Thiago Polleto - Henry MacFirson - Toreador

Ir em baixo

Thiago Polleto - Henry MacFirson - Toreador

Mensagem por Beaumont em Qua Mar 24, 2010 12:22 pm

Nome:Thiago Poletto
Personagem: Henry MacFirson ( Henry se pronuncia com som de R )
Clã: Toreador
Natureza: Competidor
Comportamento: Ranzinza
Geração: 13ª
Refugio: Cobertura ( Metrópole ou a cidade da aventura )
Conceito: Arqueólogo e Pesquisador
Experiência:
ATRIBUTOS (7 - 5 - 3)
Físicos
- Força: 2
- Destreza: 2
- Vigor: 2
Sociais
- Carisma: 3
- Manipulação: 4 ( Convincente )
- Aparência: 3
Mentais
- Percepção: 4 ( Atento )
- Inteligência: 2
- Raciocínio: 2
HABILIDADES (13 - 9 - 5)
Talentos
- Prontidão: 3
- Esportes:
- Briga:
- Esquiva:
- Empatia: 3
- Expressão:
- Intimidação:
- Liderança:
- Manha: 1
- Lábia: 2
Perícias
- Empatia c/ Animais:
- Ofícios:
- Condução:
- Etiqueta: 2
- Armas de Fogo:
- Armas Brancas:
- Performance: 3
- Segurança:
- Furtividade:
- Sobrevivência:
Conhecimentos
- Acadêmicos: 3
- Computador:
- Finanças: 2
- Investigação: 2
- Direito:
- Lingüística: 3: Língua Mãe: Inglês, 4 Línguas adicionais (Latim, Grego, Mandarim e Espanhol)
- Medicina:
- Ocultismo: 3
- Política:
- Ciências:

VANTAGENS

Antecedentes (5)
Contatos 5
Recursos 5
Lacaio 1
Status 3: Influente como um Ancião apesar de não ter idade (vide preludio)

DISCIPLINAS(3)
Auspícios 2
Presença 1

Virtudes (7)
- Consciência: 3
- Autocontrole: 4
- Coragem: 3
FÉ:
HUMANIDADE: 7
FORÇA DE VONTADE: 7
PONTOS DE SANGUE: --/10 ( Procura se alimentar bem )

QUALIDADES e DEFEITOS
Harpia - 5
Senhor de Prestígio - 1
Exclusão de Presa +1 ( Crianças )
Objetivo Condutor ( Tornar me a melhor harpia ) +3

OBS:
Homem caucasiano
1,85 m altura
Cabelos longos e castanhos, olhos claros.
Ternos de alta costura
Óculos Escuros
Pertences :
Smartphone 1
Smartphone 2 ( Somente ligações para contatos ou aliados ) com sistema anti-rastreio e anti-escuta.
1 Estaca de madeira escondida como cabo de uma bengala ( sistema de rosca )

Lacaio: Joshua MacLister

Atributos (6/4/3)
Físicos: 3/1/2
Sociais: 1/1/1
Mentais: 2/1/1

Habilidades (11/7/4)
Talentos
Prontidão 3
Esquiva 3
Briga 3
Esportes 2

Perícias

Condução 2
Segurança 2
Armas Brancas 3

Conhecimentos

Ocultismo 2
Lingüística 2 : Língua Mãe: Inglês , Línguas Adicionais ( Alemão e Espanhol )

Antecedentes:

Recursos: 2
Aliados: 3

Prefeito da Cidade ( nome a cargo do narrador, ou Gordon MacGold )

Médica legista - Amy Kueler

Advogada - Christine Gusner

Virtudes (7)

- Consciência: 2
- Autocontrole: 3
- Coragem: 5

Força de Vontade: 5

Humanidade: 5
Disciplinas:
Potência 1
Rapidez 1


Contatos:
Josef Maxwell, hacker que trabalha na CIA.
Justine Hugeflur, juíza do supremos tribunal de justiça.
Donavan Vanrest, empresário influente do ramo imobiliário.
Murdock “O Cachorrão”, chefe do crime organizado.
Martin Grutcher, senador influente.


PRELÚDIO:
Nascido no ano de 1880 em Buffalo/NY, Henry MacFirson cresceu em uma família de classe média alta tendo uma infância agradável de um típico americano, ao entrar para a universidade em 1896, cursou Arqueologia devido ao seu grande fascínio pelas antigas civilizações. Após Henry acabar seus estudos e sua especialização em mitologia antiga em 1906, ele começou a estudar e pesquisar profundamente fatos da história que o intrigavam, mas que permaneciam difusos para a sociedade, tendo descoberto possíveis relatos sobre seres extraordinários, em 1910 em diferentes cantos do mundo.
Henry a organizou uma expedição para encontrar mais vestígios dessas extraordinárias criaturas, ao encontrar um refúgio secreto em câmaras nos subsolos de Londres, contendo grandes obras de artes e uma vastidão de livros e pergaminhos raros que para os historiadores não passavam de história. Henry teve seu momento de êxtase ao examinar os livros que constavam relatos de momentos da história que fizeram parte os tão temidos vampiros, lobisomens, múmias e muitas outras criaturas.
Diante daquela descoberta Henry pode constatar que tudo que lhe fora ensinado a acreditar era uma mera farsa para iludir as pessoas das sociedades. Em seu vislumbre por todas aquelas obras e escrituras ele não notou que estava sendo observado, ao ouvir palmas e levar um susto ele olhou para trás e se deparou com uma mulher de incrível beleza, ele se sentiu tomado por uma imensa paixão por está adorável e indefesa mulher.
Relutante em fazer qualquer coisa pediu o que estava fazendo em um lugar daqueles uma senhorita e quem ela era. A mulher sem êxito pronunciou com uma voz encantadora apenas um nome, Elizabeth Rodham , após longos segundos a bela mulher o parabenizou por tal proeza já que fazia longos anos desde a ultima visita a seu refúgio por um mortal. Estranhando a maneira que aquela mulher havia o chamado, ainda tomado por uma sensação de êxtase ele notou que ela tinha a pele pálida demais até mesmo para uma européia e que ela já não estava respirando após algum tempo, naquele momento Elizabeth pediu para que ele se sentasse, pois já percebera que ela não iria lhe causar mal algum, Elizabeth começou a contar sua história e a desmistificar as mentiras por trás de toda aquela balburdia contada por alguns historiadores. Após muita conversa, Elizabeth sentiu-se muito atraída por Henry e lhe fez uma irrecusável proposta, para torná-lo um imortal, assim vivendo para apreciar e vivenciar os fatos importantes da humanidade. Ele não teve como recusar tal oferta, e então ainda em 1910 tornou-se um membro diletante do clã Toreador.
Logo após receber o abraço ele começou a participar com maior veracidade nos assuntos do clã, descobrindo que sua senhora fazia parte de um importante grupo de membros cujo o objetivo era aprovar ou desaprovar os planos do príncipe chamado de primigênie . Tendo em mente criar grande status dentre a sociedade vampírica, ele começou a usufruir de seus conhecimentos em arqueologia e dos benefícios da imortalidade. Arrecadando grandes riquezas para conquistar ainda mais rápido seus objetivos. No ano de 1925, já com recursos milionários e com uma vasta linha de contatos e aliados, ele passara pela Gênese tornando-se um vampiro livre dos braços de sua senhora.
Após este acontecimento Henry fica ao lado de Elizabeth como seu aliado, o prestígio de ser cria de Elizabeth e de seu esforço a nome do príncipe, Henry torna-se uma Harpia de renome. Com este novo cargo, ele se mostra mais útil que o esperado pelos outros membros da primigênie, trazendo a tona vários traidores e malditos usurpadores criando uma fama entre os membros. Sendo um competidor ele sempre fazia de tudo para se manter no topo dos olhares do príncipe e da primigênie, já em 1940 ele ainda como Harpia fora convocado para um Elísio tornando-se o representante do príncipe.
Neste mesmo momento as outras Harpias responsáveis para coletar a maior quantidade de informações sobre um membro do clã Seguidores de Set pertencente ao Sabá que a pouco tempo entrara em contato para vender possíveis informações em troca de refúgio e segurança. Provada as informações de grande utilidade para interceptar carregamentos de armas e outros componentes para o Sabá, nem uma informação sobre este membro fora encontrada, adquirindo certo respeito por sua coragem, ele era chamado de Caanésh “ A Víbora ”.
Muito antes de retornar Henry já estava ciente dos acontecimentos, com seu comportamento ranzinza, não concordara em dar exílio a um membro do Sabá. E então por conta própria começaram as ligações para obter tudo que for possível sobre este membro, após muita busca e pesquisa ele descobre o plano do maldito Caanésh, que era se passar por novo aliado mas na verdade manter pleno contato com o Sabá dando informações cruciais com a ajuda de uma Harpia local. Henry faz contato com Elizabeth e lhe informa da situação trágica e pede que organize uma Caçada de Sangue para Caanésh e para Gustav Krueger membro das Harpias. A caçada começa e por alguns dias nada se encontra do paradeiro desses dois malditos traidores, até que um de seus contatos informa ter visto os dois se debandando para um lado das fronteiras da cidade e se encontrar com o Sabá, ele faz contato e espalha a notícia mais rápido que nunca, com seu grupo eles encontram os dois quase conseguindo escapar e um combate começa, Gustav em meio a batalha foi estaqueado por Henry, mas Caanésh usando de força bruta e sua forma de serpente acaba derrotando os outros dois membros do grupo, sobrando apenas os dois, então um diálogo começa:
Henry: Farei você ter uma morte-final bem lenta para que você aprenda a não se meter com fogo, sua maldita víbora.
Caanésh: Você está muito confiante disso, e eu o admiro por conseguir desmascarar meu plano antes de completá-lo. Você prova seu status, mas a partir de agora você será somente lenda.
Então um combate começa entre os dois, após algum tempo de combatendo Henry com vários ferimentos, consegue enfiar uma estaca em Caanésh, neutralizando assim os dois traidores e chamando ajuda para levá-los até a presença do príncipe. Chegando no refúgio do príncipe com Caanésh e Gustav ainda vivos, o príncipe decide dar a chance de praticar o diablerie, mas após recusar ele fala em tom de plena convicção.
Não vou me rebaixar sugando a eternidade desses malditos, está prática ainda é um crime e fazê-la seria uma violação das tradições, das quais sou seguidor. Mas peço e seria grato em estocar o vitæ destes malditos, para sempre lembrar o quão tolo eles foram. E junto com o vitæ dos outros traidores eles irão se juntar. Não tenho dúvidas e que uma fazer com que eles vejam o pôr-do-sol já seja uma boa punição. ( Seguido de risos ).
Então sob tal pronunciamento o príncipe decide aceitar o seu pedido e ele cuida para que Caanésh e Gustav tenham seu fim ao nascer do sol. Nos anos seguintes ele manteve seu alto desempenho como Harpia descobrindo segredos sobre quais quer membros cujo nome ele ouça, para que mais tarde se preciso usá-los em beneficio de manter o perigo longe, em 1965 teve participação ativa em um plano arquitetado pelo príncipe para reforçar as fronteiras dos domínios da Camarilla tendo como principal objetivo recuperar alguns locais que foram tomados pelos Sabá, chamando de “A Faxina”, ele foi de grande ajuda fornecendo informações crucias para que este objetivo fosse completado como a localização de refúgios de membros influentes no Sabá da região, locais de caça e entre outras. Em 1980, ainda na incursão da “Faxina” fora enviado ás fronteiras do México para levar informações sigilosas aos comandantes de campo naquela ação, nas noite em que estava lá, ele presenciou vários ataques aos membros do Sabá.
Passado muitos anos longe de “Casa”, Henry poderia voltar. Em 1986 “A Faxina” fora concluída, retornando com informações sobre modo de organização, fontes de contatos, regimes hierárquicos sobre o Sabá para criar maneiras preventivas de impedir que eles retornem. Nos anos subsequentes até 2001, ele estudou registros sobre possíveis localizações de pergaminhos e livros antigos contendo possível informação sobre a sociedade vampírica entre outras coisas. No período entre 2001 á 2005, ele cuidou de desmembrar grupos de Caçadores de Bruxas, gangues responsáveis por ataques nos territórios perto de refúgios, pontos de caça e locais de Elísio. Já nós últimos anos ele está cuidando de suas finanças, e das investigações solicitadas pelos membros da primigênie e do principado, e sempre tentando ser a melhor Harpia.

_________________
Agradecimento a todos os players que gostam da minha narrativa  cheers clown cheers
Melhor Cronica Oficial  = 2008/2009/2010  - A Mascara de Vênus - Herança do Mal
Prêmio Narrador-Grão-Mestre = Por tempo de Narrativa Storyteller
Prêmio Pilar de Vegas = Por Coordenação da Cidade. 
Narrando no fórum desde 2005
avatar
Beaumont
Administrador
Administrador

Data de inscrição : 06/03/2010
Idade : 29
Localização : Aracaju/SE

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum