Thyerri Camargo Teles - Guil Barcelos - Gangrel

Ir em baixo

Thyerri Camargo Teles - Guil Barcelos - Gangrel

Mensagem por joan silvergate em Qua Jun 02, 2010 11:24 pm

Nome: Thyerri Camargo Teles
Personagem: Guil Barcelos
Clã: Gangrel
Natureza: Sólitario
Comportamento: RANZINZA
Geração: 8º
Refugio: Qualquer lugar que se proteja do sol (desde de hoteis até a cavernas em florestas)
Conceito: Se não tem nada de interessante para falar, não fale nada.


ATRIBUTOS (7 - 5 - 3)

Físicos
- Força: 3+1 (Mãos Fortes)
- Destreza: 2+1
- Vigor: 2+1

Sociais
- Carisma: 2+1
- Manipulação:2 +1
- Aparência: 1+1

Mentais
- Percepção:2 +1
- Inteligência: 1 +1
- Raciocínio: +1


HABILIDADES (13 - 9 - 5)

Talentos
- Prontidão: 3
- Esportes: 1
- Briga: 3 + 4 PB (Garras - Arremessos)
- Esquiva: 3 + 4 PB (Esquivar-se - Finta)
- Empatia:
- Expressão:
- Intimidação: 3 + 2 PB (Ameaças Ocultas)
- Liderança:
- Manha:
- Lábia:

*Perícias
- Empatia c/ Animais:
- Ofícios:
- Condução:2
- Etiqueta:
- Armas de Fogo:2
- Armas Brancas:2
- Performance:
- Segurança:
- Furtividade:2
- Sobrevivência:1


Conhecimentos
- Acadêmicos: 1
- Computador:
- Finanças:
- Investigação: 1
- Direito:
- Lingüística:
- Medicina:
- Ocultismo: 3
- Política:
- Ciências:


VANTAGENS


Antecedentes (5)
---------------

Geração (5)


DISCIPLINAS(3)
-------------

fortitude - 1

metamorfose – 2


Virtudes (7)
- Consciência ou Convicção: 1+1

- Autocontrole ou Instinto: 3+1

- Coragem: 3+1


HUMANIDADE: 6


FORÇA DE VONTADE: 4 + 3(PB)


QUALIDADES e DEFEITOS

OLFATO AGUÇADO (1 PB)
AUDIÇÃO AGUÇADA (1 PB)
VISÃO AGUÇADA (1 PB)
SENHOR DE PRESTÍGIO( 1 PB )
BOM SENSO( 1 PB )
AMBIDESTRO ( 1 PB )

__DEFEITOS__

TOQUE DE CONGELAMENTO ( -1 )
EXCLUSÃO DA PRESA ( -1 )

LUNÁTICO ( -2 )


OBS: Desvantagem Exclusão da Presa
Não aceito medicos.
Não se alimenta de medicos pois seu pai e mãe eram medicos, e quando se alimenta de medicos por algum motivo acaba se lembrando de ambos.


PRELÚDIO

Desde criança sempre foi de se meter em briga tanto que aos 16 anos brigou com o pai e mãe e ele acabou os espancando até a morte deles, desde então não gosta de lembrar deles. Quando cresceu se tornou um lutador de rua, sempre venceu suas brigas, nunca perdeu uma siquer. Mais mesmo assim não estava satisfeito com seu poder, queria mais, poder o suficiente para matar cinquenta homens e sair ileso. Então ele começou a vagar pelo seu país, indo atrás dos lutadores mais poderosos para poder vence-los, queria mais poder, por isso lutava contra os mais poderosos, mas ao ponto de vista de Guil, eles não eram fortes, eram meras formigas, então ele se aventurou a ir mais longe, na parte negra da cidade, e lá encontrou bar, muito estranho, chamava-se “Creatures of the night”, não era um bar que chamava muita atenção, se chamava atenção era no maximo pelo fato de ser tão aterrorizante, não era o lugar onde muitos se aventuravam a ir, pelo oque Guil sabia, ninguem tinha se aventurado a ir ali. Mas, ele havia ouvido um comentario, que nos fundos desse bar, aconteciam brigas, brigas de rua, e quando foi lá pela primeira vez, sentiu que todos os observavam, e nessa mesma vez, um homem, se levantou, segurando uma pistola e estava indo em direção a Guil, mas antes que levantasse a arma, um outro homem segurou seu braço, e somente com um olhar, deixou com medo o vampiro.
- Deixe-o passar! – disse o homem.
Guil passou sem nem siquer dizer um obrigado, ignorando por completo o homem, após ver algumas lutas, viu que ali so tinha gente fraca, venceria todos que tinham ali ao mesmo tempo, mas quando estava se levantando para ir embora, viu o homem, que havia salvado a vida dele e se sentou novamente observando a luta dele.
O homem era muito bom, vencia todos os seus oponentes com somente dois ou três golpes. “Finalmente alguem a minha autura!” penssou Guil.
Guil observou o homem lutar por varias noites, sempre que aparecia por lá recebia varias olhadas tortas, mais ignorava e continuava ali, sentado obsevando a luta.
Até que um dia, Guil decidiu desafia-lo, chegou no horario de sempre, e quando o homem, que era conhecido por Kirtan Thyrondir, acabou sua primeira luta ele gritou
- Ei Kirtan, eu o desafio para uma luta!
Todos no local começaram a rir, Kirtan olhou para trás e quando me viu, começou a rir tambem.
- Oque foi Kirtan, está com medo de perder? Eu disse que o desafio, você aceita?
- Você me desafia? Um mero mortal está desafiando o grande Kirtan Thyrondir? Oque vocês acham que devo fazer com esse patife?
Então todos começaram gritaram juntos
- MATE-O!!MATE-O!!
Após todos gritarem algumas vezes Kirtan disse:
- Silencio – todos se caralam –. Mortal, eu lhe darei uma chance, se quer combater comigo, tera que lutar primeiro com Orion, ele é o mais fraco entre nós, se vence-lo, podera ter a honra de morrer lutando comigo!
Um homem magro, com cabelos muitos grandes deu um passo a frente entrando na roda feita pelas pessoas que observavam.
- Venha mortal! Venha lutar comigo! Ou está com medo??
Guil, sem entender porque todos o chamavam de mortal, entrou na roda.
- Venha ser inutil! – disse Orion.
- Ja que insiste.
Guil, foi para cima de Orion, dando varios murros em seu peito, que pareciam não ter efeito nenhum.
- É so isso que você tem para mim?
Dizendo isso Orion deu um murro na cara de Guil que fez com que ele caisse no chão com o nariz quebrado.
- Você até que é forte Orion, mais precisa treinar muito antes de lutar com um mortal como eu.
Guil se levantou, e foi para cima de Orion novamente com uma furia incrivel, começou a dar varios murros no rosto de seu oponente quebrando seus dentes, e quando Orion finalmente reuniu suas forças para dar um chute, Guil foi mais rapido e segurou a perna de Orion, ele começou a girar ainda segurando a perna de Orion, quase acertando os espectadores, então, ele finalmente largou fazendo com que Orion batesse a cara em uma parede e caisse desacordado.
- Agora é sua vez Kirtan.
Disse Guil, muito cançado após sua luta, e mesmo tendo levado somente um murro muito machucado.
Todos que estavam observando a luta pareciam estar assustados e começaram a falar entre si, e Guil “penssou” ter escutado um deles dizer “Como um mero mortal tem forças o suficiente para vencer um vampiro..”
- SILENCIO!!! – gritou Kirtan – Parabens mortal, você o venceu, e como prometido, eu lutarei com você, mais antes me responda uma pergunta. Porque você esta aqui?
Guil deu umas risadas
- Eu quero mais poder...
Kirtan deu um sorriso, Guil penssou que era exatamente isso que ele queria ouvir.
- Então lutaremos.
Kirtan se aproximou do ringue.
- Faremos um trato, caso você consiga me acertar somente um golpe, você vencera a luta e eu lhe contarei meu segredo para ter tanto poder, e depois, quem sabe o ajude em sua missão.
- Tudo bem..venha.. – disse Guil.
- Tolo, deixando um oponente tão forte quanto eu, atacar primeiro.
Kirtan era rapido, e antes mesmo que Guil pudesse fazer algo, Kirtan estava atras dele e ja havia lhe dado uma cutuvelada nas costas fazendo com que caisse de joelhos.
- Fraco
Disse Kirtan dando um chute na bunda Guil.
Todos cairam na gargalhada. Guil se levantou, se virou para Kirtan e começou a correr na direção dele para lhe dar um soco, mais antes mesmo que pudesse chegar perto, Kirtan estava em sua frente segurando Guil no ar pelo pescoço.
- Pretende me derrotar assim?
Guil estava ficando sem ar, mais então disse :
- Não.... assim...
Dizendo isso deu um soco na face Kirtan, fazendo com que ele lhe soltasse.
- Bom, diacordo com as regras, eu sou o vencedor... – Disse Guil recuperando o folego.
- Sim, parabens garoto, agora lhe contarei meu segredo – Kirtan foi até Guil, se aproximou de seu ouvido então disse bem baixo – Eu sou um vampiro
Guil começou a dar risada.
- Vampiro? Nossa que medo dele, ele é doido e se acha um vampiro. Hahahahahhaha!!!
Kirtan deu um sorriso para Guil, e mostrou suas prezas.
Guil caiu para trás assustado.
- Então, creio eu que agora você acredita. Você não extranhou nada nesse bar? Quando você estava se dirigindo pela primeira vez para as portas dos fundos foi barrado, isso porque, os unicos que podem entrar aqui são vampiros, mortais são proibidos, mais como eu lhe dei permissão o deixaram passar, na frente desse bar, entra quem quer,pode entrar até mesmo um mortal apesar de ser incomum, ou então um vampiro ou carniçal, mais já aqui... so são permitidos GANGRELS - disse ele gritando a ultima palavra
Todos berraram quando ele disse "GANGRELS" e quando ele levantou a mão todos se calaram
Guil reuniu suas forças e então disse:
- Agora você me matara?
- Eu lhe disse, que talvez o ajudasse em sua busca por mais poder, e eu farei isso, lhe transformando em vampiro, mais claro que tera suas consequencias, você vivera comigo por 10 anos, e eu lhe ensinarei tudo que sei, você trabalhara para mim, fara tudo que eu mandar DURANTE esses 10 anos, depois você sera livre. Você aceita?
Guil estava com medo, mais sabia, que agora, não adiantava mais dizer não, ele morreria caso o fizesse.
- Se isso me tornar mais poderozo.
Quando disse isso Kirtan pulou em cima dele e começou a sugar seu sangue, para transforma-lo em vampiro.
Após ter sido transformado, eu perguntei a Kirtan, porque ele havia me dado a permissão de passar, e ele respondeu :
- No começo, eu so queria lhe devorar após as lutas, agente se cança depois de lutar sabe, até mesmo nós, mais depois de ver como você observava a luta, parecia um profissional, você tentava ver todos os meus movimentos para um dia me desafiar, então eu pensei que talvez um vampiro com seus talentos trabalhando para mim ajudaria muito.
Depois disso voltei a beber a jarra de sangue que Kirtan hávia me concedido.
Durante os dez anos na casa de Kirtan, aprendeu muitas coisas sobre os vampiros, praticamente tudo, e como o prometido, ficou muito mais forte.
Agora, 15 anos após minha transformação, vago pelo o mundo atrás de novos oponentes ao seu nivel.




BANCO DE XP
-----

BANCO DE DADOS
-----

ULTIMA ATUALIZAÇÃO: -----
avatar
joan silvergate

Data de inscrição : 08/03/2010
Localização : Nova Iorque

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum