava a sua volta e logo tratava de ser educado

- Bem acho que todos estamos no mesmo "barco" certo? Então o melhor a se fazer é nos unir para sairmos todos com nossas não-vidas daqui o que acham? À eu sou Camuel Le Boursier "Acho que é mais prudente não revelar minha casa e nem mesmo que sou da camarilla, talves eu não esteja no meio de membros, então nõ devo me expor" - Não vejo como uma escolhar nos unirmos ou nos matarmos, mais sim como uma unica opção a nossa união pelo menos enquanto não sabemos o objetivo disso e nem quem nos colocou aqui, o que acham? Ele olhava de forma educada após indagar sobre o assunto, mais se mostrava ao mesmo tempo frio como quem tentava manter a razão e não se deixar levar pelo sentimento de medo que pudesse está presente em alguns ai (Q - Racionalmente Frio), ele olhava pra os ali presentes tentando identificar quem poderia ser um possivel sabá pela sua maneira de agir ou até pelos seus traços
avatar
Shirou

Data de inscrição : 06/03/2010
Idade : 31

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: la isla de la muerte ´´A ilha da morte`` (Crônica Livre)

Mensagem por Antony Salon em Qui Jul 08, 2010 12:43 am

Real , Algis, Camuel, Dylan

@Real:
Real acordava um pouco desorientado devido a forte pancada na cabeça, e rapidamente se recompoem segundos depois percebe que seu peito avia sido perfurado provavelmente por uma estaca, e que junto a ele na cabana aviam mais três provaveis cainitas devido os ferimentos semelhantes em seus peitos livra-se da corda aos seus pés.
Estudando a cabana rapidamente ele ve algumas mochilas em um dos cantos e mais nada.
Preocupado com oque lhe poderia vir pela frente o gangrel ativa suas garras,e continuamente suas unhas vam tomando longas garras bestiais.
Apos conversar com alguns dos outros cainitas na cabana o gangrel resolve dar uma olhada fora da cabana com ajuda de seus olhos bestiais, Real percorre toda a lateral da cabana tudo lhe parecia normal para uma floresta, ate que ao longe do outro lado do rio ele conseguia ver o volto de algum ser correndo na direção oposta da cabana.


@Algis

Luis acodava com uma forte dor em sua cabeça , claro devido a forte pancada recebida.
Quando se dar por si nota que foi ferido por uma estaca e que junto a ele aviam mais três cainitas nas mesma condições.
Como por extinto Luis observa todo o local e percebe a frase em sangue na parede ,oque não o deixa muito contente, mais também percebe umas mochilas jogadas em um canto.
Incomodado com a dor Luis utiliza-se de seu sangue para se livrar dela, e da corda aos seus pés e pega uma das mochilas para si.
Com seus sentidos aumentados luiz não percebe nenhuma hostilidade dentro da cabana e nem proxima a ela a não ser seus proprios companheiros.
Apos conversar com o gangrel luis tenta mais uma vez usufluir de seus sentidos aguçados apoiado sobre a janela Luiz se concentra nos sons mais nada de diferente dos sons de uma floresta mais a se focar na visão Luis tem lampejos dos perigos contidos na ilha, em sua visão Luis não consegue ver nitidamente algumas das ameaças contidas na ilhas mais percebe que se tratata de abominações, mais suas visões foram muito vagas sem precisão de local e de que se trata a ameaça viva ate porque Luis ainda não conhecia a ilha e nem oque a habitava.

@Dylan


Dylan acordava na cabana com uma tremenda dor de cabeça, confuso ele não entende o porque de estar ali, mais percebe que não estava sozinho.
Correndo os olhos pela cabana Dylan le a escrita na parede e com um pouco mais de percistência ve mochilas caidas em um canto mais não as leva em consideração
Mais ao se lembrar de sua bengala rapidamente a procura mais não a encontrata possivelmente não a deixarão ali.

@Camuel

Camuel acordava no chão da cabana sem entender como avia parado ali e nem a quanto tempo estava desacordado.
Extintivamente Camuel estudava a cabana quando percebe que não esta só e que também a escritas na parede e a mochilas ao chão.
Uma dor e seu peito o incomodava mais isso não se fazia importante naquele mometo pois tudo que camuel queria era sair daquele lugar e volta para a boa vida a qual estava acostumado claro boa comparada a isso ali.
Cauteloso camuel tenta não chamar atenção para si e ao mesmo tempo estudar os demais ali presentes em meio uma conversa com os presentes.


Mark, Daniel, Gabriel, Badboy

@Mark

Mark acordava caido ao chão da cabana, seu peito doia mais nada que lhe impossibilita-se mais Mark não gostava de ser incomodado e utiliza-se de seu sangue para se livrar do incomodo.
Por astucia Mark observa toda a cabana e percebe que esta com os pés amarrados e que há outros na mesma situação qua a sua , também a uma escrita em sangue nas paredes e mochilas caidas.
Raciocinando rapidamente Mark liga os pontos e percebe que a coisa ali não era pequena e que isso tudo poderia se tornar uma grande ameaça a sua não-vida.
Mark então se solta da corda e a guarda em uma das mochilas a qual avia acabado de abrir e conferi-la, em segui mark vai em direção aos demais para acorda-los mais percebe que também ja estão a acordar sozinhos, e por precaução empunha a colt em quanto conversa com os demais no local com intenção de se tornar lider do grupo, mark aproveita-se de seus dons de sangue(fascinio para fazer isto.

Rolagem do fascinio de roiranCarisma+ performace
07/07/2010 23:56:21 Mark Colt rolou 4 dados, com dificuldade 7, para fascinio. 6, 5, 3, 7
1 sucesso


@Daniel Campbell

Daniel acordava confuso e com uma dor encomoda em seu peito, mais isso não o amedrontava, percebia outras três pessoas junto a ele na cabana mais uma delas lhe passava maior confiança (devido o fascinio e a qualidade lide nato do Roiran).Desorientado campbell se apresenta aos demais, e com o desenrrolar dos dialogos acaba concordando com Mark sobre ele ser de certo modo o lider do grupo.
Daniel percebe todos pegando mochilas caidas ao chão da cabana.


@Badboy

Acordava com dores e confuso, mais extintivamente se cura do ferimento que estava em seu peito e se solta da corda aos seus pés.
Badboy ao vasculhar a mochila percebe que quase nada lhe era util e se desfaz de algumas coisas guarda a corda na mochila e a arma a cintura.
Apos ponderar a liderança de Mark,Badboy acaba vendo que era a melhor escolha a se fazer(Fascinio de Mark).
Apos conversar com o grupo na cabana badboy caminha ate a porta a abrindo-a e olhando para fora com seus olhos bestiais que lhe ajudam a ver nitidamente na floresta escura com apenas a luz da lua cheia a clareando.
Observando atentamente a floresta a sua frente badboy consegue ver a mais ou menos 100 metros de distancia da cabana, algumas estranhas criaturas pequenas que se movem nas copas das arvores a mais ou menos 10 metros de altura.


@Gabriel


Gabriel acordava desorientado e com dores , rapidamente ele percebe que não estava só na cabana de caça,Aquela dor o incomodava muito mais isso acabaria ali pois gabriel utilizava de seu sangue para se curar, e se interava da conversa dos demais sobre sair daquele lugar.
Gabriel também percebe que todos aviam pego mochilas que antes estavam caidas ao chão da cabana.





Lembrando que todos estão sobre o efeito do fascinio do Mark heim então interpretem isto ok.


Contagens dos pontos:

Algis ----PS=8, FV=7 , Escoriado

Real-----PS=13, FV=7, machucado, garras da besta, olhos bestiais

Camuel-----PS=12, FV=7, machucado

Dylan----PS=14, FV=5, machucado

Mark---PS=8, FV=6, escoriado, fascinio

Daniel---PS=11. FV=6, machucado

Gabriel---PS=13, FV=7 escorriado

Badboy----PS=10,FV=7 escorriado, garras da besta e olhos bestiais
avatar
Antony Salon

Data de inscrição : 17/04/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: la isla de la muerte ´´A ilha da morte`` (Crônica Livre)

Mensagem por Algis em Qui Jul 08, 2010 1:24 am

Nossa...

Quando luis se apoia na janela e ativa Auspícios, ele se concentra nos sons, mas não percebe nada de mais, mas quando se concentra na visão, ele tem alguns lampejos de ameaças, embora não fosse nitido, Luis podia ver que se tratava de abominações. Luis desativa Auspícios e fala aos demais presnetes na cabana:

Não estamos sozinhos nessa ilha, acabei de ter uma visão com Auspícios, vi aberrações, não era muito nítido, mas dava pra ver que eram ameaças, por isso temos que nos precaver O toreador falava e procurava por Matthew, para dar a notícia

Luis vai até a porta para falar com matthew

Matthew, não estamos sozinhos nesta ilha, tive uma visão, com Auspícios, há aberrações aqui nesta ilha, é melhor termos cuidado... Vamos entrar e decidir o que fazer os outros já acordaram O cantor olha firmemente para o gangrel
avatar
Algis

Data de inscrição : 09/03/2010
Idade : 25
Localização : Rio de Janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: la isla de la muerte ´´A ilha da morte`` (Crônica Livre)

Mensagem por Bad em Qui Jul 08, 2010 1:45 am

- Parece que estamos em uma brincadeira de criança, e Colt, você é o lider, pelo menos é o que eu penso.
Badboy não gostava de atuar em grupo porem ele se via origado pela situação e pelas palavras de colt. (presença).
-Acho que todos aque sabem que eu vejo no escuro, e sinto informa-lhes que realmente esse é um jogo de sobrevivencia pois a uns 100 mestro tem animais que eu não consegui reconheçer, porem não parecem amigaveis ?
Badboy encosta a porta atraz de si de novo se volta para colt e fala.
- e agora o que faremos ?
Enquanto esperava a resposta de colt, badboy não parava e ia até a janela (se tiver mais de uma vou em ambas ou se não tiver nenhuma continuo na porta) e observa pra ver se percebe algo de util.
avatar
Bad

Data de inscrição : 22/03/2010
Idade : 25
Localização : Brasilia - DF

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: la isla de la muerte ´´A ilha da morte`` (Crônica Livre)

Mensagem por Chris Yates em Qui Jul 08, 2010 10:51 am

-Animais? Espera ai, vou tentar ver também. ((Ativar auspicios 1))
De qualquer maneira eu não vou ficar revelando meus poderes o tempo todo. Isso seria muito desagradável, principalmente a vicissitude. Acho que alguns poderiam se sentir mal perto de uma demonstração. Vicissitude não é para os fracos...
avatar
Chris Yates

Data de inscrição : 05/04/2010
Idade : 47
Localização : Onde você quiser

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: la isla de la muerte ´´A ilha da morte`` (Crônica Livre)

Mensagem por Real em Qui Jul 08, 2010 1:06 pm

[off: jogada anterior. ]

Apesar de tudo isso ser doentio, acho que vou conhecer muitas coisas que eu ainda não conheço sobre o mundo da noite nesta aventura.
Abre um sorriso.

[on: jogada atual. ]

Este pensamento de Matthew foi respondido quase que instantaneamente. Em uma olhada despretenciosa para o outro lado do rio viu um vulto [possívelmente de algum tipo de monstro ] se afastando da cabana. No entanto, não teve tempo para se concentrar e tentar olhar melhor, o momento fora quebrado pelo aparecimento de Luis.


Matthew, não estamos sozinhos nesta ilha, tive uma visão, com Auspícios, há aberrações aqui nesta ilha, é melhor termos cuidado... Vamos entrar e decidir o que fazer os outros já acordaram.
O cantor olha firmemente para o gangrel

Antes de responder a frase de Luis, Matt tenta dar mais uma olhada na direção em que estava o vulto, mas não consegue ver mais nada. Matt desativa momentaneamente 'olhos da besta' [ Matt não gosta de falar com ninguém com algo que possa intimidar, por menos que seja ] e olha calmamente nos olhos do cantor.

Vamos lá, é melhor fazermos isso, mesmo. Mas, quem de nós começará a conversa com os outros dois? E quanto às aberrações, você viu algo correndo ao redor da cabana? Algum ser fugiu quando eu saí de dentro, mas não consegui ver bem o que era.
avatar
Real

Data de inscrição : 30/04/2010
Idade : 25

http://vf-depositfiles.blogspot.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: la isla de la muerte ´´A ilha da morte`` (Crônica Livre)

Mensagem por Bispo Altobello em Qui Jul 08, 2010 2:27 pm

- Líder? Não gosto desse nome, mas se cada um sair fazendo o que bem entende, não vamos durar muito... Animais? Diga, como eles são? Bom, me corrija se eu estiver errado... Estamos rodeados de mato, certo? Vamos dar a volta nesses "animais". - Com a Colt na mão direita, e a lanterna na mão esquerda, vou me embrenhando na mata e tentando passar longe dos "animais" que o careca viu. Caso eu perceba alguma presença hostil, atiro. - Venham, temos que achar um abrigo antes do amanhecer...

_________________
"Subirei aos céus, erguerei meu trono acima das estrelas de Deus
E lá, mais alto que as nuvens, serei como o Altíssimo." 
avatar
Bispo Altobello
Arcebispo La Sombra de New York - Sabá

Data de inscrição : 08/03/2010
Idade : 23
Localização : Brasília - DF

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: la isla de la muerte ´´A ilha da morte`` (Crônica Livre)

Mensagem por Dylan Dog em Qui Jul 08, 2010 8:02 pm

3 PDS pra me curar

*me levanto atordoado, com o terno rasgado (o furo feito pela estaca)*

- Mais que droga! meu terno novo!

*olha para Camuel e estende a mão em um comprimento*


- Olá Camuel... Meu nome é Dylan Blankhard.

*falando para todos*

- Notei que todos nós temos algo em comun... um ferimento em especial... todos Cainitas... e claro nosso amigo aqui mencionou Auspicius, logo... temos um Toreador conosco?

*vai e pega uma das mochilas que sobraram, abre e pega a faca e amarra na coxa direita (facas de combate ou sobrevivência podem ser amarradas nas pernas, geralmente, isso vai de acordo com o narrador claro), guarda a Pistola na cintura junto com um pente e pego a lanterna tambem*

- Gostaria de saber os seus nomes e seus clãs... e claro... sua seita. Não serei deselegante e direi eu primeiro...
Sou um Ventrue da Camarilla, creio que mesmo que exista um sabá entre nós ele não seria burro o suficiente para arrumar encrenca aqui no meio do nada.


*vai mancando até a porta (teste de atuação para parecer ter um problema na perna direita)*
avatar
Dylan Dog

Data de inscrição : 08/05/2010
Idade : 24
Localização : São Paulo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: la isla de la muerte ´´A ilha da morte`` (Crônica Livre)

Mensagem por Shirou em Qui Jul 08, 2010 9:54 pm

Camuel logo percebia que 2 ali já se conheciam ou pelos menos tentavam interagir e logo via uma cena que já lhe fazia perceber a que clã um pertencia



- Mais que droga! meu terno novo!
"Esse é Ventrue com certeza"


*olha para Camuel e estende a mão em um comprimento*


- Olá Camuel... Meu nome é Dylan Blankhard.
- è um prazer conhece-lo senhor Dylan

Camuel estendia a mão e o comprimentava, dando lje um aperto suave e educado como lhe havia sido dito que seria a forma mais cordial de comprimentar um Ventrue "os sangue azul"

- Gostaria de saber os seus nomes e seus clãs... e claro... sua seita. Não serei deselegante e direi eu primeiro...
Sou um Ventrue da Camarilla, creio que mesmo que exista um sabá entre nós ele não seria burro o suficiente para arrumar encrenca aqui no meio do nada.

Camuel recebia a noticia sem nenhuma surpresa
- Bom acho que todos somos da mesma seita, como falei anteriormente me chamo Camuel, eu sou um Tremere e não preciso mencionar que sou da Camarila a vosso dispor, os outros 2 são de que clã e seita? Claro não quero ser deselegante, mais em nossas condições atuais acho que será mais prudente temos esse conhecimento para assim tentar bolar um plano onde cada um seja melhor aproveitado para o bem de todos! Não sabemos que tipo de mente doentil nos colocou aqui e nem qual era o seu objetivo então acho melhor nos unirmos! Camuel falava de forma educada mais logo tentando tomar o controle da sutiação [manipulação + liderança]
avatar
Shirou

Data de inscrição : 06/03/2010
Idade : 31

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: la isla de la muerte ´´A ilha da morte`` (Crônica Livre)

Mensagem por Algis em Sex Jul 09, 2010 1:13 am

Vamos lá, é melhor fazermos isso, mesmo. Mas, quem de nós começará a conversa com os outros dois? E quanto às aberrações, você viu algo correndo ao redor da cabana? Algum ser fugiu quando eu saí de dentro, mas não consegui ver bem o que era.

Deixa que falo com eles... Bom, não consegui ver tal criatura fala segurando sua arma firmemente Já que não conheço a ilha não sei onde elas estão. Vem vamos entrar o toreador entra

Ao entrar Luis se depara com os outros dois conversando

- Olá Camuel... Meu nome é Dylan Blankhard.

- Notei que todos nós temos algo em comun... um ferimento em especial... todos Cainitas... e claro nosso amigo aqui mencionou Auspicius, logo... temos um Toreador conosco?

Sim. Meu nome é Luis de Abreu, e pelo que ouvi seu nome é Dylan e o você Camuel correto? Luis aperta as mãos dos dois e se senta no chão encostado na parede, e fica jogando sua moeda pra cima e a pega

- Gostaria de saber os seus nomes e seus clãs... e claro... sua seita. Não serei deselegante e direi eu primeiro...
Sou um Ventrue da Camarilla, creio que mesmo que exista um sabá entre nós ele não seria burro o suficiente para arrumar encrenca aqui no meio do nada.

Como foi dito sou toreador da Camarilla olha para os dois enquanto gira a moeda entre os dedos

- Bom acho que todos somos da mesma seita, como falei anteriormente me chamo Camuel, eu sou um Tremere e não preciso mencionar que sou da Camarila a vosso dispor, os outros 2 são de que clã e seita? Claro não quero ser deselegante, mais em nossas condições atuais acho que será mais prudente temos esse conhecimento para assim tentar bolar um plano onde cada um seja melhor aproveitado para o bem de todos! Não sabemos que tipo de mente doentil nos colocou aqui e nem qual era o seu objetivo então acho melhor nos unirmos!

Sei usar armas de fogo e tenho Auspícios e premonições O cantor não mencionou Presença, se ele falar, e o toreador usar em algum momento crítico, eles saberiam que estariam sendo "encantados" Bom tive uma visão com Auspícios e não foi coisa boa e o Matthew acabou de ver alguma coisa lá fora, estamos sendo vigiados, além do mais essa cabana é a única coisa que nos protege contra a luz do sol, se formos sair daqui temos que achar algum outro lugar como uma caverna para nos abrigarmos Fala o toreador pensando numa idéia, já que ele tinha noção nenhuma de sobrevivência

avatar
Algis

Data de inscrição : 09/03/2010
Idade : 25
Localização : Rio de Janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: la isla de la muerte ´´A ilha da morte`` (Crônica Livre)

Mensagem por Real em Sex Jul 09, 2010 2:07 am

Deixa que falo com eles... Bom, não consegui ver tal criatura. [ fala segurando sua arma firmemente ] Já que não conheço a ilha não sei onde elas estão. Vem vamos entrar.

Matthew sente-se satisfeito com a resposta. Apesar de ter facilidades com a liderança, prefere não atuar em tal posição. Ao entrar vê que todos estavam se apresentando e dizendo os seus clãs e seitas.

Será que é necessário dizer meu clã MESMO?, pensa o gangrel, enquanto olha para suas garras, e abre novamente um belo sorriso. Mas acha melhor falar, só por educação.

Carte volta até a mesma cadeira aonde tinha se posicionado quando falou com Luis anteriormente, e se apresenta pela segunda vez.

Bom, o meu nome é Matthew Carte. Gangrel, Camarilla. É fácil perceber uma das minhas habilidades [Diz, apresentando as garras] , e a outra é rapidez.

Logo depois da fala de Matt, Luis volta a falar.

Sei usar armas de fogo e tenho Auspícios e premonições. Bom tive uma visão com Auspícios e não foi coisa boa e o Matthew acabou de ver alguma coisa lá fora, estamos sendo vigiados, além do mais essa cabana é a única coisa que nos protege contra a luz do sol, se formos sair daqui temos que achar algum outro lugar como uma caverna para nos abrigarmos.

O gangrel teve um rápido pensamento de como poderiam passar as noites, e resolveu tentar a idéia.

Se não for possível encontrar uma caverna podemos encontrar algumas arvores grandes e abrir uns espaços em seus interiores. Seria uma forma fácil de sobreviver à luz, e as minhas garras podem facilitar o processo. É só uma idéia, podem dizer se aprovam ou não.

Posiciona-se mais confortável na cadeira e espera a resposta dos seus parceiros.
avatar
Real

Data de inscrição : 30/04/2010
Idade : 25

http://vf-depositfiles.blogspot.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: la isla de la muerte ´´A ilha da morte`` (Crônica Livre)

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 4 1, 2, 3, 4  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum