Herick Draven - Caitiff - Independente

Ir em baixo

Herick Draven - Caitiff - Independente

Mensagem por Arcebispo Altobello em Seg Mar 03, 2014 12:25 pm

1. Dados

Nome: Mitzrael
Personagem: Herick Draven (Escorpião de Prata)
Clã: Caitiff
Natureza: Solitário
Comportamento: Caçador de Emoções
Geração: 8
Seita : Independente
Refúgio: Lugar Nenhum
Conceito: Viajante Errante
Saldo de XP: 40/44 (Mitzrael Baali)


2. Atributos

Físicos
- Força: 1+3 (Braços Poderosos)
- Destreza: 1+3 (Reflexos Rápidos)
- Vigor: 1+1

Sociais
- Carisma: 1
- Manipulação: 1+2
- Aparência: 1+1

Mentais
- Percepção: 1+2
- Inteligência: 1+1
- Raciocínio: 1+2


3. Habilidades

Talentos
- Prontidão: 2
- Esportes:3
- Briga: 3
- Esquiva:1+2 (6exp)
- Empatia:
- Expressão:
- Intimidação: 3
- Liderança:
- Manha:1+2 (6exp)
- Lábia:

Perícias
- Empatia c/ Animais:
- Ofícios: 3
- Condução: 3+1 (2PB) (Motos)
- Etiqueta:
- Armas de Fogo:
- Armas Brancas: 1
- Performance:
- Segurança: 2
- Furtividade:
- Sobrevivência:

Conhecimentos
- Acadêmicos:
- Computador: 1
- Finanças:
- Investigação: 1
- Direito:
- Linguística: 1 (Espanhol)
- Medicina:
- Ocultismo: 2
- Política:
- Ciências:


4. Vantagens

Antecedentes
Recursos : 3 (2PB)
Fama : 1
Geração: 5 (6PB)

Disciplinas
Rapidez : 3 (28exp)
Potencia : 3


Virtudes
- Consciência: 1+2
- Autocontrole: 1+2
- Coragem: 1+3


5. Virtudes

Humanidade: 6

Força de Vontade: 7 (3PB)


Qualidades e Defeitos
Corpo Grande - 4
Ambidestria -1
Sentidos Aguçados-1 (Audição)
Brigão -1
Peregrino -2

Vingança +2
Desfigurado +2
Antecedentes Criminais +2
Brisa Frigida +1

Informações do personagem
- Idade antes do abraço: 18
- Idade total: 34
- Data de nascimento: -/-/1980
- Aparência: Alto (1,92), Boa compleição física, Latino, Cabelos Negros e Longos e Lisos, Olhos Azuis.
- Personalidade: Rude: “Quando ouvirem o ronco da minha moto é melhor não ficar no meu caminho ou virarão bolsas de sangue”.
- Fraqueza do clã: Exp para disciplinas Nivel Atual x 6 . +2 Testes Sociais com outros membros.

- Inventário:
- Um Punhal F+1                        
- Uma Jaqueta de Couro Reforçada A+1                                                                                                                                                            
- Um Capacete de Moto Negro
- Um Cel.Roubado
- Uma moto 600 CC de cor Negra.


6. Prelúdio

Nova York é a cidade que nunca dorme, em meio o mundo dos burgueses que fazem de conta que não fazem parte da pobreza da cidade . Existe o Bronx , o lado negro . A parte “ruim” desse cenário de merda . E nele é que eu vivo , eu “vivo” por que essa é a palavra mais próxima que eu encontrei pra dizer que passo meus dias vivendo do dinheiro e das joias desses doentes gananciosos que exploram tudo e todos aqueles que eles puderem usar como suas ferramentas de trabalho.  Desde de que nasci eu conheci essa vida e que estava por conta própria , sou filho de uma prostituta com um cara que fez um filho nela em troca de uma nota de 50 dólares , provavelmente era algum drogado que não merece ter atenção na minha história . Eu sou apenas uma semente gerada da luxuria feita por humanos doentes que não sabem se controlar.
  Aos 14 anos eu já roubava carros e a prendi a dirigir quebrando alguns deles , não vou dizer que foi uma experiência muito boa mas me lembro dos meus 30 primeiros minutos de adrenalina do meu primeiro roubo , desde então eu andei viciado nesses 30 primeiros minutos de roubar carros e andar rápido pelas ruas, foi quando fui pego e levado ao reformatório , passei algum tempo lá e depois fugi por que a segurança nesses lugares nunca é muito boa , principalmente nos lugares pobres onde o governo não se importa com a segurança do povo . Eu cheguei a ir a escola por um tempo mas só era pra pegar as gurias e roubar alguns de vez em quando , aprender alguma coisa que prestasse ..? Vai sonhando . Eu fui ficando mais velho e o trombadinha foi crescendo e só tinha uma coisa que eu realmente gostava nessa vida , a sensação da velocidade em minhas veias , mas há uns anos atrás  algo mudou toda minha vida , em um dos rachas apareceu um cara que se intitulava Viper ele era bem esquisito e usava uma jaqueta com gorro verde escura , mal podíamos ver seu rosto mas eu me lembro daqueles olhos que na época eu achava ser lentes de cor vermelha agateada . No inicio não dei muita importância para ele , o cara disse que havia ouvido falar de mim (Escorpião) nome do qual eu era conhecido por causa da minha tatuagem nas costas , ele disse que queria saber se eu era o que ele procurava . Tinha uma linda garota do lado dele de cabelos loiros , peitos bem avantajados , coxas grossas e uma bunda de levar a loucura , ela trajava roupas de colegial , uma saia curta com um botão aberto . Um rosto de boneca com olhos verdes e doentios . Eu dei importância para a convencidinha no inicio mas pelo jeito dela , deve ser mais uma patricinha metida que gosta de se meter com a escoria da sociedade só para infernizar a vida dos pais .
    Nós partimos pelas veias rotas da cidade para saber quem era o melhor , eu não me importei com nada em nossa frente , o prazer do momento que importava , ele também parecia ser impetuoso e valente ,mas eu conheço essas ruas e fiz isso ao meu favor , sou famoso por vencer por aqui e ao aproximarmos da Broklyn Bridge eu sabia que venceria , mas a garota de olhos doentios apareceu na minha frente do nada !!  Ela me atacou sem que eu pudesse me defender , tentei virar a moto e ao menos consegui derrapar mas não foi o suficiente , acabei me fudendo todo ao chão e por mais que ela também houvesse caído no momento em que pulou em cima de mim , antes de desmaiar pude ver que ela não tinha sofrido mais do que alguns arranhões , meu corpo estava bastante ferido e eu mal podia me mexer...
Quando me dei por mim eu estava em um lugar escuro , úmido e várias outras pessoas enterradas com apenas a cabeça do lado de fora . Homens e mulheres a maioria já morta e o cheiro de morte era forte ali , foi quando eu escutei o som de uma bota se aproximando e eu usei todas as minhas forças para sair da terra . O mais impressionante de tudo é que a minha força aumentou de forma descomunal. Aquele local estava cheirando a morte , os poucos que ficaram vivos atacavam uns aos outros  com crueldade e usavam as unhas ou os dentes como animais , quando vieram em cima de mim percebi por que usavam os dentes , nós tínhamos presas como animais eu usei minha força e minhas presas para me manter vivo ! Depois de algum tempo preso ali o alçapão se abriu e eu vi uma bota de cor vermelha ali . Um homem perguntava se alguém ainda estava vivo e eu respondi que sim . Ele me disse “Estou vendo que você foi o único que ficou vivo daih cainita ...”

Dias Atuais .
Desde aquele dia , minha vida não foi mais a mesma , descobri por intermédio daquele que me salvou que eu sou um vampiro, não sei quem me abraçou mas tive a sorte de ser apresentado a outros 2 desgarrados como eu que me ensinaram a viver como um cainita . Eles me contaram que eu podia ter sido pego pelos Infernalistas , Sabá ou quem sabe o movimento Anarquista  , mas quer saber ?! Eu to pouco fudendo pra quem me transformou nisso , apesar de que eu não vou me esquecer do rosto daquela gostosa ou do nome VIPER... Na minha mente , hoje eu estou aqui de volta a ao mundo mas não sei dizer se estou “vivendo” nele , não vou me esquecer deles por que minha face está com uma marca causada por aqueles dois... Vagabundos, eu mataria ele e comeria aquela vadia se pudesse ... Um dia nossos destinos vão se cruzar ... Eu tenho certeza , eu não quero pressa vou apenas viajar por aih peregrinando , pois eu tenho todo o tempo do mundo agora... hahahahahahhaha !!!

_________________
"Subirei aos céus, erguerei meu trono acima das estrelas de Deus
E lá, mais alto que as nuvens, serei como o Altíssimo." 
avatar
Arcebispo Altobello
Administrador
Administrador

Data de inscrição : 08/03/2010
Idade : 24
Localização : Brasília - DF

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum