LAS VEGAS - O CONDADO DE CLARK - 04 : Henderson & Mojave Sul

Página 7 de 8 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: LAS VEGAS - O CONDADO DE CLARK - 04 : Henderson & Mojave Sul

Mensagem por Fuuma Monou em Seg Nov 07, 2016 12:15 pm

A dor em meu peito não sumia, mas aos poucos era minimizada pela potência do sangue (2PS para continuar a cura). Quem sente isso como uma maldição não sabe realmente o quanto foi agraciado.... A pouco tempo eu estava com uma flecha atravessando o meu coração, agora as camadas de pele, músculo e nervos começavam a se recuperar e formar um novo tecido. O grande problema era a dor, que ainda ocupava-se em retirar de meu caminho a possibilidade de aproveitar esse momento em que uma inebriante beleza está à minha frente.

Ao apresentar o nome de minha família eu esperava ver qual a reação da cainita sobre os Benetti. A isca havia chamado a atenção da presa. Ela conhecia o nome, mas felizmente, ou infelizmente, somente a família mortal fora citada pela mulher. Enquanto Jannet arruma-se em sua cadeira, procuro uma forma de fazer o mesmo, buscando uma posição em que a dor seja menor.

A mulher volta a falar e com isso fico bastante aliviado com o fato dela só conhecer a parte mortal da família. Se ela soubesse que o principal centro de comércio dos Benetti não é exatamente o ramo mortal, mas sim o imortal, a proposta que ela me faz poderia sair pior que a encomenda.

- Sinto-me agraciado por suas palavras, tanto sobre a minha entrada no mundo das sombras, quanto pela possibilidade de vingar-me. - Olho-a diretamente nos olhos representando a majestade Lasombra enquanto tento não mostrar o quanto a dor está afetando meu corpo e mente, cruzo as pernas e arrumo-me na cadeira, como se estivesse em uma reunião de negócios. (1FdV para evitar mostrar a dor enquanto me posiciono na cadeira). - Eu terei minha vingança contra sua serva não duvide disso, mas somos criados para evitar idiotices em minha família. Seria estúpido de minha parte tentar enfrentá-la, independente das regras, agora. Acabei de ser empalado, e você sabe qual seria o resultado se fosse iniciada uma batalha. Por isso não está preocupada, eu vejo isso em seus olhos. Mas se você insiste em saber o que houve eu posso falar sem nenhum problema. Entrei em seu estabelecimento para ver o gado brincando enquanto preparava-me para retornar à Itália após uma reunião, o que foi avisado à Família. Pouco tempo depois que entrei sua criança veio e me encheu de perguntas, sendo que minhas respostas parecem não ter sido suficientes para ela. - Esboço um sorriso sarcástico. - O que parece ter a irritado. O problema aqui é que a falta de conhecimento sobre o mundo não a ajudou muito, pois saber o meu nome não a impediu de empalar um dos membros de uma família unida como a Família Benetti.

Paro de falar por um... dois segundos. Quero novamente ver a sua reação. - Mas e agora, como ficamos?

_________________
Sigo em frente... vivo numa noite eterna... as trevas me preenchem, me alimentam... sombras estão ao meu redor... elas falam comigo, me entendem... eu as entendo e compartilho de meu ser, minha alma... nós nos completamos e assim viveremos para todo o sempre.
avatar
Fuuma Monou

Data de inscrição : 08/03/2010
Idade : 28
Localização : Natal - RN

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: LAS VEGAS - O CONDADO DE CLARK - 04 : Henderson & Mojave Sul

Mensagem por Black Thief em Seg Nov 07, 2016 12:49 pm

Lincol Duarte Nóbrega
Pontos de Sangue: 12/08
Força de Vontade: 8/8
Vitalidade: OK


Lincoln escolhera cair naquele flerte de terceiras inteções, afinal podia ter vantagens muito boas, porque não?

A mulher respondia enquanto pegava a bebida de Lincoln e punha em dois copos:

- Era isso ou dar pro primeiro escroto com fantasias bizarras...

Ela terminava de encher os dois copos e continua:

- E você, delicia? Nunca te vi por aqui antes... Procurando novas emoções na toca do diabo?

Levantava seu copo e esperava Lincoln levantar o dele para um breve brinde.
avatar
Black Thief

Data de inscrição : 11/02/2011
Idade : 24

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: LAS VEGAS - O CONDADO DE CLARK - 04 : Henderson & Mojave Sul

Mensagem por Black Thief em Seg Nov 07, 2016 1:01 pm

Marko Cerveni Obertus
Pontos de sangue: 9/11
FV: 5\7
Vitalidade: Aleijado - Dano Letal


Aos poucos o Renevante sentia o sangue fazer seu trabalho, sentia seu coração se regenerar de dentro para fora fechando as primeiras camadas de tecidos assim como sua garganta, sentia, graças ao coração pouco estabelecido algumas funções de seu corpo se retomarem, apesar de não conseguir se levantar agora podia se mexer, e falar era uma tarefa menos áruda, embora desafiadora.

Snake dizia dando uma risada:

- Sua noite tá toda cagada mesmo cara HA HA! Mas relaxa aí, o Snake aqui já ficou pior, não estava entre a Espada de Caim pra contar com a ajuda.

Ele então dá uns tapas no ombro do Obertus como de camaradagem, e o mesmo sentia uma dor gritante quando ele o faz, aquilo parecia ter sido uma palhaçada proposital que só teve graça para Snake.

O asiático, mantinha-se sério e dizia à Marko:

- Sim, está... Te trouxemos pra um dos Hangares. Quer nos contar o que aconteceu?


avatar
Black Thief

Data de inscrição : 11/02/2011
Idade : 24

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: LAS VEGAS - O CONDADO DE CLARK - 04 : Henderson & Mojave Sul

Mensagem por Black Thief em Seg Nov 07, 2016 1:15 pm

Rian
Pontos de Sangue: 12/15
Força de Vontade: 6/7
Vitalidade: OK


Rian agora tinha que checar outra coisa já que a questão do jardim estava descartada... A questão do refúgio ficaria para depois, e agora o que viera à mente do vampiro era um lugar que poderia fazer uma boquinha, todo hospital tinha lanchonete ou máquina de salgados e doces e vampiros tinham os bancos de sangue para isso.

O carateca Gangrel passeava despreocupado já que estava bem misturado entre os mortais, ele ia procurando e passando por alguns "colegas de trabalho" que brevemente o encaravam, mas não chegavam a abordá-lo. Depois de quarenta minutos de procura, sim, muito tempo pois o hospital era grande, ele encontrava nos andares superioes o banco de sangue, uma porta dupla com acesso a cartão magnético, o que significava que tinha um controle eletrônico ali de quem entrava ou saía.

Vendo que por agora não conseguiria ter acesso ao mesmo, o Gangrel decide que era hora de ver sua futura lacaia, a essa hora realmente a cirurgia devia ter acabado... Ele começava a se dirigir ao elevador, mas antes de entrar no mesmo ele escutava um grito estrondoso de um homem:

- ENFERMEIRA!!! ENFERMEIRA!!!

O Gangrel olhava para traz e um homem alto, negro corria em direção à Rian e já o pegava pelo braço o arrastando para um dos quartos:

- Rapido!!! O meu pai ta tendo um ataque!!!

Se o Gangrel antes achava que seria interessante alguma experiência como um médico utilizando dos seus conhecimento de primeiros socorros, agora tinha a oportunidade de confirmar.
avatar
Black Thief

Data de inscrição : 11/02/2011
Idade : 24

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: LAS VEGAS - O CONDADO DE CLARK - 04 : Henderson & Mojave Sul

Mensagem por Black Thief em Seg Nov 07, 2016 1:31 pm

Danio Benetti
Pontos de Sangue: 11/14
Força de vontade: 4/6,
Vitalidade: Ferido - Letal


O vampiro usava o sangue ainda mais para aliviar e sarar completamente as feridas letais que despedaçavam sua carne. Mais e mais o coração do Lasombra se fechava agora por completo e o rombo em seu peito agora era um buraco que passava por sua pele e quase atravessando seus músculos.

A dor era muito mais suportável agora, de modo que mantendo sua força de vontade para segurar expressá-la, nem parecia que Danio esteve em maus lençois.

A vampira observava a descrição de Danio e por fim respondia:

- Só espero que não faça de modo que a Espada possa lhe considerar um traidor, sr. Benetti, e desejo-lhe boa sorte em sua empreitada.

Jannet era séria no que dizia, não havia algum tom de deboche. Ela continua:

- Compreendo. Bom... Como disse, o senhor será compensado pelos... "danos causados" a sua pessoa. Meus servos...

Antes de Jannet completar, ouve-se um bater na porta e Jannet diz:

- Ah, já chegaram... Entrem!

Assim, os dois seguranças de anteriormente traziam uma mulher vendada nos olhos e na boca, era possível ver lagrimas escorrendo do rosto e Jannet continuava:

- O senhor será compensado pelos danos causados, por favor, fique à vontade.

Jannet indicava a moça chorosa, que pelo visto já conhecia o seu destino. Os dois seguranças se afastam, dando espaço à Danio.
avatar
Black Thief

Data de inscrição : 11/02/2011
Idade : 24

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: LAS VEGAS - O CONDADO DE CLARK - 04 : Henderson & Mojave Sul

Mensagem por Lord_Suiciniv em Seg Nov 07, 2016 1:35 pm

Eu acompanhava a moça para o brinde e levava meu copo até a boca, sem beber o conteúdo, mas fingindo que eu dei um gole, eu finjo engolir e tudo mais, ainda não era hora para beber;

- Sempre. - Repouso o copo em cima do balcão novamente. - Sou novo na cidade, e estava querendo conhecer novas pessoas. - Sorrio para igualmente com terceiras intenções. - Se quiser, voce pode ser a minha primeira amiga, nesta cidade. O que acha? - Falo com um sorriso divertido no rosto.
avatar
Lord_Suiciniv

Data de inscrição : 17/10/2011
Idade : 22
Localização : Minha casa...

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: LAS VEGAS - O CONDADO DE CLARK - 04 : Henderson & Mojave Sul

Mensagem por Rian em Seg Nov 07, 2016 7:29 pm

Enquanto passeava pelos corredores do hospital notava que meus colegas de trabalho me encaravam de leve e isso começava a me incomodar. “- Mas que diabos é isto? O que tem de errado em mim? Ou será que é porque simplesmente sou novo no pedaço?” Fazia uma autoanálise e comparava com meus colegas de trabalho. Tentava notar se havia algo diferente em mim ou se era pelo simples fato de que eu fosse novo ali ou talvez até fruto da minha imaginação... “- Começo a considerar que andar coberto pelas sombras seria melhor do que perambular por aí, exposto.”

O Banco de sangue estava trancado com cartão magnético... “- Isto de fato é um problema, mesmo para um vampiro como eu... Creio que é melhor considerar outra forma de alimentação, a não ser que o cartão magnético do banco de sangue apareça por aí.”
Estava indo embora quando um maluco aparece do nada gritando. Inconscientemente meu corpo já ficava em posição de luta, resultado de anos de treinamento que acabam se tornando uma memória muscular. Rapidamente eu corrigia esse reflexo. “- Merda! Realmente foi uma péssima ideia querer se misturar aos mortais...”

Eu não tinha outra opção. Virar as costas seria um problema ainda maior. Precisava fingir que era um funcionário dali.
- Claro, vamos até lá rápido! O que ele tem? "-Aiaiai, por Cain! Espero que meus conhecimentos de primeiros socorros sejam suficientes pelo menos para fazer de conta que sei o que estou fazendo!"

_________________
                                                                
avatar
Rian

Data de inscrição : 30/09/2014
Idade : 33
Localização : Brasil

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: LAS VEGAS - O CONDADO DE CLARK - 04 : Henderson & Mojave Sul

Mensagem por Winterfell em Ter Nov 08, 2016 2:44 am

Aparentemente estes caras também são da Espada. No fundo, desejava com todo meu coração frio e atrofiado, que o fossem mesmo de fato. Afinal já estou nadando na merda, não quero que isso fique ainda pior. Mas não posso deixar de pensar também que: Ou é isso que querem passar. Até porque, havia outra possibilidade... uma ate bem preocupante... Claro que, também deve ser claro, que uma hora começaria a escutar a conversa. Então isto também pode ser uma encenação. Um ardil para tornar a obtenção de informações mais simples. Afinal se conseguissem me fazer falar "espontaneamente". Tudo seria bem mais fácil pros putos. Se bem que ... se fossem da Bastarda, daqueles indecisos dos independentes, ou ainda dos "adolescentes vampiros" da Anarquia. Seria muito mais lógico terem me acorrentado ao sangue. Assim conseguiriam me fazer "falar espontaneamente" também, ou quase isso. Como Revenante, já estive preso a outros Demônios (Tzimisces) e sei bem o grilhão que esse vinculo pode representar. É muito mais provável que sejam de fato Sabás, por terem respeitado meu direito a liberdade e pela manutenção do meu bem estar... espero mesmo que seja isso. Mas ainda assim, por precaução é melhor reter informações mais delicadas até ter certeza. Chamem do que quiser, manter os "olhos abertos" dessa forma tem me mantido "vivo" ate aqui (Perfeccionista). Mesmo não estando em um "momento muito bom", não subestimo o valor dessa medida.          

Assim que tiver forças suficientes pra me mexer um pouco mais, vou pedir a mão desse Snake pra levantar. Não que eu queira ajuda de fato, (por mais que esteja meio necessitado mesmo...) Minha intenção na verdade é aproveitar o momento em que estaremos tendo contato pelas mãos para usar uma "Saudação Sabá" muito comum e amplamente difundida entre os bandos nômades. Mas normalmente conhecida apenas por irmãos (Membros do Sabá). Assim, se ele não fosse de fato um irmão, mas sim um membro com outra filiação. Não saberia como responder o comprimento. A partir disso vou poder tirar alguma conclusão. Mas por enquanto tudo que posso fazer é continuar a me curar.  

Sinto o néctar rublo da vida se espalhar pelo meu corpo, sendo absorvido como água em terra seca. Proporcionando verdadeiros "milagres". Assim mesmo... podia sentir principalmente meu coração, lutando arduamente e curando de dentro para fora. Isso. Mesmo falar era menos "sofrível" agora. Ainda que esteja longe de estar reestabelecido. Continuo me curando. (+ 01 PdS para Curar Ferimentos).  

- Sua noite tá toda cagada mesmo cara HA HA! Mas relaxa aí, o Snake aqui já ficou pior, não estava entre a Espada de Caim pra contar com a ajuda.

Ele então da uns tapas em mim. - Harr! Faço uma expressão involuntária de dor. Filho da puta! - Você tá lo..uco? Faz isso n..ão. Digo como quem "não gostou" da brincadeira, mas sem também deixar ele saber, o quanto realmente fiquei puto com isso. Ainda mantendo o "ar mais despojado, receptivo e conveniente" que venho usando dês do inicio da conversa.  

Começo a me levantar devagar e enquanto vou levantando digo: - Su..ponho que vo..cê já saiba mas... Estendo a mão para Snake, como quem intenciona cumprimentar. - So..u o Marko. Espero ele responder apertando minha mão. (Quando ele fizer isso vou fazer o sinal de reconhecimento Sabá, e ver se de fato ele sabe responder).

(Ação Condicional: Se ele de fato souber responder como um Sabá: Segue o resto da Cena exposto a baixo).

(Ação Condicional: Se ele não souber: A minha ação se encerra aqui por enquanto. Pós terei de agi de forma diferente).

Então eles realmente são Sabás. Ao menos isso ... - Só uma pre...caução. Digo olhando para Snake, depois de telo cumprimentado, abaixando minha mão.

- Sim, está... Te trouxemos pra um dos Hangares. Quer nos contar o que aconteceu? Isso é ótimo. Quer dizer que a minha mochila não esta assim tão longe. Ou é isso que espero. Vou ter que refazer a trilha por onde aqueles carniçais putos do caralho me trouxeram, mas deve ser possível recuperar a terra. Afinal para um Demônio como eu, isto era imperativo. Mas umas noites sem "dormir direito" e vou me tornar um completo inútil. - É bem o que vo..cês devem supor. É hora de dizer algumas verdades. Afinal, embora não "me agrade" ser "tão aberto" quanto a qualquer coisa. Não sei o quanto esse Snake sabe, então não posso ser evasivo demais, muito menos mentir muito. - A..dentrava em Hen..derson pelo deserto, para evitar contratempos mai..ores vinha como um mochilei...ro de carona em um cami...nhão baú que também vinha pra esses la..dos. Expresso algum aborrecimento pouco disfarçado. - Mas tinha uma blitz da fede..ral e o caminhoneiro tava cheio do pó na caçam..ba. Quando prende..ram o cara vazei deserto a dentro e ti..ve de continuar a pé o resto do percur...so. Faço aquela cara "até ai tudo de boa". - No cami...nho os putos anabolizados da...queles seus cacho...rros. Cara de "o problema tá ai" - Resolveram me ti...rar por "bife" e o resto vocês já sa...bem. Digo nem um pouco afim de dar muitos detalhes quanto a isso e tentando não deixar claro, ou ao menos "não tão claro" o quanto detesto aqueles cães. - Agora também vo..u precisar refazer o cami...nho que os seus cachorros fizeram me arrastan....do e reaver a minha mochila. Como vocês devem imagi...nar já que sabem que sou um Demônio. Vou precisa da te...rra que esta guar...dada lá. Não preciso dizer que tenho mais dessa terra em um refugio longe de Vegas. Essa é uma informação que manterei só para mim. (Muito menos que planejo me vingar deles). Logo mudando de assunto. (Como é a reação deles ao que estou dizendo)?

_________________
- Falas. Pensamentos. Ações. Descrições e destaque descritivo. (Informações em Off).
avatar
Winterfell

Data de inscrição : 20/07/2013

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: LAS VEGAS - O CONDADO DE CLARK - 04 : Henderson & Mojave Sul

Mensagem por Baruch King, O Anjo Caído em Ter Nov 08, 2016 7:57 pm


A leitura de aura do Malkaviano provara-se inútil, para aumentar a frustração do Inquisidor. Voltar à presença de Gregoire Souffrant como um mero aprendiz não agradava Baruch - nem um pouco - e aquilo só servia para aumentar sua fúria com aquela situação. Ao menos, ter um breve diálogo com sua mentora seria uma boa oportunidade de - ao menos tentar - entender o que aconteceria naquela noite. Se Anne não estava no comando daquela missão, talvez a morte de Souffrant não fosse o objetivo - E era isso que irritava o Lasombra.


Aparentemente, Baruch não teria nem mesmo como conversar com Anne - E a resposta da Lasombra apenas aumentara a tensão daquele momento.

- Sim, claro Baruch... Mas sei que o que tem a dizer pode esperar até terminarmos nossa expedição, ela é importante e não devemos tardar. Agora, podemos ir?

-- Certamente... - Os olhos do Lasombra eram duas órbitas negras, as quais absorviam tudo e não devolviam nada mais. Se até então Baruch tinha certa dificuldade em ocultar seu descontentamento com a situação, agora seu semblante era a personificação do sociopata que o Lasombra era: Frio, inumano, sem expressão. -- Estou lhes seguindo.

"Um Ductus não confiável e uma Templária Cobra... Gregoire, Gregoire, não me decepcione... Mande seu cachorrinho tentar alguma gracinha, terei prazer em queimar cada parte de seus corpos. Depois de permitir que ele acabe com alguns integrantes do meu pequeno bando..."

Instantes depois, Baruch seguia de volta para seu carro. E o carniçal daria a partida no veículo assim que o bando fizesse o mesmo.

-- Sua Benelli, está carregada, certo? - Baruch falava com o Carniçal, sem olhar para ele

_________________
Nós queremos ver você se curvar à escuridão. Você quer nos seguir através da noite? Você nunca morrerá como uma criança da noite
Encare sua morte com orgulho, Ele irá vê-lo sorrir.  Com seus olhos brilhantes como estrelas, ele matará a todos, sem remorso. Fome pela escuridão golpeando seu coração, enegrecido desde o início, seu mal arrasta-se em sua mente. Provocando arrepios na espinha, Ele é a Noite! Alegrai-vos na carnificina, sabem que a merecem.





Spoiler:

"Penso, Logo Existo"
- Sussurros, pois ninguém deve nos ouvir.
-- Por que não falamos de igual para igual?
--- Gritos, pois devo ser ouvido.
*Atos, pois não devo confiar apenas nas palavras.*
avatar
Baruch King, O Anjo Caído

Data de inscrição : 29/06/2013
Localização : Rio de Janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: LAS VEGAS - O CONDADO DE CLARK - 04 : Henderson & Mojave Sul

Mensagem por Fuuma Monou em Sex Nov 11, 2016 1:25 am

Continuo na mesma posição enquanto mantenho minha expressão (se necessário, mais 1PS) para ouvir tudo o que era dito por Jannet. Um leve sorriso se forma em minha face ao ouvir sobre ser tratado como traidor pelo Sabá. "- Essa criatura insolente não tem poder assim dentro da Seita. Se eu matá-la não haveria nenhum cainita que tivesse vontade de contestar minha obra." Os efeitos da beleza estonteante da cainita ainda surtiam efeito, mas as dores no corpo ainda eram superiores, o que mostrava que seu poder sobre minha pessoa começava a diminuir.

Preparo-me para responder à Jannet quando esta recomeça a falar e em seguida alguém bate na porta. Os dois seguranças que haviam me carregado para o comodo traziam consigo uma mulher vendada. Eu olho diretamente para ela. O formato de seu rosto, cor e tamanho do cabelo, tom de pele, roupa.... passo meus olhos por tudo. Com tudo guardado em minha mente, procuro na memória todas as pessoas que vi durante minha estadia no salão principal e na 'área VIP'. Afinal, estou nos domínios de outro cainita e não faço ideia do que ele quer comigo.

Conseguindo ou não descobrir se já havia visto a garota, volto-me para minha anfitriã:

- Você irá me recompensar com alimento.... certo, aprecio muito a sua oferta e agradeço imensamente. Espero que entre nós não haja nenhum ressentimento e nenhuma intriga. Gostei muito de você e acredito que toda a família Benetti ficaria honrada com a sua presença entre as nossas fileiras. - Faço uma pequena reverência, movendo somente a cabeça um pouco para baixo. - Contudo, me foi dada a mesma educação que aos membros das famílias de nobres antepassados... se é que me entende. - Meu olhar vagueia da garota chorando para a mulher vampira. - Como posso dizer, damas primeiro. E peço que não entenda isso como uma afronta, mas esta é realmente a educação que me foi dada...

_________________
Sigo em frente... vivo numa noite eterna... as trevas me preenchem, me alimentam... sombras estão ao meu redor... elas falam comigo, me entendem... eu as entendo e compartilho de meu ser, minha alma... nós nos completamos e assim viveremos para todo o sempre.
avatar
Fuuma Monou

Data de inscrição : 08/03/2010
Idade : 28
Localização : Natal - RN

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: LAS VEGAS - O CONDADO DE CLARK - 04 : Henderson & Mojave Sul

Mensagem por Black Thief em Seg Nov 14, 2016 9:45 am

Lincol Duarte Nóbrega
Pontos de Sangue: 12/08
Força de Vontade: 8/8
Vitalidade: OK


Lincoln entrava no jogo facilmente. Afinal só lucros poderia ter com aquele pequeno entretenimento marcado pela agressividade. Após fingir beber do copo, a mulher responde com sorriso sacana bem desatacado pela cicatriz no lábio.

- Acho que devíamos ir lá atrás brincar então.

Ela então olha para o copo de Lincoln ainda cheio e olha para o seu próprio que estava vazio e diz:

- Espero que aguente brincar comigo mais do que aguenta beber...


E dá uma risada de deboche do Brujah. A mulher então começava a sair do bar, deixando o mesmo sozinho e não se importando nem um pouco com isso, ela caminhava até uma porta ao lado, bem escondida, e abria, olhava para Linlcoln esperando que ele a seguisse,
avatar
Black Thief

Data de inscrição : 11/02/2011
Idade : 24

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: LAS VEGAS - O CONDADO DE CLARK - 04 : Henderson & Mojave Sul

Mensagem por Black Thief em Seg Nov 14, 2016 10:00 am

Rian
Pontos de Sangue: 12/15
Força de Vontade: 6/7
Vitalidade: OK


Rian tentava analisar o motivo do porque seus "colegas de trabalho" o encaravam tanto, porém ele não encontrava nada anormal em sua aparência além de ele mesmo parecer um moribundo do hospital e claro, sua aparência ser nova por ali, talvez alguns o estivessem o reconhecendo como O Carateca Louco pois o vídeo atingiu quase os mais visualizados do Youtube. A pergunta melhor seria: "Quem ainda não viu o vídeo do Carateca Louco?" mas por sorte, caso fosse a pior das hipóteses, ninguém ainda havia o abordado.

Já perto de sair daquela ala, o vampiro é chamado por um paciente, mas ele rapidamente mudava de ideia, ser chamado para essa aventura começava a lhe causar arrepios que ele não imaginou que causasse. O homem rapidamente falava enquanto iam correndo a caminho do quarto:

- Ele teve uma parada cardíaca mais cedo, eu não sei o que ta acontecendo agora!!!

Ao chegarem no quarto, o que era incrivelmente perto, no mesmo corredor, Rian podia ver um homem negro, idoso se debatendo na cama. Infelizmente Rian se encontrava numa situação difícil, o Gangrel não tinha certeza do que era aquela merda que estava acontecendo com o velho era, e sem ter certeza ele não tinha como realizar tratamento certo, vai que desse algo ao velho que não poderia e terminaria de matá-lo? Mas Rian tinha que agir, de alguma forma, o cenário o obrigava a isso.


2016-11-14 04:57:43 Rian rolls 4 dice to Raciocinio + Medicina (Diff 7) 6,5,6,6 [failure]:
avatar
Black Thief

Data de inscrição : 11/02/2011
Idade : 24

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: LAS VEGAS - O CONDADO DE CLARK - 04 : Henderson & Mojave Sul

Mensagem por Black Thief em Seg Nov 14, 2016 11:15 am

Baruch King, O Anjo Caído
Pontos de Sangue:15/14  
Força de Vontade: 7/7
Vitalidade: Ok



Baruch não gostava em nada aquela situação, o poder lhe era algo tão comum e cotidiano que a simples menção de ser apenas um observador ou sua criadora não estar no poder para lhe proporcionar o mesmo, era no minimo frustrante, e uma situação que ele teria de engolir se quisesse continuar naquela expedição ou de alguma forma convencer todos ali que sua Criadora e ele deveriam guiá-la.

A situação parecia realmente tensa, antes todos estavam bem, agora com a fácil demonstração de Baruch que ele estava desgostoso, em seguida o vazio abissal em seus olhos que para cada bom entendedor da noite nada mais precisava ser interpretado, tudo estava tenso e toda essa tensão tinha o foco do descasco do Lasombra. Ele notava isso antes de entrar em seu carro, via que até mesmo sua mentora Anne estava tensa, e aquela situação era no mínimo desfavorável apenas à Baruch e sua própria Mentora. Se antes todos estavam bem receptivos a Baruch, agora todos estavam silenciosos, até mesmo Old Heaven. O Lasombra começava a notar que se não mudasse sua postura na frente dos Inquisidores membros de bando de sua senhora poderia muito bem sair "queimado" em sua reputação e ganhasse uma nova, talvez não tão boa quanto a que tinha hoje, e consequentemente, fechar as portas da Inquisição para si, mas continuar com aquele comportamento ainda era uma questão de escolha.

Entrando no carro ele faz a pergunta à Felix se tudo estava em ordem... Ao que Felix responde sério:

- Com certeza, mestre!

Após isso, Felix dava a partida, tanto ele quanto Baruch sabiam onde é que Gregoire residia, então eles levavam o bando da Inquisição até seu alvo.

O caminho era tranquilo e Baruch então resolve olhar no celular para acompanhar as horas, é então que ele logo dá de cara com uma mensagem do número de Anne.

"Você é uma grande decepção..."

Ele olhava para Anne pela janela, perplexo com aquela mensagem, sua criadora estava na moto, estava séria e para piorar... Ela realmente parecia ter estado mexendo no celular enquanto pilotava pois acabava de guardar o mesmo na jaqueta de motoqueiro e olhava em seguida para o carro.

Após essa ocorrência desconcertante, e alguns minutos depois eles chegavam no banco de Henderson, Baruch já podia ver na frente do banco, sentado sozinho com aquele grande taco de baseball dourado, parecendo um vagabundo doido pra assaltar o primeiro idiota que der na telha que ia manusear sua conta bancária.

O comboio parava, todos desciam, Félix também desceria se Baruch ordenasse e logo, Veigar tomava a frente e o Taco de Ouro se levantava para "receber" as visitas.

Veigar dizia:

- Você... É ele, certo? O Paladino, ou... Templário... ?

Perguntava à Baruch, e antes que Baruch pudesse responder, Taco de Ouro já dizia em tom agressivo:

- Ei seu panáca, se está querendo saber o que eu sou porque não pergunta pra mim?

Assim que Veigar escutava isso, prontamente dizia à Baruch novamente:

- Você, quer entrar pra Inquisição, certo? Mostre algum trabalho, prenda essa merda. Se chegar ao ponto, mate-o, precisamos apenas de Gregoire.

Taco de ouro imediatamente ria, gargalhando da situação ousadamente diante da Inquisição, aquele cainita desde o começo já se mostrara alguém de pouca inteligência pois afrontara um aspirante da Inquisição e tinha o deixado vivo para contar a história e já dizia:

- Escuta aqui seus montes de feto morto, pra chegar ao Gregoire, primeiro precisam passar por mim!

Taco de ouro ja empunhava seu saco, mas logo após empunhar, todos viam o Paladino levitar do chão, impressionado, ele já exclamava:

- O que??? Mas que porra é essa????

Logo, Baruch e taco de ouro já viam a Sacerdotisa do bano, a Toreador Kendra Wung que estava com sua mão erguida na direção do Taco de Ouro, ela dizia:

- Saia logo da nossa frente...

E num movimento de sua mão, Taco de Ouro era arremessado de cabeça a metros de distância contra a parede tão forte que talvez, se chegassem perto para ver, era capaz de se supor que o mesmo tivesse rachado.

Anne então olhava para Baruch e acenava com a cabeça em direção ao Taco de Ouro, que estava ainda se levantando, tonto com a pancada forte na cabeça, seu taco estava ao lado. Baruch sabia o que devia fazer.

Rolagem:
2016-11-14 05:29:22 Baruch rolls 4 dice to Inteligência + Empatia (Diff 5) 2,9,8,10 [3 successes]

OFF:
Devido ao taco de ouro estar tonto pela pancada, Baruch tem a vantagem da iniciativa.
avatar
Black Thief

Data de inscrição : 11/02/2011
Idade : 24

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: LAS VEGAS - O CONDADO DE CLARK - 04 : Henderson & Mojave Sul

Mensagem por Black Thief em Seg Nov 14, 2016 12:29 pm

Marko Cerveni Obertus
Pontos de sangue: 8/11
FV: 5\7
Vitalidade: Espancado - Dano Letal


Novamente o sangue de Marko começava a se espalhar pelo seu corpo beneficiando o mesmo para que do monte de carne rasgada, se tornasse pleno novamente. Snake olhava para a mão de Marko e fazia o cumprimento do Sabá enquanto o puxava para se levantar um pouco, já que agora conseguia se por ao menos sentado.

Marko sentia sua garganta continuar se regenerando até simplesmente sentir desconforto quando falava ao invés de dor. Seu peito ainda estava furado e o coração arranhado e ainda doía como o inferno de modo que o que realmente doía no Obertus ao falar era na verdade puxar ar para seus pulmões.

Quem respondia era o asiático:

- Não se preocupe, estamos com a sua mochila. Os lobos trouxeram ela. Eu sou Kaoro, como você é novo por aqui é melhor você ir se encontrar com o Bispo no Banco da América, pra que ninguém te confunda com um invasor.

Antes de Marko responder, Snake logo dizia:

- Hey hey... Peraí... Vamos com calma... Não dispensa o rapaz assim não. Vem cá, garoto... Você é um Tzimisce, um que não é doido pelo menos, já que você tem uma cara normal. Tá afim de ganhar uma grana preta?

E aguardava a resposta de Marko.
avatar
Black Thief

Data de inscrição : 11/02/2011
Idade : 24

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: LAS VEGAS - O CONDADO DE CLARK - 04 : Henderson & Mojave Sul

Mensagem por Black Thief em Seg Nov 14, 2016 1:27 pm

Danio Benetti
Pontos de Sangue: 9/14
Força de vontade: 4/6
Vitalidade: OK


Danio já se sentia completamente curado e consequentemente a dor não lhe era mais um incomodo, de modo que ele poupava o sangue que gastaria, porém suas roupas ainda estavam ensanguentadas na região do peito, assim como sua roupas rasgada, naturalmente, embora o furo não fosse tão chamativo, pessoas que estivessem realmente próximas notariam, porém o sangue seco ainda sim era chamativo.

Observando a jovem moça, Danio não via nada que pudesse ser diferente ou realmente relevante, nem lembrava-se de ter visto a moça antes, ela tinha cabelos castanhos, bem claros, talvez fossem até tingidos, tinha uma pele cor de oliva e estava apenas de topless. Era uma moça linda, poderia até mesmo ser uma modelo.

Jannet escutava as palavras de Danio e após o pedido de Danio para que ela desse o primeiro gole, a vampira apenas diz:

- Como desejar...

A vampira então sinalizava com a mão para que os dois lacaios trouxessem a menina que era guiada vendada, ainda chorando em direção à Jannet. Jannet então tomava o braço da menina que sentia um arrepio ao ser tocada e assim puxava a menina para sentar-se em seu colo, ficando entre os dois vampiros. Jannet então olha para Danio pegando o pulso da jovem e diz à Danio erguendo o pulso dela, como os mortais erguem um copo em brinde:

- Saúde...

Diz com um leve tom de ironia e assim mordia o pulso da jovem que imediatamente sentia um outro espasmo e sua respiração era profunda assim como seus suspiros... Assim, duas mulheres lindas, entravam em um estado de luxúria que só os envolvidos podem imaginar.

Após alguns segundos, Jannet soltava o pulso da menina e o lambia para as feridas fecharem, não era de bons modos desperdiçar comida, e logo a menina já era guiada a se levantar com os seguranças até Danio, onde ele também poderia provar um pouco daquele pecado.
avatar
Black Thief

Data de inscrição : 11/02/2011
Idade : 24

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: LAS VEGAS - O CONDADO DE CLARK - 04 : Henderson & Mojave Sul

Mensagem por Gam em Ter Nov 15, 2016 2:30 pm

Vindo de Mojave Leste.

Ofuscado sobre um terraço qualquer, Gilbert aguarda. Com seus sentidos aguçados, ele atenta para uma esquina específica. Ele marcou um encontro nessa encruzilhada com David Hayter, o vampiro mais imprestável que ele já conheceu em toda a sua vida. Pela segunda vez, o destino decidiu que eles teriam que trabalhar juntos para se livrar da essência de um demônio que está grudada na alma de ambos. Longa história.

A questão é que agora ele tem um plano sólido que pode livrá-lo disso, mas pra isso ele tem de livrar David também. Parece que suas máculas são conectadas de alguma maneira.

_________________
... só pode ser os nóia!
avatar
Gam

Data de inscrição : 08/03/2010
Idade : 25
Localização : Rio de Janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: LAS VEGAS - O CONDADO DE CLARK - 04 : Henderson & Mojave Sul

Mensagem por Fuuma Monou em Ter Nov 15, 2016 2:45 pm

Observo toda a cena com olhar bastante crítico. Não era possível perceber nada de estranho no comportamento de Jannet... ela realmente bebeu da garota, o que indica não haver algum truque para me ferrar, ou pelo menos eu acredito nisso... algum veneno ou qualquer outra armadilha sempre pode ser colocada em um gole de sangue. "- Mas que se dane..." - Ao ver a garota sendo trazida para perto de mim, faço o mesmo que minha anfitriã. Seguro o outro braço da garota, levanto-o até a altura de minha face, repito o movimento de Jannet:

- Saúde...

Cravo minhas presas no pulso da garota e bebo o sangue. O doce vitae da garota entra em meu organismo de forma soberba. O prazer percorre minha face... meus baços... pernas.... tudo. A melhor sensação que um cainita pode experimentar... A garota se rende a sensação de prazer... o coração que entra no ritmo...

Ao final, fecho o ferimento da garota.

- Agradeço pela comida. Como ficamos agora? - Sem as terríveis dores se tornava bem mais fácil manter-me sentado em qualquer posição. Retomo minha posição inicial, coluna ereta, pernas cruzadas...

_________________
Sigo em frente... vivo numa noite eterna... as trevas me preenchem, me alimentam... sombras estão ao meu redor... elas falam comigo, me entendem... eu as entendo e compartilho de meu ser, minha alma... nós nos completamos e assim viveremos para todo o sempre.
avatar
Fuuma Monou

Data de inscrição : 08/03/2010
Idade : 28
Localização : Natal - RN

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: LAS VEGAS - O CONDADO DE CLARK - 04 : Henderson & Mojave Sul

Mensagem por Lord_Suiciniv em Ter Nov 15, 2016 8:35 pm

Dou uma leve risada com a brincadeira que a mulher fazia e antes que ela saisse de perto eu comentava. - Mais tarde você me diz então. - E então acompanhava ela para os fundos do bar.

Uma vez la dentro, eu analisava o ambiente que ela tinha me trazido, sempre prestando atenção se haveria outras saídas, ou possíveis câmeras.
avatar
Lord_Suiciniv

Data de inscrição : 17/10/2011
Idade : 22
Localização : Minha casa...

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: LAS VEGAS - O CONDADO DE CLARK - 04 : Henderson & Mojave Sul

Mensagem por Baruch King, O Anjo Caído em Qua Nov 16, 2016 10:11 pm




- Com certeza, mestre!
-- Ótimo. - Baruch olhava para o celular em seguida. E via, então, uma mensagem de Anne. "Certo... Primeiro uma recusa, agora uma mensagem, esse Malkaviano está tirando sua sanidade..."

A mensagem, no entanto, não era o que Baruch esperava. Mais uma vez, Baruch era surpreendido com uma mudança repentina na atitude de sua mentora. Sem conseguir esconder a perplexidão ao ler aquilo, Baruch olhava para sua mentora. Parece que algo havia mudado no bando de Anne, e o Guardião passara de companheiro de caça à decepção em um período de minutos.

- Agora eu consigo entendê-los... - Baruch ria de seu próprio pensamento, sem ânimo. O Guardião entendia, agora, o que motivou seus "irmãos", também abraçados por Anne, a darem as costas ao bando.

O caminho da entrada do Condado até o refúgio de Gregoire parecia mais longo que da última vez que o fizera, e a espera era interminável. Não havia tensão naquela situação, pelo menos não que Baruch a sentisse, mas algo em sua mente perturbava-o.

Quando finalmente chegaram ao Banco, Baruch era um dos primeiros a descer do carro. Com a mensagem de Anne ainda rodeando seus pensamentos, o Lasombra mudaria um pouco seu modus operandi.

"Você me ensinou bem, Anne. Mas que tal mudar um pouco as coisas?"

-- Saia do carro. Sua missão é me proteger. Um movimento suspeito - De qualquer um, amigo ou inimigo - e você entra em ação. Errar não é uma opção. Atire pra matar. - Baruch instruía seu carniçal antes de abir a porta do carro e sair. Ao sair do carro, Baruch pegaria a escopeta de Felix, no banco de trás, e assim que o carniçal deixasse o veículo, o Lasombra jogaria a Barret para ele. -- Tome.

- Você, quer entrar pra Inquisição, certo? Mostre algum trabalho, prenda essa merda. Se chegar ao ponto, mate-o, precisamos apenas de Gregoire.

Baruch não se preocupava em responder. Com a escopeta presa em seu corpo pela bandoleira, ele mantinha a arma em punho, caso precisasse atirar e seguia em direção ao Taco de Ouro."E ela sabe lutar... Interessante." Assim que a sacerdotisa atacou o Paladino, Baruch viu uma ótima oportunidade de retaliar, pela audácia dos legalistas.

Ainda com a escopeta empunhada Baruch andaria em direção ao Paladino, mantendo-se a cerca de 2 metros de distância dele - que ainda levantava-se, atordoado pelo ataque da Toreadora. - Se lembra de mim, verme? - Assim que o Taco de Ouro olhasse para o Inquisidor, Baruch iria desferir dois tiros contra o Paladino com a Escopeta. - Eu disse que voltaria...

Por fim, Baruch tiraria uma estaca negra de madeira do bolso interno de seu sobretudo. O Inquisidor soltaria a escopeta - deixando-a de lado, ainda pendurada pela bandoleira - e usaria sua mão hábil para penetrar o peito do Paladino com a estaca, forçando a haste de madeira do tamanho do antebraço do Lasombra até que sua ponta chegasse ao outro lado do corpo do Serpente da Luz, perfurando seu coração.




OFF: Considerando o ato de tirar a estaca do bolso como uma ação, serão no total 3 ações no turno:
1) Atirar, lembrando que a escopeta tem CdT = 3
2) Sacar a Estaca de madeira
3) Empalar o Infernalista


_________________
Nós queremos ver você se curvar à escuridão. Você quer nos seguir através da noite? Você nunca morrerá como uma criança da noite
Encare sua morte com orgulho, Ele irá vê-lo sorrir.  Com seus olhos brilhantes como estrelas, ele matará a todos, sem remorso. Fome pela escuridão golpeando seu coração, enegrecido desde o início, seu mal arrasta-se em sua mente. Provocando arrepios na espinha, Ele é a Noite! Alegrai-vos na carnificina, sabem que a merecem.





Spoiler:

"Penso, Logo Existo"
- Sussurros, pois ninguém deve nos ouvir.
-- Por que não falamos de igual para igual?
--- Gritos, pois devo ser ouvido.
*Atos, pois não devo confiar apenas nas palavras.*
avatar
Baruch King, O Anjo Caído

Data de inscrição : 29/06/2013
Localização : Rio de Janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: LAS VEGAS - O CONDADO DE CLARK - 04 : Henderson & Mojave Sul

Mensagem por Rian em Qui Nov 17, 2016 4:59 pm

“- Mas que droga! Quem é que foi que teve a brilhante ideia de sair do manto das sombras e andar por aí como se fosse um enfermeiro! Eu fiz um curso para fazer curativos não para essa merda toda que está acontecendo aqui!”
Não tinha como! Não dava! Eu não sabia o que fazer. Era tão leigo quanto o sujeito que buscava minha ajuda. Mas precisaria fingir que sabia algo. Procurava por aquele botão, campainha, enfim... aquele negócio de emergência dentro dos quartos que chama os enfermeiros e os médicos. Enquanto faço a chamada, justifico minha ação:
- É mais sério do que eu esperava!
Em seguida em segurava as pernas do homem e ordenava ao garoto:
- Segure nos ombros dele e não deixe que ele caia da cama! Uma fratura para uma pessoa dessa idade é muito perigoso.
Assim que o rapaz segurava o velho, eu então revelava:
- Vou buscar ajuda! Desculpe, mas é que eu ainda estou na faculdade, sou estagiário! Eu só aprendi fazer curativos e aplicar injeção até agora!
Saía rapidamente do quarto usando os dons do meus sangue para que as sombras encobrissem minha presença naquele hospital (Ofuscação 2) enquanto volto ao meu objetivo inicial.
“- Definitivamente foi uma péssima ideia andar por aí à mostra”.
Escondido em um canto fico observando se a equipe médica chegaria. Também não seria uma boa ideia ter um acompanhante de um paciente me procurando pelo hospital.

_________________
                                                                
avatar
Rian

Data de inscrição : 30/09/2014
Idade : 33
Localização : Brasil

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: LAS VEGAS - O CONDADO DE CLARK - 04 : Henderson & Mojave Sul

Mensagem por Winterfell em Seg Nov 21, 2016 1:57 am

Continuo me curando.

Ao responder corretamente o comprimento, a "filiação" dos Cainitas deixava de ser preocupação e a restauração da minha "carcaça" ganhava ainda mais importância. Custosamente consigo me sentar, mas não sem sentir dor e pior, não sem ajuda. Por mais que ambos (eles e eu) estivéssemos alinhados a Espada, minha obvia e opressiva fragilidade tornava-me "vulnerável" .... poucas coisas poderiam ser mais desconcertantes do que me sentir desse jeito. Não é uma "questão de orgulho ferido" e essas merdas. Mesmo que não "estivesse na merda" como estou. Ou "parecesse um pedaço de merda" como pareço. A questão ainda seria o controle. Eles controlam essa situação, não eu. Inadmissível.

Isto obviamente tem de mudar.
(Megalomaníaco e Unificador).


- Não se preocupe, estamos com a sua mochila. Os lobos trouxeram ela. Eu sou Kaoro, como você é novo por aqui é melhor você ir se encontrar com o Bispo no Banco da América, pra que ninguém te confunda com um invasor. Antes de Marko responder, Snake logo dizia: - Hey hey... Peraí... Vamos com calma... Não dispensa o rapaz assim não. Vem cá, garoto... Você é um Tzimisce, um que não é doido pelo menos, já que você tem uma cara normal. Tá afim de ganhar uma grana preta?

Queria ver a receptividade que teriam as minhas necessidades da mochila. Não pensei que eles já estariam em posse dela, o que claro, também tem seu próprio ônus e bônus. Esse Kaoro aparenta querer se livrar logo de mim, creio que depois dessa apresentação, ele me considere fraco e pouco util. Ou mesmo seja apenas muito apegado ao "protocolo", muitas vezes os Anjos de Caim tendem a ser assim, assassinos dão muita importância a disciplina e hierarquia. Quanto ao Snake, é mais fácil perceber o que ele quer. Tirar algum proveito da situação é realmente o mais lógico a se fazer.

Faço que sim com a cabeça e digo interessado meio sorrindo ao falar da grana. - Consigo pensar em um uso ou dois pra uma grana a mais. Volto a ficar mais serio. - Sem falar que essa não é bem a impressão que queria deixar de "cartão de visitas". Se der pra fazer algo pra limpar essa "imagem de bosta" estou dentro. Olho pro Kaoro. - Claro que também pretendo me apresentar. Volto meu olhar pro Snake. - Mas o que você tem em mente?

_________________
- Falas. Pensamentos. Ações. Descrições e destaque descritivo. (Informações em Off).
avatar
Winterfell

Data de inscrição : 20/07/2013

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: LAS VEGAS - O CONDADO DE CLARK - 04 : Henderson & Mojave Sul

Mensagem por Black Thief em Sab Nov 26, 2016 10:37 am

Lincoln Duarte Nóbrega
Pontos de Sangue: 12/08
Força de Vontade: 8/8
Vitalidade: OK


O vampiro seguia a bar tender de enorme cicatriz, aquilo não era um problema pra ele... Ia ter uma boa hoje de um jeito ou de outro.

Ele contornava o bar até chegar à mulher. Ao passar Lincoln olhava rapidamente pelo ambiente, era difícil enxergar naquele ambiente escuro com luzes piscando o tempo inteiro tornando a procura mas árdua, mas não para o vampiro que apenas batendo os olhos rapidamente em alguns cantos daquele cômodo já pode perceber que o lugar ela livre de qualquer câmera de vigilância e segurança.

Ele segue a mulher até a porta dos fundos, era um corredor bem estreito com algumas portas, ela levava Lincoln para uma das portas e acende uma luz, era um ármário, uma despensa, ela imediatamente fechava a porta e se agachava tirando o cinto da calça de Lincoln.

- Tá comigo...

Disse em tom sacana e lambendo os lábios, aquela mulher era uma verdadeira sacana... Lincoln também olhava ao arredor daquela dispensa, tinha uma câmera de segurança ali, muito bem visível, mas isso não parecia ser nenhum incomodo para a bar tender.
Rolagem:

2016-11-26 05:30:15 Lincoln rolls X dice to (Diff 6 + 1 ) [Resultado X]
avatar
Black Thief

Data de inscrição : 11/02/2011
Idade : 24

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: LAS VEGAS - O CONDADO DE CLARK - 04 : Henderson & Mojave Sul

Mensagem por Lord_Suiciniv em Qua Nov 30, 2016 11:05 pm

Eu fazia meu sangue pulsar pelo meu corpo, para que o meu membro masculino ganhasse vida novamente, e deixava que a garota se divertisse com ele. Assim como em outro momento ativava meus dons vampiricos do fascinio para deixar a garota bastante inclinada por mim. Naquele momento ela certamente iria confundir os sentimentos com o prazer do sexo e seria mais facil conseguir um endereço e um telefone quando eu pedisse depois.

Durante a diversão ali naquele armario de vassouras, eu bastante ciente daquela camera, dava um jeito de tomar um ponto de sangue da garota e lamber a ferida, tomava pouco apenas para lhe dar o prazer do beijo, e também para que não sujasse nem a minha boca nem a roupa dela, aquela sensação também iria contribuir para que fizesse o que eu pedir em momento oportuno.

avatar
Lord_Suiciniv

Data de inscrição : 17/10/2011
Idade : 22
Localização : Minha casa...

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: LAS VEGAS - O CONDADO DE CLARK - 04 : Henderson & Mojave Sul

Mensagem por Lord_Suiciniv em Sex Dez 09, 2016 12:12 am


Os personagens Marko Cervini Obertus (Winterfell) e Carateca Louco (Rian) tiveram suas narrativas transferidas para o cenário 03 - Spring Valley, por motivos de desaparecimento do narrador

Saida do cenario liberada!

avatar
Lord_Suiciniv

Data de inscrição : 17/10/2011
Idade : 22
Localização : Minha casa...

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: LAS VEGAS - O CONDADO DE CLARK - 04 : Henderson & Mojave Sul

Mensagem por Gam em Ter Dez 13, 2016 10:58 pm

[OFF]
E eu, não? D:

_________________
... só pode ser os nóia!
avatar
Gam

Data de inscrição : 08/03/2010
Idade : 25
Localização : Rio de Janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: LAS VEGAS - O CONDADO DE CLARK - 04 : Henderson & Mojave Sul

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 7 de 8 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum