Amadeo Giovanni - Giovanni - Independente

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Amadeo Giovanni - Giovanni - Independente

Mensagem por painkiller em Qua Set 12, 2012 9:13 am


Ficha [/center]

Nome: Amadeo
Personagem: Amadeo Giovanni
Clã: Giovanni
Sire: Paolo Sardenzo
Natureza: Monstro
Comportamento: Diretor
Geração: 9ª
Refugio: Pequeno Apartamento perto do Cemitério Carnasie no Brookling
Conceito: Ceifador
Nascimento: 1800
Beijo por Procuração: 1844
Abraço: 1875
Idade Aparente: No começo da casa dos 40 anos
Idade em que recebeu o Beijo por Procuração: 44 anos
Idade como vampiro: 137
Idade Total: 212


Experiência: 119 gastos / 120 total


ATRIBUTOS (9 - 6 - 4)

Físicos
- Força: 4 (mãos fortes)
- Destreza: 4 (reflexos rápidos)
- Vigor: 4 (resistente)

Sociais
- Carisma: 1
- Manipulação: 4 ( bom argumentador)
- Aparência: 2

Mentais
- Percepção: 2
- Inteligência: 3
- Raciocínio: 4 ( mudança de estratégia)


HABILIDADES (16  - 11 + 1 - 7 + 2 )

Talentos
- Prontidão: 1  
- Esportes: 1
- Briga: 1 + 1
- Esquiva: 1
- Empatia: 1  
- Expressão: + 1
- Intimidação: 1
- Liderança:  
- Manha:
- Lábia: 1

Perícias
- Empatia c/ Animais:
- Ofícios: 1 + 1
- Condução: 1
- Etiqueta: 1
- Armas de Fogo: 1
- Armas Brancas: 4 ( espada)
- Performance: 1
- Segurança: 1
- Furtividade: 1
- Sobrevivência:

Conhecimentos
- Acadêmicos: 3
- Computador: 1
- Finanças: 2
- Investigação: 1
- Direito:
- Linguística: 2  ( Italiano, Inglês e Alemão )
- Medicina: 2
- Ocultismo: 4 ( Espíritos)
- Política:
- Ciências: 1


VANTAGENS

Antecedentes ( 8 + 5 )
---------------

Geração: + 4
Mentor: 2 + 1 (Paolo Sardenzo)
Prestígio de Clã: 2
Recursos: 3
Lacaios 1



Piaf Carniçal
 
Spoiler:
Personagem: Piaf Giovanni
Carniçal
Clã: Giovanni
Natureza: Esperta
Comportamento: Empreendedora
Geração: -
Refugio:
Conceito:

Experiência:

ATRIBUTOS (6 - 4 - 3)

Físicos
- Força: 1+1
- Destreza:1 +1
- Vigor: 1+1

Sociais
- Carisma: 1+2
- Manipulação: 1+2
- Aparência: 1+ 2

Mentais ( primário)
- Percepção: +1 + 1
- Inteligência: +1+2
- Raciocínio: +1+1

HABILIDADES (11 - 7 - 4)

Talentos (Secundário)
- Prontidão:
- Esportes:
- Briga:
- Esquiva:
- Empatia: 2
- Expressão:
- Intimidação: 1
- Liderança:1
- Manha:
- Lábia: 3

Perícias (Terciário)
- Empatia c/ Animais:
- Ofícios: 1
- Condução: 1
- Etiqueta: 1
- Armas de Fogo:
- Armas Brancas: 1
- Performance:
- Segurança:
- Furtividade:
- Sobrevivência:
Conhecimentos (primário)
- Acadêmicos: 1
- Computador: 1
- Finanças: 3
- Investigação:
- Direito: 1
- Lingüística: 2 ( Italiano, Inglês e Francês)
- Medicina: 2
- Ocultismo:1
- Política:
- Ciências:
VANTAGENS
Antecedentes (5)
Recursos 3
Contatos 2

DISCIPLINAS
-------------
Potência 1
Fortitude 1

Virtudes (7)
- Convicção: 1+2

- Autocontrole: 1 +1

- Coragem: 1+4

Humanidade: 5
Força de Vontade: 5




DISCIPLINAS( 7 + 3 )
-------------
Potência: 3
Necromancia: 4 + 1
Linha do Sepulcro: 5
Linha dos Ossos:
Linha das Cinzas:
Ofuscação: + 2

Virtudes (7)

- Convicção: 0 + 2

- Autocontrole: 1 + 1

- Coragem: 1 + 4


Trilha dos Ossos: 4

FORÇA DE VONTADE: 7

QUALIDADES e DEFEITOS
Beijo por procuração ( 4 pontos)
Vontade de Ferro: ( 3 pontos)
Diablerie Oculta ( 3 pontos)
Madrugador ( 1 ponto)
Médium ( 2 ponto)
Concentração ( 1 ponto)

Segredo Sombrio (1 ponto) auxilio numa pratica de diablerie contra um membro ventrue
Congênito - Sadismo (2 pontos) Tem no máximo dois no atributo Carisma.
Necrófilo (3 pontos)Coleciona crânios e presas dos oponentes abatidos.

Equipamento: 1 espada longa, 2 adaga, equipamento cirurgico, mochila, pasta, sacola, velas de cores distintas, mel, algodão, carteira de habilitação para o exercício da médicina, formol, vernis e roupas do século XIX, XX e XXI e sobretudo.

Banco de PB
8 em qualidades + 2 em FV + 5 Antecedentes : 15 pb


BANCO DE XP - 119 gastos / 120 ganhos

Ancillae – 75 xp
Expressão 1 - 3 xp
Briga 2 - 2 xp
Ofícios 2 - 2 xp
Ofuscação 1 - 10 xp
Ofuscação 2 - 7 xp
Linha do Sepulcro 5 - 20 xp


-----

BANCO DE DADOS

Ritual:



Ritual do Esílio (Nível 5)

Spoiler:
Semelhante a Tempesta Scudo, Esilio é um ritual rápido e sujo. O necromante fala cinco sílabas simplesmente.
Ninguém pode identificar o idioma emitido (pelo menos, nenhum Giovanni está contando se ele tiver). De acordo com a história oblíqua do ritual, este poder de Necromancia veio da linhagem que precedeu os Giovanni, e que o idioma é o que Deus deu para o homem antes da confusão de Babel.
As futuras lendas dizem que enquanto o particular significado das palavras estiver perdido, elas são isso que o pai de Caim disse a ele enquanto o exilando em Nod.
Embora a verdade do assunto, as Palavras de Exílio não são tratadas ligeiramente. Quando o ritual é lançado com sucesso, abre um buraco dentro da própria realidade – um rasgo entre a terra dos vivos e as profundezas mais escuras do Mundo dos Mortos. Este rasgo é invisível à visão normal, mas para visão além da mortalha, se parece com um vórtice negro como o piche que sai de dentro do próprio corpo do Vampiro (muito pouco são os infelizes o bastante para olhar na fenda com níveis altos de Auspícios e estão geralmente pouco dispostos ou incapazes de discutir isso que viram dentro).
Qualquer fantasma – Aparição ou Espectro – agarrado pelo tórax do Membro é rasgado imediatamente em fragmentos. Agarrar um fantasma desse jeito requer uma manobra de Agarrar ou Encontrão. Como sempre acontece com espíritos destruídos, eles não voltam durante pelo menos um mês, se nunca. Um fantasma destruído desse jeito tende a retornar como um Espectro, se retornar por completo.
O necromante pode prender e destruir vários espíritos iguais ao número de sucessos que ele obteve no teste.
Depôs disso, o vórtice acaba. Fecha ao término da cena se já não o tiver. Claro que, usando o corpo da pessoa como um portal entre nosso mundo e o que uma pessoa razoavelmente inteligente poderia chamar Inferno não é simples nem saudável. Para o autor, custa um Ponto de Sangue e um ponto de Força de Vontade (que não dá um sucesso automático no teste do ritual). Mais importante, cada sucesso rolado inflige um nível de dano letal não absorvível no necromante. O mais importante, todo o uso de Esilio reduz a Humanidade do necromante permanentemente em um ponto.



Prelúdio

Nascido de comerciantes ricos venezianos, seus pais eram primos, o simbolo que ele usa em seu anel é o brasão familiar da Casa de Comercio de seu pai, já criança foi escolhido pelo clã, um dos motivos foi a mediumdade, que nasceu com ele, e treinado para ser um assassino (ceifador).

 Beijo por procuração


Lembro que recebi o Beijo por Procuração em 1844, quando ainda existia o Estado fictício do Reino Lombardo - Veneto, estava a serviços de Giovanni Del Georgio , as vezes recordo de conversas que tive com outros Giovanni sobre a situação política em que nos encontrávamos. Imagine uma cidade, que estava há alguns séculos sobre domínio Sabbath ( Milão) e idealize uma cidade que esteve a alguns séculos sobre domínio Giovanni ( Veneza) e agora ambas se viram controladas pelos lacaios dos Ventrues e Tremere Austríacos.

Em pouco tempo Veneza passou a ser usada como local de reunião dos Anciões da Camarilla, pois nós Giovanni passaram a ser vistos como um problema controlado, não precisa dizer que funcionava como “tapa de luva de pelica” em nossa cara. Não doía fisicamente, mas tinha efeito desmoralizante. Os Milaneses Sabádicos não estavam tão melhores, pois a cidade estava cercada, os Toreadores não viam a hora de ver a cidade ser destronada para poderem cair como abutres nas obras de arte renascentistas, que havia na cidade.

Nesta época aprendi uma das maiores lições sobre como “nós somos melhores que eles”, diferente dos Giovannis ou Ventrues não são um clã unido e foi dentro da fileira deles na Prússia, que conseguimos o apoio para libertarmos Veneza das garras dos austríacos.

 Sire


Em 1870 fui colocado a serviço de Paolo Sardenzo, prole de Del Georgio, ele é uma criatura terrível, deu-me o abraço 1875, isso por precisar aumentar sua força política dentro da família, ainda fiquei aos seus serviços mesmo depois da mudança e pude acompanhar seus projetos durante a primeira guerra mundial.

Sobre os mandos de Paolo tornei-me um ceifador de sombras agressivo, apesar de não ter o mesmo carisma do meu mentor, quando uma bomba quase o levou a ter a morte final, eu estava cumprindo uma das missões que me haviam sido designada, as feridas foram muito além das marcas no corpo e destruíram o pouco de humano que havia nele.

Batalha contra a Legião de Sangue


Um Grupo Fantasmas liderados por Gaston Beladotti, resolveram partir para cima de nós com toda ferocidade, dispostos a se sacrificar desde que levassem pelo menos um Giovanni com eles, eu só sai vivo, pois já conhecia o ritual do Exílio, mas outros não tiveram a mesma sorte.


 Sadismo


Resposta: O foco do alimentação e o seu trato com todos aqueles que estariam em posição de vunerabilidade perante ele, envolve atos (reais, não simulados) nos quais o personagem necessita do sofrimento psicológico ou físico (incluindo humilhação) das suas "vítimas". Isso reflete no seu baixíssimo Carisma.

A níveis de jogo não sairéi torturando todos os seres que aparecerem em minha frente, entretanto o meu sadismo acaba limitando o meu atributo Carisma a no máximo dois pontos.


Abandono e Esquecimento


Próximo do final da segunda guerra mundial fui chamado por Del Georgio para uma conversa, ele me falou que iria fazer-me um favor e me mandou para os Estados Unidos, neste tempo Sardenzo tentou realizar a Infinita Noite na marra sem o apoio da família os que estavam o apoiaram terminaram mortos e ele estaqueado.

Quando a mim fui abandonado ao esquecimento em um velho cemitério na região do Brookling, sendo minha presença “bem-vinda” nos jantares de domingo, nas festas do dia 4 de abril, e em outras datas festivas, mas sem receber qualquer tipo de tarefa ou um negócio para coordenar, fui deixado de lado, quase um Paria.

Em 1985 o mundo começou a conspirar a meu favor e o anuncio de um conflito futuro fez com que Sardenzo tivesse uma nova chance, um dos principais Dons do Clã, Diego Giovanni resolveu libera-lo do destino da estaca, o prendeu a um laço de sangue, mas o colocou novamente em atividade. Pouco tempo depois recebi a visita de um emissário me convidando a voltar a Veneza, fui novamente restituído a minha função de Ceifador. (OFF: Com isso passei a ter prestígio 1 no Clã)

 A Vinda de PIAF


Era 1990 Prince e Guns faziam sucesso nas rádios, estava novamente gozando da boa vontade de meu clã e estava restabelecido ao meu posto de Ceifador, era 4 de Abril, estava toda incestuosa família reunida, alguns como eu metiam a mão na carteira sacava o cartão de crédito e davamos uma pomposa contribuição para o clã, outros traziam em forma de espíritos. Sempre optei pela financeira, já que preferia matar espíritos do que aprisiona-los. Enfim, chegou uma pequena, linda como só vi poucas serem, um sorriso de pacata matrona, que escondia seus pecados, mas é como dizem se todos conhecessem a intimidade sexual, elas não se cumprimentariam.

Existem duas certezas na vida: A primeira que só o inimigo não trai nunca e D`us esta nas coincidências, Muitos ali estavam, mas eu fui o escolhido para dar o beijo de procuração a jovem, pois bem ela esta comigo até hoje. Talvez seja o cinismo, que nos mantém juntos, mas sempre me pergunto quanta falta de caráter eu deva ter demonstrado para ter conseguido essa jovem para mim. Normalmente quando penso naquele dia, lembro que Diego estava presente na reunião e sorriu para mim.


Luta Contra Capadoccius em New York e recuperação do meu Prestígio

Algo ocorreu uma tempestade muito maior, uma entidade espectral muito forte surgiu, uma luta contra um culto fanático do antigo antidiluviano e espíritos que tinham conseguido fugir, enquanto isso uma batalha ocorreu entre Camarilla e Sabbath, eu estava de volta a New York.

Duarente o inferno que se tornou New York os espíritos vingativos vieram atrás dos Giovanni. Eu estava preparado e mais uma vez o ritual do exílio ajudou-me a varrê-los para a tempestade, outros não tiveram a mesma sorte. Neste momento consegui recuperar o prestígio que um dia tive, pois tinha demonstrado o quanto poderia ser útil para o clã. ( OFF: passei a ter prestígio 2 no clã.)


Pontos Importantes:


 Dízimo

Dou meu dízimo em dinheiro, feito por transferência bancária na maioria das vezes.

 Senhor

O  senhor do meu personagem apesar de ainda ter 1 ponto de Prestígio no Clã não tem a confiança de ninguém, muito menos de Diego Giovanni e muitos adoraria vê-lo novamente estaqueado e esquecido em alguma sala dentro do velho castelo em Veneza.

Diablerie Oculta

Natural da linhagem a qual pertence, o seu sire e seus ascendentes o possuem.

Necrofilo

Sua dedicação ao estudo da morte e a eliminação de vampiros, almas e coisas que se movem o fizeram tornar-se um colucionador de crânios daqueles a quem caça, que ficam espalhados por todos os lados do seu refúgio, com quem ele costuma conversar.

Segredo Sombrio

Durante uma incursão no velho mundo dentro da Alemanha auxilio um companheiro de clã na realização de uma diablerie contra um membro do Clã Ventrue.

Como ocorreu:

Spoiler:
A roda da vida esta sempre girando e aliados hoje, inimigos amanhã e por assim vai, no século XIX eram aliados dos ventrue Prussianos contra os Ventrue Austriacos, mas na segunda guerra, estavamos em conflito com os ventrue Prussianos, que exerciam influência na maquina nazista e deram auxílio ao "Dulce" e seus camisas pretas. O problema é que os safados queriam o bolo todo e nem se dispuzeram em dividir conosco. Um membro do meu clã chamado Lupo Giovanni achou isso errado e elaborou um plano para eliminar o Ventrue designado por berlim para cuidar da "Agenda Italiana", entretanto, o sujeito acabou indo além da conta e diablerizou à vítima. Talvez seja por isso, que foi transferido para o Quenia, espero não ganhar a minha passagem para lá. Francamente não sei se os Ventrue sabem, quem foram os envolvidos.


Abraço por Procuração

O personagem encontra-se ligado pelo sangue em 33 % Com Del Georgio e 66 % Paolo Sardenzo.

Refúgio: Apartamento perto do Cemitério  


Recursos: Proveniente do Trabalho como Assassino para Clã Giovanni, mantenho meus recursos fazendo investimentos em títulos da dívida pública com períodos de 8 e 15 anos, fazendo esses investimentos de 3 em 3 meses, o que me mantém com uma renda.

Sire

Paolo Sardenzo foi quem o abraçou.


Líguas

Italiano, Inglês e Alemão.


Prestígio Variou ao longo do tempo

- 1875 com o meu abraço passei a exercer a função de Ceifador para o clã passei a ter Prestígio 1;

- 1900 começou a era de "ouro" batalhas contra vampiros da Camarilla e do Sabbath, almas e outras entidades sobrenaturais, o fizeram ser temido;

- 1950 com a prisão de seu sire e a retirada de sua função de Ceifador, houve o completo abandono, seu prestígio foi a zero;

- 1985 libertação de seu sire e restituição da função de Ceifador, o prestígio passou a ser 1;

- 1999 batalha nas ruas de New York contra um culto dedicado a Capadoccius e contra espíritos que haiam fugido do controle dos Giovanni, o prestígio passou a ser novamente 2.


Como é ser cria de Paolo Sardenzo aos olhos dos anciões

Spoiler:
A forma como meu personagem seria visto depende muito de para que tipo de Ancião você for perguntar.

Um Ancião Prudente: Acharia que Diego foi imprudente e que não haveria a necessidade de ter trazido Paolo Sardenzo, pois seu metodos são exagerados. A cria dele já teve bons exitos e esta em atividade a algum tempo.

Um Ancião Ansioso: Considera que nesse momento após a semana do pesadelo, Diego estava certo em ter trazido Paolo de volta e este será muito útil. O Amadeo se tiver o mesmo talento do sire para acender estopins também será de utilidade. Tenham certeza que Diego mantém tudo sobre controle.


 

[center] Aparência de Amadeo e Piaf

Spoiler:







Brasão Familiar ( Quimera )

Spoiler:





-----

ULTIMA ATUALIZAÇÃO: -----
avatar
painkiller
Brujah
Brujah

Data de inscrição : 23/03/2010
Idade : 28

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum