Silent Hill (Crônica Livre)

Página 1 de 5 1, 2, 3, 4, 5  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Silent Hill (Crônica Livre)

Mensagem por Mindgame em Seg Jan 30, 2012 4:09 am


OFF = Como foi escolhido pela maioria, narrarei aqui uma crônica baseada em uma repassagem dos jogos do famoso título de horror.
Como já foi abordado, todos interpretarão a si mesmos nessa crônica e deverão enviar suas fichas com uma foto pessoal (obviamente que mostre claramente seu rosto) AQUI MESMO seguindo o seguinte modelo:

Nome:
Natureza:
Comportamento:
Idade:

FOTO

ATRIBUTOS (6 - 4 - 3)

Físicos
- Força: +1
- Destreza: +1
- Vigor: +1

Sociais
- Carisma: +1
- Manipulação: +1
- Aparência: +1

Mentais
- Percepção: +1
- Inteligência: +1
- Raciocínio: +1

HABILIDADES (11 - 7 - 4)

Talentos
- Prontidão:
- Esportes:
- Briga:
- Esquiva:
- Empatia:
- Expressão:
- Intimidação:
- Liderança:
- Manha:
- Lábia:

Perícias
- Empatia c/ Animais:
- Ofícios:
- Condução:
- Etiqueta:
- Armas de Fogo:
- Armas Brancas:
- Performance:
- Segurança:
- Furtividade:
- Sobrevivência:

Conhecimentos
- Acadêmicos:
- Computador:
- Finanças:
- Investigação:
- Direito:
- Lingüística:
- Medicina:
- Ocultismo:
- Política:
- Ciências:

VANTAGENS

Virtudes (7)
- Consciência: +1
- Autocontrole: +1
- Coragem: +1

HUMANIDADE: (Consciência+Autocontrole)
FORÇA DE VONTADE: (Corágem)

PRELÚDIO


A ficha deve ser criada SEM PONTOS BÔNUS, mas se houverem defeitos com os quais você se identifique, pode ganhar esses pontos.
Não haverá XP, mas, de acordo com a interpretação dos jogadores, em alguns momentos concederei (ou removerei) pontos de sua ficha.

Não vou aceitar fichas com mais do que 3 de Coragem. Motivo óbvio: http://vampiros-a-mascara.forum-livre.com/t89-virtudes

Como podem observar eu mantive a Humanidade, será tratado de forma diferente aqui. Vão entender ao longo da crônica.

No Prelúdio apenas respondam a pergunta: “Como eu fui parar em Silent Hill no fim deste ano?”
Dica do narrador: Antes de postarem suas fichas, olhem o prelúdio de quem já postou e digam se pode haver uma ligação em seu prelúdio. Agrupem-se e suas chances de sobrevivência passarão de 0% para 1%!


Vou estipular 7 como máximo de vagas, mas esse número pode aumentar.
Aguardo vossas fichas aqui! Bem vindos à crônica!

Obs.: Não peçam vaga por MP, as vagas são garantidas apenas através da postagem da ficha completa e coerente as regras citadas AQUI!
A crônica termina quando o último jogador conseguir fugir da cidade ou morrer permanentemente (entenderão ao longo da crônica).
= ON


========== Silent Hill ==========

Silent Hill é uma cidade isolada que fica ao lado do Lago Toluca, num estado dos Estados Unidos que, como em muitas cidades pequenas de histórias de terror e filmes, é permeada por um antigo mal demoníaco e tem criaturas rondando as ruas e os prédios, que só podem ser vistos por pessoas "especiais".

“Toda cidade tem seus segredos. Alguns são apenas mais nefastos do que outros.”

A localização exata da cidade de Silent Hill é complexa. É pequena, segmentada, envolta em névoa, uma intensa e eterna chuva de cinzas devido ao incêndio de uma mina de carvão no subsolo da cidade. Cercada por grandes montanhas e flanqueada por um lago. Pode estar localizada no norte da Nova Inglaterra, possivelmente no estado de Maine (cenário de muitos dos livros de terror de Stephen King). É certo, porém, que Silent Hill esta situada no meio do nada, uma cidade turística e de passeio.

A origem de Silent Hill data do século XVII. Antes da chegada dos colonizadores ingleses a área era um lugar sagrado, aonde os nativos indígenas americanos conduziam rituais religiosos e referenciavam o lugar como "O local dos espíritos silenciados". Por volta de 1600, começa a colonização dos EUA, mas só em meados de 1607 os colonos ocupam o território de Silent Hill. No começo do século XVIII, acontece uma terrível epidemia na cidade e os habitantes a abandonam. Nesse século, os EUA declaram independência e George Washington é eleito o primeiro presidente.

Quando estoura a Guerra de 1812, a cidade é repovoada como uma colônia de prisão, então a Prisão Silent Hill é construída e só então a cidade recebe o nome de Silent Hill. Muitas pessoas morreram nessa terra e por causa dos pensamentos e sentimentos dos prisioneiros, a energia original da cidade foi gradualmente aumentada e distorcida.
Uma nova epidemia ocorre e o Hospital Brookhaven é construído para contê-la. Em 1830, começa a remoção forçada dos índios nativos. Por volta de 1840, a Prisão Silent Hill é fechada e, sobre esse terreno, é construído a Sociedade Histórica de Silent Hill, que reúne documentos e obras de artes da origem da cidade. Em torno de 1850, é descoberto uma mina de carvão, posteriormente chamada de Wiltse, revitalizando a cidade.

Em 1861, começa a Guerra Civil Americana (Guerra de Secessão), Patrick Chester (que é homenageado com uma estátua no Lago), participa na guerra junto com seu filho. Em 1862 o campo de prisão Toluca foi construído para prisioneiros de guerra. Entre 1865 e 1866 é o ponto máximo da Guerra Civil e o Campo de prisão é transformado na Prisão Toluca. Em torno de 1890 nos EUA, a resistência dos nativos americanos termina e em Silent Hill, pessoas começam a desaparecer. No começo do Século XX a Prisão Toluca fecha e a mina de carvão Wiltse pega fogo e com isso, Silent Hill se torna uma cidade turística, em decadência.

Em Novembro de 1918, num dia nublado, um barco chamado Pequena Baronesa desaparece no lago e, desde então, nunca mais se teve pistas, nem da embarcação, nem dos catorze tripulantes e turistas. A partir de 1939, estranhos incidentes ocorreram no Lago Toluca e algumas pessoas diziam ver mãos esqueléticas saindo da água para tentar agarrar os barcos que passavam e depois voltando para o fundo do lago. Durante uma data desconhecida, o prefeito de Silent Hill morre de repente e os integrantes da equipe de desenvolvimento turístico da cidade morrem um a um de acidente.


avatar
Mindgame

Data de inscrição : 19/01/2011
Idade : 31
Localização : São Paulo, SP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Silent Hill (Crônica Livre)

Mensagem por giulio em Seg Jan 30, 2012 1:52 pm

Nome:Michael(Vulgo=Mike)
Natureza:Visionário
Comportamento:fanático
Idade:21

ATRIBUTOS (6 - 4 - 3)

Físicos
- Força: +1
- Destreza: +1+1=2
- Vigor: +1+2=3

Sociais
- Carisma: +1+2=3
- Manipulação: +1+1=2
- Aparência: +1+1=2

Mentais
- Percepção: +1+3=4(Atento)
- Inteligência: +1+2=3
- Raciocínio: +1+1=2

HABILIDADES (11 - 7 - 4)

Talentos(7)
- Prontidão:3
- Esportes:1
- Briga:1
- Esquiva:2
- Empatia:
- Expressão:
- Intimidação:
- Liderança:
- Manha:
- Lábia:

Perícias(11)
- Empatia c/ Animais:
- Ofícios:2
- Condução:2
- Etiqueta:
- Armas de Fogo:1
- Armas Brancas:1
- Performance:3
- Segurança:
- Furtividade:2
- Sobrevivência:

Conhecimentos(4)
- Acadêmicos:
- Computador:1
- Finanças:
- Investigação:2
- Direito:
- Lingüística:
- Medicina:
- Ocultismo:1
- Política:
- Ciências:

VANTAGENS

Virtudes (7)
- Consciência: +1+2=3
- Autocontrole: +1+3=4
- Coragem: +1+2=3

HUMANIDADE:7
FORÇA DE VONTADE:3


Preludio.
No final do Ensino Medio mike conheceu uns amigos e começou a jogar RPG(Storyteller),tomou gosto por aquilo que aprendera com os jogos sobre o sobrenatural e começou a ler livros sobre esse assunto,aos 18 começou tocar bateria,e consecutivamente arranjou uma banda junto com seus antigos primos,eles começaram a tocar apenas em pequenos eventos do próprio bairro,assim que completou 21 anos seu primo Josh(Vocalista da banda)recebeu uma ligação,na verdade um contrato para que fossem tocar em Silent Hill,o empresário disse ter visto o video da banda em um site de videos(YouTube)e disse que gostou da banda,assim eles ficaram animado com a proposta e foram para Silent Hill no final desse ano.Realmente tocaram em alguns eventos e agora esperam a oportunidade certa para crescerem no mundo do rock.


Última edição por Giulio em Seg Jan 30, 2012 3:22 pm, editado 4 vez(es) (Razão : Correção)
avatar
giulio

Data de inscrição : 24/11/2011
Idade : 27
Localização : PB-JP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Silent Hill (Crônica Livre)

Mensagem por Yumiko em Seg Jan 30, 2012 2:46 pm

Nome: Máira Sayuri Iida
Natureza: Confidente
Comportamento: Persistente
Idade: 22 anos




ATRIBUTOS (6 - 4 - 3)

Físicos = 3
- Força: 1+1
- Destreza: 1+1
- Vigor: 1+1

Sociais = 4
- Carisma: 2+1
- Manipulação: 1+1
- Aparência: 1+1

Mentais = 6
- Percepção: 2+1
- Inteligência: 2+1
- Raciocínio: 2+1

HABILIDADES (11 - 7 - 4)

Talentos = 7
- Prontidão: 3
- Esportes: 1
- Briga:
- Esquiva: 1
- Empatia: 2
- Expressão:
- Intimidação:
- Liderança:
- Manha:
- Lábia:

Perícias = 11
- Empatia c/ Animais: 2
- Ofícios: 1
- Condução: 2
- Etiqueta: 2
- Armas de Fogo: 1
- Armas Brancas: 1
- Performance:
- Segurança:
- Furtividade: 1
- Sobrevivência: 1

Conhecimentos = 4
- Acadêmicos: 1
- Computador: 2
- Finanças:
- Investigação:
- Direito:
- Lingüística: 1
- Medicina:
- Ocultismo:
- Política:
- Ciências: 1

VANTAGENS

Virtudes (7)
- Consciência: 3 +1
- Autocontrole: 3+1
- Coragem: 1+1

HUMANIDADE: 8
FORÇA DE VONTADE: 3

QUALIDADES E DEFEITOS
-Estatura Baixa (+1)
-Deficiência Visual (+1)
-Sono Pesado (+1)

PRELÚDIO

Há pouco mais de 7 meses, uma antiga colega de trabalho estava planejando fazer uma viagem de turismo nos EUA, e me convidou para ir junto. Como ela fazia parte de um clube que garante descontos em viagens e o preço não ficaria muito alto, aceitei o convite. A viagem duraria 1 mês, e partimos na metade da primeira quinzena de dezembro. Após algumas semanas de permanência lá, eu ouvi as lendas e boatos vindos de uma cidade envolta em cinzas devido à queima de uma mina de carvão subterrânea. Como sempre gostei de visitar esse tipo de lugar, resolvi ir até lá, combinando com minha colega de nos encontrarmos no aeroporto no dia que iríamos voltar para o Brasil. Comprei uma passagem para chegar a Maine e aluguei um carro para chegar até a cidade.


Última edição por Yumiko em Seg Jan 30, 2012 5:52 pm, editado 1 vez(es)
avatar
Yumiko

Data de inscrição : 02/03/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Silent Hill (Crônica Livre)

Mensagem por Mindgame em Seg Jan 30, 2012 5:34 pm

te[color=darkred]OFF = Michael, falta foto.
Maira, vc ganhou 3 pontos com defeitos, gastou apenas dois para comprar uma habilidade. Pode gastar o último em Virtudes, Humanidade ou Força de Vontade. = ON

avatar
Mindgame

Data de inscrição : 19/01/2011
Idade : 31
Localização : São Paulo, SP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Silent Hill (Crônica Livre)

Mensagem por Yumiko em Seg Jan 30, 2012 5:54 pm

Corrigido
avatar
Yumiko

Data de inscrição : 02/03/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Silent Hill (Crônica Livre)

Mensagem por giulio em Seg Jan 30, 2012 6:10 pm

o mind o problema é que eu não sei colocar foto como o pj ai de cima fez...se vc puder colocar pra eu mando pra ti
avatar
giulio

Data de inscrição : 24/11/2011
Idade : 27
Localização : PB-JP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Silent Hill (Crônica Livre)

Mensagem por giulio em Seg Jan 30, 2012 6:21 pm

A foto que eu quero usar é essa ai do avatar no meu perfil,que eu estou de chapeu para tras e a baqueta na mao
avatar
giulio

Data de inscrição : 24/11/2011
Idade : 27
Localização : PB-JP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Silent Hill (Crônica Livre)

Mensagem por Mindgame em Seg Jan 30, 2012 6:45 pm

Faça assim Giulio:
[ Center][ img] link da imagem [/ img][/ Center]
avatar
Mindgame

Data de inscrição : 19/01/2011
Idade : 31
Localização : São Paulo, SP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Silent Hill (Crônica Livre)

Mensagem por giulio em Ter Jan 31, 2012 8:08 pm

Nome:Mike
Natureza:Visionário
Comportamento:fanático
Idade:21




ATRIBUTOS (6 - 4 - 3)

Físicos
- Força: +1
- Destreza: +1+1=2
- Vigor: +1+2=3

Sociais
- Carisma: +1+2=3
- Manipulação: +1+1=2
- Aparência: +1+1=2

Mentais
- Percepção: +1+3=4(Atento)
- Inteligência: +1+2=3
- Raciocínio: +1+1=2

HABILIDADES (11 - 7 - 4)

Talentos(7)
- Prontidão:3
- Esportes:1
- Briga:1
- Esquiva:2
- Empatia:
- Expressão:
- Intimidação:
- Liderança:
- Manha:
- Lábia:

Perícias(11)
- Empatia c/ Animais:
- Ofícios:2
- Condução:2
- Etiqueta:
- Armas de Fogo:1
- Armas Brancas:1
- Performance:3
- Segurança:
- Furtividade:2
- Sobrevivência:

Conhecimentos(4)
- Acadêmicos:
- Computador:1
- Finanças:
- Investigação:2
- Direito:
- Lingüística:
- Medicina:
- Ocultismo:1
- Política:
- Ciências:

VANTAGENS

Virtudes (7)
- Consciência: +1+2=3
- Autocontrole: +1+3=4
- Coragem: +1+2=3

HUMANIDADE:7
FORÇA DE VONTADE:3+3(Pnt Bonus)=6


QUALIDADES E DEFEITOS
Tique-nervoso +1 (tocar suas baquetas)
Fobia +2 (Altura)


Preludio.
No final do Ensino Medio Mike conheceu uns amigos e começou a jogar RPG(Storyteller),tomou gosto por aquilo que aprendera com os jogos sobre o sobrenatural e começou a ler livros sobre esse assunto,aos 18 começou tocar bateria,e consecutivamente arranjou uma banda junto com seus antigos primos,eles começaram a tocar apenas em pequenos eventos do próprio bairro,assim que completou 21 anos seu primo Josh(Vocalista da banda)recebeu uma ligação,na verdade um contrato para que fossem tocar em Silent Hill,o empresário disse ter visto o video da banda em um site de videos(YouTube)e disse que gostou da banda,assim eles ficaram animado com a proposta e foram para Silent Hill no final desse ano.Realmente tocaram em alguns eventos e agora esperam a oportunidade certa para crescerem no mundo do rock.


Última edição por Giulio em Qua Fev 01, 2012 8:15 am, editado 4 vez(es) (Razão : coorecao)
avatar
giulio

Data de inscrição : 24/11/2011
Idade : 27
Localização : PB-JP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Silent Hill (Crônica Livre)

Mensagem por Mindgame em Ter Jan 31, 2012 10:36 pm

Giulio, o personagem tem que ser você mesmo. Qual seu nome afinal?
avatar
Mindgame

Data de inscrição : 19/01/2011
Idade : 31
Localização : São Paulo, SP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Silent Hill (Crônica Livre)

Mensagem por Lucius em Qua Fev 01, 2012 1:15 am

Nome: Lucius
Natureza: Visionário
Comportamento: Rebelde
Idade: 23

Imagem
Spoiler:


ATRIBUTOS (6 - 4 - 3)

Físicos

- Força: • • •---3

- Destreza: • • •---3

- Vigor: • • •---3

Sociais

- Carisma: • • •---3

- Manipulação: • • ---2

- Aparência: • • ---2

Mentais

- Percepção: • • ---2

- Inteligência: • • ---2

- Raciocínio: • • ---2

HABILIDADES (11 - 7 - 4)

Talentos

- Prontidão: ---1

- Esportes: • • ---2

- Briga: • • ---2

- Esquiva: ---1

- Empatia: ---1

- Expressão: ---1

- Intimidação: • • ---2

- Liderança: ---1

- Manha:

- Lábia:

Perícias

- Empatia c/ Animais:

- Ofícios:

- Condução: ---1

- Etiqueta:

- Armas de Fogo: ---1

- Armas Brancas: • • ---2

- Performance:

- Segurança: ---1

- Furtividade: ---1

- Sobrevivência: ---1

Conhecimentos

- Acadêmicos:

- Computador: • • ---2

- Finanças:

- Investigação: ---1

- Direito:

- Lingüística:

- Medicina:

- Ocultismo: ---1

- Política:

- Ciências:

VANTAGENS

Virtudes (7)

- Consciência: •••• ---4

- Autocontrole: ••• ---3

- Coragem: ••• ---3

HUMANIDADE: • • • • • • • ---7

FORÇA DE VONTADE: ••• ---3

Qualidades e Defeitos

Defeito - (2) Fobia (Morcegos e Altura acima de 3 metros)

Qualidade - (1) Sentido Aguçado (Audição)

Qualidade - (1) Ambidestro


PRELÚDIO

A alguns anos Lucius estava planejando realizar uma viagem para conhecer as belezas dos EUA, ele havia planejado a ir a NY, LA e outros pontos turísticos nos EUA. Após alguns meses juntando dinheiro para sua viagem ele descobriu um local que lhe intrigou, Silent Hill ele nunca havia ouvido falar neste local, porem ficou curioso por causa de suas lendas. O local para o acesso de Silent Hill era desconhecido por assim dizer, então ele começou a pesquisar em mapas e Web Sites famosos o ponto no mapa que fazia o desvio para Silent Hill, após muitas pesquisas ele acha que encontrara o ponto certo que ha um desvio, e agora ira partir para os EUA direto para Silent Hill.


Última edição por Lucius em Qua Fev 01, 2012 5:15 pm, editado 2 vez(es)
avatar
Lucius

Data de inscrição : 04/07/2011
Idade : 21
Localização : São Paulo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Silent Hill (Crônica Livre)

Mensagem por Mindgame em Qua Fev 01, 2012 3:11 am

Lucius, você não é o Jensen Ackles...
Leia a descrição!
avatar
Mindgame

Data de inscrição : 19/01/2011
Idade : 31
Localização : São Paulo, SP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Silent Hill (Crônica Livre)

Mensagem por Yumiko em Qua Fev 01, 2012 11:14 am

Lucius, você também não é o Sid Vicious... Na descrição está bem explícito que é para ser usado uma foto pessoal, já que nessa crônica interpretaremos a nós mesmos!
avatar
Yumiko

Data de inscrição : 02/03/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Silent Hill (Crônica Livre)

Mensagem por Lucius em Qua Fev 01, 2012 5:12 pm

Desculpe não havia entendido...

=S

Malz
avatar
Lucius

Data de inscrição : 04/07/2011
Idade : 21
Localização : São Paulo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Silent Hill (Crônica Livre)

Mensagem por Mindgame em Qua Fev 01, 2012 9:31 pm

Começarei a narrar após pelo menos 4 jogadores preencherem vagas corretamente.

Att.
avatar
Mindgame

Data de inscrição : 19/01/2011
Idade : 31
Localização : São Paulo, SP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Silent Hill (Crônica Livre)

Mensagem por Eros Crispar em Qui Fev 02, 2012 1:12 am

Nome:Thales Henrique
Natureza: Excêntrico
Comportamento: Perfeccionista
Idade:18
DizXiz:

ATRIBUTOS (6 - 4 - 3)

Físicos(3)
- Força:
- Destreza: ••
- Vigor:

Sociais(4)
- Carisma:
- Manipulação:
- Aparência: ••• [estiloso]

Mentais(6)
- Percepção: ••• [atento]
- Inteligência: ••
- Raciocínio:

HABILIDADES (11 - 7 - 4)

Talentos(4)
- Prontidão:
- Esportes:
- Briga:
- Esquiva:
- Empatia:
- Expressão:
- Intimidação:
- Liderança:
- Manha:
- Lábia:

Perícias(7)
- Empatia c/ Animais:
- Ofícios:
- Condução:
- Etiqueta:
- Armas de Fogo:
- Armas Brancas: ••
- Performance:
- Segurança:
- Furtividade:
- Sobrevivência:

Conhecimentos(11)
- Acadêmicos: ••
- Computador:
- Finanças:
- Investigação: •••
- Direito:
- Lingüística: [português,inglês]
- Medicina:
- Ocultismo: •••
- Política:
- Ciências:

VANTAGENS

Virtudes (7)
- Consciência:
- Autocontrole: ••••
- Coragem: ••

HUMANIDADE: 7
FORÇA DE VONTADE: 3 +2[pontos de desvantagens]

VANTAGENS E DESVANTAGENS
Deficiência Visual (+1 pontos)[MÍOPE]
Timidez (+1 ponto)

PRELÚDIO
Desde novo o jovem sempre foi bastante estranho, nunca gostou de brincar com os primos, preferindo ficar em casa jogando vídeo games. Até que conheceu o RPG, o jovem tinha sete anos quando conheceu o jogo e desde então se viciou. O jovem foi crescendo e se refugiando em seu mundinho, de computador e revistas em quadrinhos. Nunca foi religioso, muito pelo contrario, já chegou a ler o livro de são Cipriano e tudo.
Em seus vícios pela net conheceu um fórum e a partir dele fez diversas amizades. Nessa inclui Nikki,uma de suas Best friends. Thales então decidiu viajar com Nikki até uma cidadezinha chamada Silent Hill, pois o jovem sempre curtiu histórias de cidades como essa. Com sua primeira oportunidade de viajar para fora do país, ele decidiu que esta sería a sua primeira.


Última edição por Thanatoth Germanotta em Qui Fev 02, 2012 2:36 am, editado 3 vez(es)
avatar
Eros Crispar

Data de inscrição : 10/01/2011
Idade : 23

http://silentscreamout.blogspot.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Silent Hill (Crônica Livre)

Mensagem por Blume em Qui Fev 02, 2012 1:45 am

Nome: Nikki
Natureza: Criança
Comportamento: Ranzinza
Idade: 20

Spoiler:

ATRIBUTOS (6 - 4 - 3)

Físicos (3)
- Força: 1+1
- Destreza: 1+1
- Vigor: 1+1

Sociais (6)
- Carisma: 1+1
- Manipulação: 3+1 (Convincente)
- Aparência: 2+1

Mentais (4)
- Percepção: 2+1
- Inteligência: 1+1
- Raciocínio: 1+1

HABILIDADES (11 - 7 - 4)

Talentos
- Prontidão: 2
- Esportes: 1
- Briga: 1
- Esquiva: 1
- Empatia:
- Expressão:
- Intimidação:
- Liderança:
- Manha:
- Lábia: 2

Perícias
- Empatia c/ Animais:
- Ofícios:
- Condução: 1
- Etiqueta:
- Armas de Fogo: 1
- Armas Brancas: 1
- Performance:
- Segurança: 2
- Furtividade: 3
- Sobrevivência: 3

Conhecimentos
- Acadêmicos:
- Computador:
- Finanças:
- Investigação: 2
- Direito:
- Lingüística: 1 (inglês)
- Medicina:
- Ocultismo: 1
- Política:
- Ciências:

Virtudes (7)
- Consciência: 1+1
- Autocontrole: 4+1
- Coragem: 2+1

DEFEITOS

Iludido (2 pontos)
Você se garante no que se refere ao sobrenatural. Ou ao menos acredita hnisso. A maioria do que você acha que sabe está absurdamente errado. Quando você descobrir, por exemplo, que balas de prata na verdade não matam vampiros (assumindo que você sobreviva à experiência), você é inclinado a assumir que tinha algo estranho naquele vampiro em particular, não que o seu "conhecimento" estava errado.
(Vampiro, a Máscara; Guia do Jogador 3ª ed, pág. 28)

HUMANIDADE: 7
FORÇA DE VONTADE: 3 (+2) = 5

PRELÚDIO

-Você tem medo, não é? – ria enquanto chacoalhava o mapa diante dos olhos de Thales. – Sério, o que você pretende encontrar lá? É uma cidadezinha caída no meio do nada! Não quero desperdiçar minhas férias nesse fim de mundo, deve ser tão chata que aposto que todos morreram de tédio!

- Entediante? Aconteceram coisas estranhas! Podem ser fantasmas! – respondeu com uma careta boba. – Se não tiver nada pelo menos poderemos agitar a cidade.

-Agitar os fantasmas só se for ...

Assim, à contra gosto, preparei minhas malas, só para descobrir que havia de fato subestimado os atrativos de uma cidadezinha no meio do nada.
avatar
Blume

Data de inscrição : 24/03/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Silent Hill (Crônica Livre)

Mensagem por Nego Milton em Sex Fev 03, 2012 2:21 am

Nome: milton ferreira dos santos junior
Natureza: curioso/ esperto (ou pelo menos é o que eu acho)
Comportamento:malando caçador de emocoes sobrevivente
Idade:24

FOTO
[img] [/img]


ATRIBUTOS (6 - 4 - 3)

Físicos
- Força: +1+2
- Destreza: +1+3
- Vigor: +1+1

Sociais
- Carisma: +1
- Manipulação: +1+3
- Aparência: +1

Mentais
- Percepção: +1+4
- Inteligência: +1+1
- Raciocínio: +1+1

HABILIDADES (11 - 7 - 4)

Talentos
- Prontidão:2
- Esportes:2
- Briga:
- Esquiva:3
- Empatia:3
- Expressão:
- Intimidação:
- Liderança:
- Manha:
- Lábia:1

Perícias
- Empatia c/ Animais:
- Ofícios:
- Condução:
- Etiqueta:
- Armas de Fogo:3
- Armas Brancas:
- Performance:
- Segurança:
- Furtividade:2
- Sobrevivência:2

Conhecimentos
- Acadêmicos:
- Computador:
- Finanças:
- Investigação:1
- Direito:
- Lingüística:
- Medicina:1
- Ocultismo:2
- Política:
- Ciências:

VANTAGENS

Virtudes (7)
- Consciência: +1+2
- Autocontrole: +1+3
- Coragem: +1+2

HUMANIDADE: (Consciência+Autocontrole)


minha humanidade estaria no 4 acho que seria mais legal kkkkk isso pelo que me falam
7

FORÇA DE VONTADE: (Corágem)


3


qualidades e defeito

fobia moderada-de altura
fobia forte quase extrema -de aranha( cara é bem estranho issa, tenho medo ate da teia no geral,mas não é tao incomum eu me controlar quando veja a maldita, e quando eu me controlo amenos que minha vida esteja em jogo direto, eu tenho que matar de filha de uma put****)
sono leve- ( quando chama meu nome ou quando durmo preocupado em algo)
temperamento calmo
Habilidade Oracular- (3 pontos)(tenho uns tiques do tipo , e estou andando e algo tipo fala vai por ali, na maioria da vezes nao é nada, mas coisas assim ja me aconteceram- ja achei videogames e terrenos vazios[um super e um dainavision, na época eu usei muitooooooo ]50 dólares em um contêiner de lixo, saiu no pinga fogo-um jonal daki- que um mulher Havia jogado sem saber 10mildolares na dita caçamba do prédio dela sem saber dentro de uma caixa de sapatos com gravatas velhas- tenho duas destas gravatas ainda, acho muito dinheiro assim, mas isso quando estou necessitado,tenho um iphone um nokia E71, um relógio montblank e também tenho muitos de-javu )
vicio -me vicio muito rápido em tudo o que gosto de fazer ai me saturo daquilo e abandono pois perde a graça, nunca usei nem uma droga ilícita e não fumo, nao gosto de bebida alcoólica, mas so nao bebo de jeito nem um cerveja
tique nervoso, - nao sempre ma tenho o costume depende do lugar e situação, jogar o braço direito para frente e fazer um negocio meio que um giro para estralar o ombro, dar socos no ar, e com os polegares fazer um risco nas costas e peito como se fosse uma faca, uso muito o ta ligado e o fraga
Escarificado -muitas cicatrizes mesmo adoro elas ( le lembro que ma aula de expressão corporal, quando tivemos que visualizar e estudar cada parte do corpo o parceiro a mina que esta comigo so falou da minhas cicatrizes kkkkkkkkkk
dificuldade de fala ( quando tento falar muito rápido ou estou afoito para falar algo travo feio, e tambem quando estou virando a noite jogando rpg da umas meio que crise de gageira geralmente depois de 5 da manha
vingativo,-nao importa quem seja menos minha mae, mei pai e meus amigo ( aliso/ page e Leandro/nego Le meus únicos amigos, o resto é so conhecido ou colegas para mim tem muita diferença)se fizer algo contra mim vai voltar e da forma que eu achar que esta bom que pagou
Divida de gratidão - se eu achar que vc me ajudou de verdade ou que eu estou em divida com a pessoa vou ajudala mesmo que ela nao saiba e a meu jeito ate eu achar que eu paguei


PRELÚDIO
Aos 9 a escola me obrigou a iniciar um acompanhamento de psicólogo( histórico de agressões graves segundo eles sem justificativa e não socialização com o resto da sala - os achava um lixo indigno menos as mina mas elas tinham medo de mim ¬¬ )ate os 13 evolui do psicólogo para o psiquiatra mas parei de ir pois nos mudamos para outra cidade meu pai sofreu um acidente e foi afastado da policia ( 3 meses de como), tenho contato com armas de fogo desde que me entendo por gente, quando meu pai estava de serviço na rio santos ia junto com ele, onde a prendi a atirar e caçar.
Já em Maringá levei um solva daquela de perde o rumo e mudei meu modo de ver o mundo, devo fazer o que tenho vontade mas que cause o menor dano possível para mim ou que o dano que me causa me seja suportável, entra outras coisas, aprendi que o melhor e falar a verdade de forma que os que escutam pensem que é uma mentira, assim para todos os efeito vc falou a verdade mas foi a burrise dele que fez ele pensar outra coisa ,XD
Kkkk na primeira vez que fiz meu terceirao tirei a maior nota da escola no Enem(82) e não passai de ano, não terminei o ensino médio ainda mas conseguiu fazer um ano de artes cênicas (artigo 208 da CF/88 que - assim como os artigo 54 do ECA (lei 8.069/90) e 4º da Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (lei 9.394/96)desisti fazia so por causa da minha mina e para aprender como enganar os outros e interpretar papeis no dia a dia de uma forma melhor(o importante não é não deixar a mascara cair e sim saber o momento em que vc pode deixar ele cair e so derubala quando vc puder)
Fiz meu serviço militar onde aprendia algumas coisas mais sobre armas e arte de guerra, etc e taus....
Por influencia do meu tio conheci a gnose e hoje estou na segunda câmera de conhecimento tenho uma pequena biblioteca de livros, de filosofia, religião, física, fisica quântica para leigos, e bibliografias e trascrisao de antigos sábios.
Por causa do desenho yu-gi-oh encontrei uma loja na cidade especializada em mangas, card games, RPGs , e comecei a jogar Magic , depois de 2 anos jogando no meu primeiro torneio regional classificatório para o brasileiro de Magic fiz top 16 e dropei pois tinha que ir trabalhar, duas semanas depois fiz top 8 e concedi para um colega e dividimos a premiação, foi na loja que conheci o universo dos RPGs e me iniciei, sou um viciado no universo oculto e o RPG me permite explorala e uma forma sadia e não lunática( será mesmo?) , e na ancia por jogar acabei encontrando o fórum de vampiros onde acabei por conhecer o thana-thales e o blume -nikki , não os conheço muito bem e muito menos o nikki, so acho que o thana e legal e homesexual, mas desde que ele não me deseje ta de boa , fiquei sabendo e ele iriam para uma cidade chamada silent-hill e como a avia ouvido falar sobre ele e que coisas estranhas acontecem por la, pensei em me juntar a ele, como agora estou com um horário de trabalho bem flexisivel e que me rede um dinheiro legal, trabalhando como cobrador com meu pai, escolhi por me dar estas férias

avatar
Nego Milton

Data de inscrição : 10/03/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Silent Hill (Crônica Livre)

Mensagem por Mindgame em Sex Fev 03, 2012 6:56 am

OFF = Vou adiantar, mas acrescentem seus sobrenomes (Usem seus nomes reais sem medo) e não interpretem em terceira pessoa, serão vocês mesmos no cenário.
Saulo, vou considerar a sua foto do avatar e não a do Rob Bourdon... ¬¬
Vamos lá gente, os poucos pré-requisitos que pedi não são tão difíceis assim... G_G = ON


========== Grupo ==========


Milton é o primeiro a acordar. Está de mau jeito no banco de trás do carro de Nikki e logo percebe que não pode se mover ou o carro despencará em um abismo.

Os demais acordam dentro de minutos. Michael, Maira, Lúcius e Nikki estão debruçados sobre o volante de seus carros enquanto Thales está junto a Milton, também de mau jeito no veículo de Nikki.
Apesar da neblina espessa, parece que acabou de amanhecer, mas não foi a mudança na luminosidade e nem o frio intenso que castiga o local que os acordou. Todos podem ouvir gritos femininos agonizantes ao longe, na mesma direção de um som mecânico, semelhante a um motor silencioso.
Os gritos são familiares, mas nenhum de vocês o reconhece. Milton ouviu a garota gritar e chorar, expressando um terror que vai se tornando cada vez mais insuportável, por mais de dez minutos até que os demais acordam e, após uma engasgada, os sons do motor e dos gritos cessam com um ruído brusco de madeira sendo partida.


Todos demoram um pouco para se recompor e entender o que está acontecendo. Aparentemente permaneceram desmaiados por toda a noite em seus carros, sem que ninguém na cidade tivesse notado o que acontecera. Apesar da cena fazer jus a um grande e barulhento acidente, as casas que os faróis iluminam através da névoa não revelam nenhuma movimentação.

Quando Nikki se movimenta, o carro range e se inclina levemente para frente. Todos ali dentro percebem que estão sobre uma fenda no concreto de mais de 10m de extensão cujo fundo não conseguem ver, mesmo com o farol estando aceso.
Ninguém se lembra ao certo como foi o engavetamento, mas, apesar de todos estarem doloridos, o sangue no pára-brisa não é de ninguém ali.

O carro de Lúcius está batido em um poste e com a traseira erguida, logo ao lado do veículo dos três. Dalí, literalmente debruçado sobre o volante e com as pernas presas nas ferragens, ele não tem visão do fundo da grande fenda, mas pode ver que qualquer movimento brusco pode derrubar o carro.

Michael está com seu veículo engavetado abaixo da traseira do carro de Lúcius e nota que está pingando gasolina sobre seu capô enquanto o veículo de Maira está batido separadamente dos demais, ao lado de um quinto veículo. O quinto carro é um furgão e ambos estão aparentemente mais “inteiros” do que os demais, apenas com seus capôs arrancados e todas as portas abertas.

Os demais tripulantes dos carros de Maira e de Michael não estão mais ali, o que os deixa um pouco perturbados ao notarem marcas de sangue no asfalto, como se arrastassem um corpo para fora do local. Não se pode ver o destino das marcas de sangue em função da neblina, mas elas deixam claro que a vítima se debatia enquanto era arrastada.

cena:

Rosa = Carro de Nikki +Thales +Milton
Vermelho = Carro de Lúcius
Azul = Carro de Michael
Verde = Furgão desconhecido
Roxo = Carro de Maira

OFF = Descrevam seus veículos e sutilmente o que carregam neles. Todos levaram roupas e suprimentos para 3 dias. Fora isso rolarei paradas de dados de Inteligência + Sobrevivência para algo mais específico.
Maira, Milton, Thales e Nikki possuem uma lanterna cada um.
Lúcius, Thales e Nikki possuem um canivete cada um.
Michael e Maira possuem um walk talk cada um, que usavam para se comunicar com seus colegas em longas distâncias.

Obs.: Se o Thales viajava no banco ao lado de Nikki, sua movimentação também afetará o carro. = ON
avatar
Mindgame

Data de inscrição : 19/01/2011
Idade : 31
Localização : São Paulo, SP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Silent Hill (Crônica Livre)

Mensagem por Nego Milton em Sex Fev 03, 2012 4:33 pm

E medida que eu vou acordando tento saber o que esta acontecendo a minha volta, mas tudo e nublado a única coisa que realmente presto atenção e no abismo que estou prestes a cair, o conhecimento que tem é o que o faz se controlar, eu mesmo sem sentir dor aparente, me toco suavemente procurando ferimentos e solto o sinto de segurança para me dar liberdade
-ufa!!! (Sussurro)
(-caralho !!!!mas que merda é essa? É melhor eu sair logo daqui antes um deles acorde e caiamos todos depois eu tento ajudar )
Pego minha mochila que esta entre meus pés, destranco a porta a abro vagarosamente para fazer o mínimo de ruído, e assim que possível salto do veiculo fazendo um rolamento, olho em volta levanto-me e vou ate o pára-choque trazeiro , faço presao no porta malas e chamo pelo resto do grupo, falo para ele saírem mas que saiam os da frente primeiro ....

(-itens- mochila olímpicos olk,um par de tênis, calça Jens, camisa preta , regata preta, blusa de frio,um kit de ferramentas de bike,uma câmera de ar, um bomba de encher pneus, 2 cabos de aço de freio de bike, um alicate, chaves de casão chaveiro é um mosquetão de alpinismo de aço ou ferro, dois celulares, carregadores, um monte de dados D20, algumas bolinhas de gude e esferas de aço, canetas, )
-tens que eu poderia ate levar, um facão, canivete, corda, rede de dormir, roupa camuflada e arma par de luvas.
avatar
Nego Milton

Data de inscrição : 10/03/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Silent Hill (Crônica Livre)

Mensagem por Yumiko em Sex Fev 03, 2012 6:08 pm

OFF= Veículo:

Itens:
*Mochila de viagem
*Celular
*Mapa das estradas da região
*Lanterna
*Walk Talk
*Roupas e comida
*Caixa de ferramentas básicas
*Pasta com folhas em branco e lápis
*Câmera Digital
=ON

Eu levanto a cabeça, o som dos gritos ainda ecoam em minha mente, e sinto meu coração levemente acelerado. Eu estava tendo um pesadelo? Ajeito meu óculos e olho para fora, vendo o lugar enevoado, deserto, apenas com alguns carros batidos. Mas onde eu estou?!
Saio do carro para ver melhor ao redor. Vejo a trilha de sangue próximo ao meu carro, segurando a boca para não vomitar.
Isso é sangue?! Então não foi um sonho!!!
Corro de volta para o meu carro e pego meu celular, tentando ligar para a ermegência.
Houve um acidente em Silent Hill, envie ajuda!!!
OFF= Se o celular estiver sem sinal, se segue a cena =ON
Merda!Ando um pouco mais pra frente, observando carro por carro à procura de algum sinal de vida. Olho primeiro o furgão, logo passando para o carro de Michael e Lúcius. Observo que há pessoas dentro dos carros, e que há um vazamento de gasolina, logo imaginando que isso poderia resultar em uma catástrofe maior ainda. Bato na janela do carro de Michael.
Hey, você está bem? Tem que sair daí rápido!!!
Abro a porta, tentando ajudá-lo a sair.
OFF= Se der tempo de seguir com a ação, farei o mesmo com Lúcius. =ON
avatar
Yumiko

Data de inscrição : 02/03/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Silent Hill (Crônica Livre)

Mensagem por Lucius em Sex Fev 03, 2012 8:31 pm

Ouço gritos femininos vindo de longe, começo a olhar ao meu redor para ver onde eu estou e oque esta acontecendo, reparo que estou preso nas ferragens de meu carro que esta batido contra um outro e um poste, olho para os lados e vejo alguns carros batidos e um preste a despencar em algum lugar, tento me mecher para sair do carro mais não consigo, então começo a puxar minha perna com cuidado para ver se elas se soltam das ferragens, solto o cinto de segurança, abro a porta e começo a me apoiar na mesma para tentar me soltar.

Após alguns instantes vejo um homem saltando do carro que esta prestes a cair e percebo que o carro se inclina um pouco para frente, o mesmo homem corre para segurar o porta - malas do carro, começo a me desesperar premeditando uma queda fatal.

Vejo uma mulher saindo do outro carro batido, ela tenta ligar para algum lugar, mais pelo jeito não deve ter sinal, ela se aproxima do carro da frente e abre a porta tentando ajudar o motorista a sair de la - Ei, esqueça nós por enquanto, tente ajudar aquele carro que esta quase despencando....

"Eu preciso ajudar.....Só tenho que me soltar primeiro..."
- Tem mais gente dentro do carro ?? Grito olhando para o homem eu segura o porta-malas.

A cada respiração me esforço mais e mais para retirar minhas pernas das ferragens.



Off: Eu não havia entendido muito bem a criação da ficha, só um complementozinho nome certo : Lucas Parra...
Desculpa o erro aew, não irá acontecer novamente rabbit


Última edição por Lucius em Sex Fev 03, 2012 8:40 pm, editado 2 vez(es) (Razão : Correção)
avatar
Lucius

Data de inscrição : 04/07/2011
Idade : 21
Localização : São Paulo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Silent Hill (Crônica Livre)

Mensagem por Mindgame em Sab Fev 04, 2012 7:07 am

OFF = Blume.
Não se utilize de ignorância comigo, se a carapuça não tivesse servido tu não estarias assim "bravinho" atoa. Não generalizei, tu que está generalizando, e não usei mais do que moral e ética nas minhas colocações, mas se fores incapaz de assimilar tais conceitos, tudo bem, entenderei. Eu apenas esperava que não se encaixasse no comportamento que denigre a comunidade.
Eu já disse que minha intenção não era te ofender, se ofendi, desculpe, mas seja claro onde faltei com o respeito...

Quanto a crônica, você me bloqueou, então poste aqui se for mesmo deixar a crônica, mas se quiser continuar conversando o faça por MP (Por motivos óbvios). Só estou respondendo aqui perante seu anuncio precipitado de saída da crônica.
Não vai me punir nem ofender saindo dela. Prefiro que não o faça, claro, mas eu disse desde o começo que todos interpretariam seus eus reais, se for incapaz de ser você mesmo, não posso fazer nada.

E antes de tudo, por favor, leia com calma minhas palavras. Sua interpretação de texto foi horrível.
Abraços! = ON
avatar
Mindgame

Data de inscrição : 19/01/2011
Idade : 31
Localização : São Paulo, SP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Silent Hill (Crônica Livre)

Mensagem por giulio em Sab Fev 04, 2012 10:59 am

Logo acordo sem me lembrar de muita coisa,com a vista ainda embaçada noto meu carros engavetado com outro em cima do meu capuz.

"Mas que porra é essa?cadê a galera(banda)?"

Não conseguia ver ninguém no furgão da banda,apenas eu e alguns pertencens da galera,logo vejo que não da para sair com o furgão,noto que meu fone ainda jaz em meu pecoço tocando Linkin Park o cd do Live In Texas,procuro meu Mp3 e seleciono pausa,enfio de volta no bolso.Sem ter lógica de continuar ali,procuro minha bolsa da Drift(marca do Mike Shinoda meu idolo),coloco algumas coisas.o walk talk,do uma ligadinha para ver se dá sinal e ver se esta funcionando,pego o maximo de comida que puder,um pequeno cobertor que mal dava para mim,ja que cada um da banda tinha o seu,pego outro reserva,pego o IPhone do nerd da banda que nos mantia informado sobre as rodovias certas(GPS),procuro pilhas para meu Mp3 que é de pilha,olho meu celular X2-01 para ver se esta dando sinal e coloco de volta no bolso,logo depois escuto alguém batendo na na janela traseira e grito sem querer saber quem era:

-CARALHO,VAI TOMAR NO CÚ,QUER ME MATAR DE SUSTO?e olho para ver quem
é.
Para completar pego umas outras mudas de roupa outro chapéu e dois pares de baquetas e com ajuda da pessoa saiu do furgão.
Arrumo meu chapéu,coloco meu fone no ouvido para fingir que estou escutando(Mp3 etá desligado),coloco os dois pares de baquetas na bolsa e me impressiono ao ver o sangue no chão.
-Caraca,será que foi da galera da banda?Pergunto agora com nervosismo.
Independente d resposta vou segui-seguila.

itens

-Ferramentas simples para bateria
-Walk Talk
-2 pares de baquetas
-2 mudas de toupa simples
-3d/comida
-2 cobertor pequeno para 1 pessoa
-Mp3 e 6 pilhas Maximum Plus
-1 jaqueta reserva
-IPhone(com GPS também)


Última edição por Giulio em Sab Fev 04, 2012 11:18 am, editado 3 vez(es) (Razão : Correção)
avatar
giulio

Data de inscrição : 24/11/2011
Idade : 27
Localização : PB-JP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Silent Hill (Crônica Livre)

Mensagem por Yumiko em Sab Fev 04, 2012 11:49 am

"-CARALHO,VAI TOMAR NO CÚ,QUER ME MATAR DE SUSTO?"
Ao ouvir isso, fico um pouco irritada, mas procuro me controlar.
Quer morrer, seu idiota? O carro da frente está vazando gasolina! Sai logo daí!

OFF= Se o carro que estava pra cair ainda estiver lá =ON
Aquele carro está caindo! Por favor, ajude eles, eu não tenho força pra fazer alguma coisa lá!
E vou para o carro da frente ajudar Lucas.

OFF= Se o carro cair =ON
DROGA!
Eu tento controlar o desespero e me concentrar no que pode ser feito no momento.
Tem um homem preso no carro da frente, me ajude a tirar ele de lá!
avatar
Yumiko

Data de inscrição : 02/03/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Silent Hill (Crônica Livre)

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 5 1, 2, 3, 4, 5  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum